Post n° 463 – Tio Chico Informa nº 179 – Data: Dez de 1975 – Local: Bar Alvaro`s, Leblon, Rio – Onde e quando realizei que eu tinha que começar a denunciar a mestiçagem na Raça FB – Onde e quando o inexperiente criador Chico Peltier começou a se transformar no denunciante, historiador e comentarista do FB conhecido como Tio Chico… Data: 16/02/2016

Tio Chico Informa nº 179

Data: Dez de 1975 – Local: Bar Alvaro`s, Leblon, Rio

Onde e quando realizei que eu tinha que começar a denunciar a mestiçagem na Raça FB    

Onde e quando o inexperiente criador Chico Peltier começou a se transformar no

denunciante, historiador e comentarista do FB conhecido como Tio Chico

 NOTA: se voce é preguiçoso, não gosta de ler e aprender, por favor, não leia este artigo…  (Obs: neste aviso acima me inspirei no criador de FB Tozinho Lara Campos, mais conhecido como “Cão Fila KM 26”, que tinha o costume de dificultar a entrada em seu canil de visitantes chatos, duros e, principalmente, daqueles que se  achavam  entendidos em FB…  Se é que voces me entendem  e  conhecem  a  Verdadeira História do FB…  Caso contrário aprendam em  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1812.jpg

 

Meus queridos amigos e amigas do Fila Brasileiro (FB),

              1. Quando e onde tudo começou:

00-alvaros-2

O restaurante Alvaro`s é um dos mais tradicionais do Leblon, Rio.  Foi fundado em 1963 pelo pernambucano Álvaro. Em 1967 foi comprado por Manolo Casal e desde então lá se degusta um dos melhores pastéis do Rio de Janeiro, além de um cardápio consagrado e um chope geladíssimo. O Alvaro`s sempre foi um bar frequentado por gente famosa, principalmente artistas, a turma do Pasquim, jornalistas, revolucionários, empresários e boêmios.

Pois bem, foi justamente no Alvaro’s que eu convidei para tomar um chope comigo num sábado de dezembro/75 o Zito Hermanny, amigo de meus irmãos mais velhos, além de ser meu conhecido do clube que frequentávamos.

Afinal, no segundo semestre de 1975 eu já estava muito preocupado com o futuro do Cão de Fila Brasileiro PURO e Zito, além de juiz de FB do então BKC, era filho do Velho Luiz Hermanny que iniciou a criação do FB no Rio de Janeiro ao fundar o Canil Amazonas que teve como origem os FBs do Canil Parnapuan. O Velho Hermanny escreveu um magnifico livro intitulado “O Cão Nosso melhor Amigo” onde se encontra um capítulo especial sobre o nosso FB. Vejam em

http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/3-Documentos-ate-1974/3_3/materia.html

Apesar de nem eu nem minha família jamais termos criado seriamente nenhum animal, eu estava muito preocupado em dez/75, pois havia conhecido o FB em janeiro de 1974, quando adquiri uma fêmea PURA filha de Braúna da Soledade x Bororó do ABC, no Canil dos Pampas, Rio (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1849.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1848.jpg, http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1845.jpg  e http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1844.jpg .

Vejam abaixo algumas fotos de minha fêmea FB Pura, chamada Charrua dos Pampas (Zorra):

 

1-zorra

2-zorra-ninhada

Nota: pelo fenótipo e temperamento acima demonstrado pela Charrua / Zorra, sinto muito pena quando estes criadores de “filas-mestiços” e juízes do CBKC-FCI, como o Sr. Alexandre Bacci, afirmam de forma tolamente irresponsável e ignorante, sem conhecerem a Verdadeira História da Raça Fila Brasileiro que o FB, ou simplesmente mentindo para manter, proteger, promover e vender seus “filas-mestiços” não se constitui numa raça, mais sim num grupo de cachorros mestiços… Pois vejam acima como era o Verdadeiro Fila PURO Brasileiro já em 1974…

