Post 531 – Tio Chico Informa nº 203 – Sobre a possível falsificação e/ou adulteração de pedigrees de FB de responsabilidade e de emissão do CBKC-FCI e a possível utilização indevida de importantes e atuais membros da Anfibra do nome de canis de sócios do CAFIB e do nome de Filas Puros de criação e registro do CAFIB !!! – Data: 4/01/18

Tio Chico Informa nº 203

Sobre a possível falsificação e/ou adulteração de pedigrees de FB de responsabilidade e de emissão do CBKC-FCI e a possível utilização indevida de importantes e atuais membros da Anfibra do nome de canis de sócios do CAFIB e do nome de Filas Puros de criação e registro do CAFIB !!!

Amigos e amigas do Fila Brasileiro (FB) e do CAFIB,

É com profundo pesar que questiono a Anfibra, clube que se formou a partir do furto de bens e patrimônio do CAFIB (vide na denúncia oficial do CAFIB em http://www.cafibbrasil.com/leitor_not/items/comunicado-do-cafib-aos-proprietarios-e-criadores-de-fila-brasileiro-no-brasil-e-no-mundo.html e em http://www.cafibbrasil.com/leitor_not/items/expulsao-ou-auto-desligamento-de-ex-diretores-do-cafib.html) e que desenvolveu todas as suas atividades até completar três anos de fundado como, por exemplo, organizou exposições e até vendeu pedigree, sem ter seu próprio Padrão Racial, sobre as considerações abaixo:

Considerando que:

  1. O Sr. Américo Cardoso dos Santos Junior, fundador, juiz, articulista, diretor e Conselheiro do CAFIB, proprietário do Canil Araguaya, registrado no CAFIB desde 1978, registrou a ninhada na qual nasceu o FB chamado Quilombo do Araguaya, nascido em 13/11/2007 somente no CAFIB, cujo pedigree original emitido pelo CAFIB segue postado abaixo e, também, levando-se em conta que o Sr. Américo nunca registrou seus FBs no sistema CBKC-FCI e em nenhum outro clube:

  1. Segundo apuramos, o site Dog Family, organizado pelo criador de FB, Sr. Roberto Sena Sene, mantem parceria com criadores de FB e com o CBKC, para fins de segundo a própria definição de seu objeto constante de sua página na web ser o “…jeito mais fácil de encontrar a origem do seu cão…” passando a ser possível via o Dog Family “…gerar a árvore genealógica dos cães com registro sem limitações de dados…”. Assim, este site é sem duvida uma ótima ferramenta para se estudar a genealogia dos FB apresentados. Desde que aqueles que cedem as informações não mintam e forjem dados;
  2. Que o Sr. Olegário Bretas, proprietário do canil São José da Lapa de Belo Horizonte-MG, — que jamais foi juiz do CAFIB e nunca recebeu autorização para julgar em nenhum país, muito menos na Polônia, que foi sócio do CAFIB muitos anos atrás, que registrou poucas de suas muitas ninhadas no CAFIB e verificou algumas ninhadas para o CAFIB na região de BH, — conforme somos obrigados a crer pela informação disponibilizada no site Dog Family, cuja foto segue postada abaixo, registrou ele próprio ou terceiros registraram, com ou sem a sua autorização, o mesmo exemplar de FB chamado Quilombo do Araguaya —  repito: criado pelo Sr.  Américo Cardoso  membro do CAFIB —  no CBKC-FCI, entretanto alterando o nome deste cão e rebatizando-o de Quilombo do Araguaya de São José da Lapa (???), mas mantendo a sua mesma data de nascimento de 13/11/2007:

Segue abaixo informação disponibilizada pelo site Dog Family do pedigree de Quilombo do Araguaya de São José da Lapa:

  1. O Sr. Joaquim Liberato Barroso, mais conhecido como Quinzinho, fundador e atual presidente da Anfibra, mesmo sabendo que Quilombo nasceu no Canil Araguaya,  usou este pedigree falsificado e/ou adulterado mencionado no item três acima, para registrar uma ninhada do canil Boa Sorte de propriedade até então de sua conhecida tia, Sra. Marília Barroso Pentagna, manchando com esta atitude anos de criação e tradição deste renomado criatório fluminense, a fim de justificar e viabilizar o acasalamento de Quilombo do Araguaya de São José da Lapa (???) com Loba da Boa Sorte, que deu origem a Una da Boa Sorte. Desta forma o Sr. Quinzinho se utilizou ilegal e indevidamente de Fila Brasileiro criado em canil membro do CAFIB, originando um pedigree falso emitido pelo CBKC-FCI com dados fictícios, pois, como sabemos, desde que se pague no CBKC-FCI se registra qualquer “cão” como sendo Fila Puro.

Segue abaixo pedigree de Una da Boa Sorte emitido pelo CBKC-FCI em nome Sra. Marília Barroso Pentagna:

 

  1. O Sr. Flávio Donizete Mancilha, ex-sócio do CAFIB, cujo pedido de renovação de sociedade lhe foi negado em abril de 2015, tido como um dos maiores criadores da Anfibra, assim como um tipo de “criador padrão” deste clube, também alterou o registro original do Fila-CAFIB chamado Quilombo do Araguaya, tornou o seu canil Cara Branca (Jacareí-SP) como criatório deste FB que é, REPITO,  de criação na verdade Canil Araguaya do CAFIB  e ele próprio se colocou como seu proprietário, entretanto mantendo corretos o nome e a data de seu nascimento, que comprovam a incongruência cometida.

Ou seja, o Sr. Flávio Donizete Mancilha se apropriou indevidamente do nome do famoso Canil Araguaya, de propriedade do Sr. Américo Cardoso dos Santos, membro do CAFIB desde sua fundação em 1978 e, ainda, se colocou magicamente como criador deste FB chamado Quilombo, talvez tentando passar-se como proprietário​ do tradicional Canil Araguaya.

Nota-se assim que mais uma vez a dupla cartório CBKC-FCI emitiu sem fiscalizar mais alguns pedigrees falsos e/ou adulterados, dentre milhares de pedigrees de FB emitidos nos últimos 47 anos, que certamente cobrou por este trabalho de emissão de documento, não se importando se este cartório atesta a verdade genealógica dos fatos e a pureza racial declarada neste documento. Lembrado que todo cartório trata-se de entidade publica ou privada que tem a guarda e custódia de documentos e que lhes dá a indispensável Fé Pública tanto no Brasil quanto na Bélgica. Mas isto parece que infelizmente não ocorre ao longo dos anos no Fila e “fila” registrados no CBKC-FCI. Lembrando também que falsificar e avalizar documentos espúrios e ilegítimos é crime no Brasil, na Bélgica e em qualquer país sério do mundo.

Segue abaixo pedigree do Quilombo do Araguaya tendo como seu criador (???) Canil Cara Branca emitido pelo CBKC-FCI:

 

  1. O Sr. Tênisson de Souza Cavalcante, advogado, fundador, primeiro presidente e atual vice-presidente da Anfibra, também sabendo usou pedigree falsificado e/ou adulterado em ninhadas do seu canil Santa Luzia-GO, e ainda envolveu neste erro e desvio dois tradicionais e respeitadíssimos canis membros do CAFIB: Canil Ibituruna do Dr. Paulo Angotti, de Governador Valadares-MG e o Canil Jawa do juiz do CAFIB Sr. Fabiano Nunes, de Guaratinguetá-SP, com as seguintes falsificações ou adulterações:

6.1. O FB de criação do membro do CAFIB, Dr. Paulo Angotti, de nome Umbu do Ibituruna foi “rebatizado” com o nome de  Umbu do IbiturunaSanta Luzia ???. Ou seja, o Sr. Tênisson de Souza Cavalcante colocou seu Canil Santa Luzia como sendo o canil de criação do Umbu do Ibituruna que passou a se chamar magicamente então de Umbu do Ibituruna Santa Luzia. Além disto, o mesmo ex-presidente da Anfibra, adulterou o nome do Fila de criação do Canil Jawa membro do CAFIB chamado de Zimbo de Jawa para Zimbo de Jawa Santa Luzia ???, conforme os dados abaixo disponíveis no site Dog Family:

6.2. O FB de criação do Canil Jawa membro do CAFIB de nome Leão de Jawa foi “rebatizado” com o nome de Leão de Jawa Santa Luzia ???.  Além desta mudança criminosa e inaceitável, o Sr. Tênisson de Souza Cavalcante, fundador e ex-presidente da Anfibra, alterou o nome de Sula de Jawa também nascida no Canil Jawa membro do CAFIB para o nome de Sula de Jawa Santa Luzia??? e alterou também o nome do Canil de criação de Jawa para BR Santa Luzia, conforme dados abaixo disponível no site Dog Family:

BASEADO NOS CONSIDERANDO ACIMA,

GOSTARÍAMOS DE PERGUNTAR:

1 – Será que o Fila Brasileiro criado e registrado honesta e seriamente no CAFIB, resultado de quatro décadas de APRIMORAMENTO e de trabalho responsável, realizado com muito conhecimento técnico e histórico pelo CAFIB é tão invejado por outros clubes, principalmente pela Anfibra, que alguns de seus fundadores e criadores chegam ao ponto de falsificar e/ou adulterar a margem da Lei, da ética e da moral os nomes dos tradicionais cães, canis e pedigrees do CAFIB ?  Se valendo da dupla de parceiros CBKC-FCI que no caso desta raça nada fazem, exceto emitir e vender qualquer pedigree com qualquer nome, filiação e propriedade, apenas para aumentar seu faturamento, e isto sem a menor fiscalização ? E, pior, sem respeitar seu próprio Estatuto ? Leiam neste Estatuto o Artigo 2 – Objetivos  em http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html ) que determina que a FCI deve apenas “…proteger o uso, a manutenção e a criação de CÃES DE RAÇA PURA nos países onde a FCI tem um membro…”. Ou seja, CBKC-FCI jamais poderia se prestar a emitir pedigrees falsos e muito pior para cachorros mestiços !!!

2 – Será que para a Anfibra e seus pretensos criadores VALE TUDO para se utilizar do famoso e PURO “sangue” do Fila-CAFIB, até mesmo falsificar e/ou adulterar  pedigrees ?

3 – Será que para a Anfibra e estes pretensos criadores VALE TUDO para venderem seus cachorros ?

 

FINALIZANDO:

I – As “impressões digitais” destas falsificações e/ou adulterações estão nos documentos apresentados acima e à disposição de todos. Assim como na muito boa ferramenta e site denominado Dog Family;

II – Esperamos que os criadores, juízes e dirigentes de todos os clubes envolvidos na criação e registro do FB, inclusive a distante e omissa FCI, reflitam e comentem sobre as absurdas falsificações e/ou adulterações acima e saibam escolher em que clube e pedigree devem confiar e, ainda, que urgentes medidas devem ser instauradas no seio da diretoria do CBKC que cada vez mais envolve a centenária FCI neste pântano, lodo e lamaçal sem fim;

III – Será que o CBKC e a FCI, com vergonha de seus erros, irão cancelar estes pedigrees bem como os dos filhotes oriundos destes cães registrados no seu Livro de Registro ? Ou será que vão continuar omissos e registrando qualquer “animal” como sendo FB desde que recebam em troca dinheiro para tal fim ?

IV – Logo, conclui-se assim que o CAFIB é único clube de Fila Brasileiro do mundo que tem seus pedigrees acreditados e dignos de fé. Para aqueles que ainda desconhecem a importância do pedigree — e acham que serve apenas para pendurar na parede… —  sugiro a urgente leitura do artigo intitulado “O Pedigree” escrito em 1977, pouco mais de um ano antes da fundação do CAFIB,  pelo Dr. Paulo Santos Cruz clicando no link da carta que ele mesmo me enviou em 1/02/77 em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/6-Documentos-de-1977/6_2/materia.html  ou na sua publicação na revista Animais & Veterinária nº 24 que tinha como Editor Chefe o jornalista Paulo Godinho em  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/6-Documentos-de-1977/6-6.jpg .

V – Será a Anfibra apenas um pretenso clube de FB cuja diretoria usa pedigrees falsos e/ou adulterados por alguns de seus dirigentes ?

VI – Como a Anfibra vai administrar e resolver este assunto ? A Anfibra se omitirá mais uma vez, imitando assim o silencio e a omissão da dupla CBKC-FCI, ou vai divulgar publicamente a solução e sanções adotada contra estes pseudo-criadores ?

VII – Será o CBKC-FCI no Caso do FB apenas um clube que emite para qualquer cachorro grande e cabeçudo um pedigree de FB, bastando para tanto ser pago para tal fim ?

VIII – Será que a Anfibra, clube que dizia quando de sua recente fundação que foi criado para revolucionar e inovar a criação do FB, mas que na verdade apenas furtou parte dos bens e patrimônio do CAFIB e apenas mal copiou o que o CAFIB já faz ha 40 anos com muito sucesso !!! Será que os dirigentes da Anfibra mencionados neste artigo estão sendo os COVEIROSda própria Anfibra, como gosta de adjetivar o Sr. Jan Kubesa  ?