Mas infelizmente nesta mesma oportunidade e canil também tive contato  – sem ter a menor ideia de que fosse – com o primeiro “fila-mestiço” que conheci. Seu nome era Arariboia (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/189.jpg ) que infelizmente veio a ser pai de dois cães “filas-mestiços” que adquiri: Dumas e Basa dos Pampas, ambos com pedigree do CBKC-FCI. Arariboia foi importando de São Paulo como veremos mais a seguir. Era extremamente dócil, interagiu pacificamente comigo desde o primeiro minuto que nos conhecemos. Ojeriza = zero… E eu nem sabia em 1974 que o FB tinha que ter ojeriza a estranhos… Arariboia não tinha “ojeriza” e adorava o carinho de estranhos. Era 50% sangue de Mastin Napolitano e encontra-se comigo na foto mais abaixo de nº 3.

Marquei este encontro com o Zito por três motivos básicos: (i) no segundo semestre de 1975 cada vez mais se comentava entre os criadores cariocas que criadores paulistas estavam miscigenando o FB com outras raças e eu, obviamente, não concordava com esta irregularidade, se esta fosse verdade. E era !!! (ii) Eu vinha cada vez mais conhecendo FBs de diferentes fenotípicos e os fotografava e desejava que o Zito visse estas fotos de cães tão diferentes. (iii) Além disto, meus três cães estavam crescendo e no final de 1975 apresentavam três cabeças muito diferentes. Como sabemos, a cabeça é a parte do corpo que mais define uma raça canina. Logo, como poderiam ser tão diferentes ? Bem, seriam, se houvesse a mestiçagem ilegal. E havia !!!

Vejam em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1829.jpg e mais abaixo na foto nº 4 as três cabeças tão diferentes dos meus cães, todos adquiridos com pedigree emitidos pelo então BKC-FCI, com o selo de qualidade atestando a pureza racial garantida pela tradição de 100 anos da FCI, informando que estes 3 cães se tratavam todos de FBs PUROS. Isto é: que seriam cães de raça pura como determina o Estatuto da própria FCI. Mas não eram, apenas um era !!!

Era então óbvio que os rumores e primeiras evidencias da mestiçagem tinham sim fundamento. Por isto pedi para me encontrar com o Zito a fim de entender o que estava acontecendo. Vejam o Zito julgando numa expo do então RJKC na foto abaixo nº 5. Infelizmente Zito nada sabia sobre a mestiçagem e até ficou bastante surpreso e contrariado com as fotos que eu lhe mostrei de cães que, em nossa opinião, não seriam FBs Puros, independente de possuírem pedigree do então BKC-FCI.

           3-arariboia4-tres-cabecas5-zito

foto nº 3                               foto nº 4                                   foto nº 5.

Mas este encontro foi extremamente útil, pois Zito me recomendou que eu procurasse em Santos, SP, um advogado de nome Dr. Paulo Santos Cruz que era o precursor na criação do FB; tinha elaborado o primeiro Padrão do FB nos idos de 1950, juntamente com o veterinário Sr. Rewin Waldemar Rathsam e o criador de FB Sr. João Ebner; tinha organizado a criação do FB enquanto Raça; era juiz de FB e de outras raças no então KCP-BKC e FCI; era na opinião do Zito a maior autoridade em FB; tinha justamente escrito os capítulos sobre o FB que foram publicados  no livro do pai do Zito, o qual se encontrava esgotado (vide foto mais abaixo nº 6); tinha sido criador e juiz de Pastor Alemão quando dava aulas sobre esta raça em alemão; assim como foi criador de Dobermann, raças que trocou ao conhecer o FB; era renomado professor de cursos para juiz do BKC-FCI, tinha sido o primeiro brasileiro a exportar FBs para a Alemanha e, ainda, era proprietário do lendário Canil Parnapuan e criador e juiz extremamente respeitado… Vejam e leiam este livro em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/3-Documentos-ate-1974/3_3/materia.html .

Nota: por “pura” ironia quis o destino que o veterinário Sr. Erwin Waldemar Rathsam, que também assinou o primeiro Padrão do FB, julgasse e premiasse como  Melhor Ninhada da Expo a que se encontra na foto acima. Esta foi a minha primeira ninhada de apenas três que criei no meu Canil CAFIBRA (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/15.html ). Esta ninhada possuía 25% de sangue de Mastin Napolitano, já que eram netos de Arariboia, assim como possuíam pedigree do então BKC e o selo de qualidade da FCI

Como gosto de pesquisar e aprender sou muito grato ao Zito por ter me aconselhado a conversar com o Dr. Paulo.

Afinal, meus amigos e amigas:

  1. se os primeiros mestiçadores – isto é, os paulistas Joao Batista Gomes do Canil Sete Barras e Ênio Monte do Canil ABC que importaram e se utilizaram de dois cães machos (!?!?!?!) da raça Mastiff Inglês; o também paulista e ex-policial rodoviário, Ibrahim Haddad Hercheu do Canil Bambarê, que conforme se comentava, pois este jamais conheci,  adquiriu um casal de Mastin Napolitanos pretos de um casal de italianos que retornava para a Itália; o mineiro Procópio do Vale do Canil Kirimauá, também chamado de Pai do Fila Preto, que se utilizou de cães da Raça Dinamarquês (Great Dane ou Dog Alemão) na coloração preta (foto nº 7 abaixo); a carta do Kennel Club Paulista datada de 11/09/78  atestado que J. B. Gomes e E. Monte possuíam cães Mastiff Inglês, cuja cópia recebi em Londres enviada pelo criador mineiro Carlos Alberto Barroso Pereira; minha Carta Aberta de Londres datada de 3/08/78 com uma denuncia completa sobre a mestiçagem (foto nº 8 abaixo) e a entrevista que o CAFIB realizou no Centro Hípico Paulista, SP com Ênio Monte (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_97/materia.html ) .

zzzxxx

Para acessarem estes documentos no meu site basta clicar em:

– J. B. Gomes: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/18%20(42).jpg

– E. Monte: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1843.jpg

– P. do Valle: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1816.jpg

– Carta KCP de 1978: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8-21-A.jpg

– Carta Tio Chico de 1978: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8_14/materia.html

– Entrevista E. Monte de 2011: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_97/materia.html

  1. se os primeiros criadores de “filas-mestiços”, seus antigos parceiros e os atuais herdeiros apelidados de NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem), assim como o trio cartório BKC-CBKC-FCI

…se estas pessoas e três clubes tivessem tido no início de suas criações o mesmo interesse que eu tive de conversar e aprender com o Dr. Paulo, certamente a moda da mestiçagem do FB principalmente com Mastiff Inglês, Mastin Napolitano e Dinamarquês (Great Dane ou Dog Alemão) na coloração preta não teria proliferado. Se bem que o então BKC, e na sequencia a partir de 1979 o CBKC, – data de criação deste clube – que tinham na época como presidente Henrique Pereira de Lucena, preferia mesmo era aumentar sempre seu faturamento e por isto registravam qualquer “cachorro grande e cabeçudo” como  sendo FB Puro, desrespeitando violentamente os Estatutos da FCI (vide em “Article 2 – Objectives” clicando em  http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html ). Justamente por isto o FB foi de 1977 até 1.982 a raça que mais registrou filhotes no BKC-CBKC-FCI, ficando em segundo lugar até 1.985 no CBKC.

Como todos sabem, esta “experiência” sem controle, jamais poderia ter sucesso, já que foi feita baseada na pura e simples falsificação de pedigrees, onde o produto desta mestiçagem jamais poderia ser devidamente acompanhada e selecionada. Ou seja, o simples desejo e crença de Ênio Monte de realizar, como ele nos relatou ao ser entrevistado pelo CAFIB, “…um choque de sangue” não se sustenta pelo modus operandi utilizado. Nesta entrevista, após o termino da gravação, ao me despedir de Ênio Monte disse para ele: “Dr. Ênio (*), em minha opinião, o senhor foi no FB uma pessoa de boa Fé e que desejava realmente melhorar o FB. Entretanto diferentemente do Cavalo Brasileiro de Hipismo que o senhor idealizou e criou do zero, o FB já existia… O senhor não respeitou este fato e esta enorme diferença”. Ele escutou, refletiu e nada me comentou…