IX – Será que o ex-presidente e o atual da Anfibra, respectivamente, o Srs. (advogado) Tênisson de Souza Cavalcante e Joaquim Liberato Barroso, mais conhecido como Quinzinho, poderiam nos informar se outros Filas Puros e outros canis do CAFIB também foram utilizados nesta falsificação e/ou adulteração feita por atuais membros da Anfibra ?

X – Os falsificadores de pedigrees do CBKC-FCI, corrigirão seus erros para não prejudicaram e impedirem as corretas informações genealógicas a que se propõe divulgar o site Dog Family ?

XI – Até quando a FCI vai acompanhar o CBKC neste atoleiro, lamaçal, lodo e pântano e sem fim ?

XII – O blog do Tio Chico ( https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/ ) encontra-se totalmente à disposição dos citados neste artigo para a devida divulgação de suas explicações, caso estas de fato expliquem ou apresentem alguma argumentação e correção inteligente e educada que mereça ser expressada.

 

CONCLUINDO:


Sendo assim, parabéns aos criadores do CAFIB, principalmente os Srs. Américo Cardoso dos Santos Junior, Fabiano Nunes e Paulo Angotti. Tudo leva a crer que o resultado do trabalho sério desenvolvido por voces há tantos anos enquanto verdadeiros criadores de Fila Brasileiro PURO do CAFIB foi reconhecido mas, infelizmente, também foi rasteiramente copiado a margem da lei, da ética, da moral e dos bons costumes. E, pelo visto, como sempre, com o aval do CBKC-FCI.

Pergunto ainda:

A – Será que criadores de Fila e de “fila” do CBKC-FCI também usam este ilegal e criminoso artifício para falsificar pedigrees do CAFIB e assim usarem Filas Puros comprados em canis do CAFIB para melhorarem e aprimorar suas criações ?

B – Será que estes criadores de Fila e de “fila” do CBKCFCI, que tem tantos cachorros e até mesmo os chamados de “fila-aberração” em seus canis, trocam a paternidade de suas ninhadas ? Isto é, fazendo uma troca espúria dos nomes dos Filas Puros comprados nos canis do CAFIB por nomes de cães do seu próprio canil ? E ai solicitam a emissão do pedigree do CBKC-FCI, informando criminosamente que os pais da ninhada a ser registrada são de outros “filas” de sua propriedade, já que CBKC-FCI, no que tange o FB, não verificam e controlam absolutamente NADA e apenas se preocupam em vender pedigrees e aumentar seu faturamento ???!!!

C – Será que Harrison Pinho, Alexandre Bacci, Marisa Kanap ou outros sócios do CBKC-FCI poderia esclarecer esta dúvida acima ?

D – Será por isto que tradicionais criadores de “fila-aberração” e de “fila-preto” de uma hora para outra aparecem nas pistas do CBKC-FCI e nas revistas especializadas  com cães de razoável tipologia, semelhantes aos Filas-CAFIB ?

                    Meus queridos amigos e amigas, sinto muitíssimo começar o ano com este duro questionamento, jamais por mim imaginado mas, como todos sabem eu continuo desde 1974 dando minha séria e honesta contribuição para proteger a verdadeira Raça Cão de Fila Brasileiro, longe da mestiçagem, dos mestiçadores e de seus herdeiros, dos fila-aberração”, dos “filas-mestiços” de todas as cores e dos falsificadores de pedigrees e seus dados, sejam estes pessoas ou Clubes.

NOTA: Agradeço muito a todos os membros do CAFIB que me ajudaram com seus inúmeros subsídios a escrever este artigo. Principalmente ao criador que me enviou o pedigree de Quilombo-Mancilha e dos demais que me enviaram os posts com os dados disponibilizados pelo site Dog Family, o qual se mostrou uma ótima ferramenta de trabalho. Espero que este site retire da sua biblioteca de dados todos estes pedigrees falsificados e/ou adulterados, para não levar criadores ao erro. Infelizmente estes membros que hoje se encontram na Anfibra se nivelaram aos demais falsificadores e adulterados de pedigrees da década de 70. Nada como o tempo para mostrar e desmascarar o caráter das pessoas.

Desejando a todos um Feliz 2018 !!!

Abraços, Chico Peltier.

Anúncios