(*) Ênio Monte criou do zero uma raça nova de  cavalo que ele chamou de Cavalo Brasileiro de Hipismo. Nesta criação não era fundamental as raças que foram usadas para cria-lo. O importante e fundamental é que este cavalo pulasse cada vez mais alto. Esta era sua função. Mas a enorme diferença era que o FB já existia e tinha seu tipo e temperamento já estavam definidos há muitos anos.

Obviamente uma “experiência” desta monta somente poderia ter sido realizada:

Dentro do âmbito do BKC-FCI:

A – com a concordância destes clubes e dos demais criadores de FB daquela época;

B – com a concordância expressa do então BKC que seria o responsável por manter, atualizar e controlar um Livro de Registros próprio para registrar e selecionar os cães mestiços produtos destas experiências;

C – o objetivo pretendido de fenótipo e temperamento deveria ser definido a priori de forma clara e aceita pelos demais criadores e clubes;

D – ou seja, os cães mestiços nascidos desta “experiência” jamais poderia receber pedigree de Fila Puro emitidos pelo BKC-CBKC-FCI;

E – esta “experiência” deveria ser feita e acompanhada por técnicos, veterinários, universidades, etc;

F – os cães mestiços fora do fenótipo idealizado pelos mestiçadores jamais poderiam ser registrados e seriam descartados. Deveriam ser dados como simples “vira-latas” que de fato eram;

G – os mestiçadores deveriam ter ciência que não tinham poderes para miscigenar a única Raça Brasileira já tipada, definida e reconhecida internacionalmente.

H – os mestiçadores deveriam ter ciência que toda e qualquer “experiência” pode dar errado !!! E deu !!!

Fora do âmbito do BKC-FCI:

I – os mestiçadores, ao contrário do exposto no item “F” acima, poderiam sim fazer qualquer tipo de experiência, a revelia dos demais criadores e clubes, mas tinham a obrigação de controla-la, de mantê-la exclusivamente num Livro de Registro próprio, onde seriam anotados os cruzamentos realizados, bem como os resultados destes;

J – jamais poderiam falsificar pedigrees e deveriam respeitar o mencionado acima nos itens os itens “C”, “E” e “F”.

Além disto, como lembrado acima qualquer “experiência” pode dar errado. E deu !!!

Ao contrário de uma experiência séria e controlada, que respeitasse no mínimo os itens acima, jantando com João Batista Gomes e Jacob Blumen (Canil Curumaú, Rio) descobri o que segue e pode ser lido em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9-24.jpg . Deste jantar sai com a nítida impressão que estavam querendo ganhar muito dinheiro com 55 cães mestiços que seriam apresentados como a grande “salvação” da Raça  FB. Ou seja, a salvação para o que os próprios mestiçadores causaram de errado mestiçando o FB com outras raças Justamente por isto escrevi minha Carta Aberta de Londres datada de 3/08/78 já postada acima.

11-estadao-acordo

Concluindo: na miscigenação praticada contra o FB, com apoio do trio BKC-CBKC-FCI que jamais contra esta se pronunciaram  atesta-se que:

K – o controle, acompanhamento técnico, objetivos pré-determinados, recursos financeiros necessários e prazo pré-determinado = a  zero, pois jamais existiram;

L – preferiu-se a simples, tola, amadora, ingênua e infrutífera falsificação de pedigree onde o fruto da mestiçagem jamais seria selecionado;

M – via um autoritarismo e uma prepotência inacreditável, dividiram a Raça FB em duas: o Fila-CAFIB que é homogêneo e o Fila-CBKC totalmente heterogêneo, caracterizado por muitos tipos diferentes de cães.

N – BKC-CBKC-FCI jamais fizeram uma única investigação decorrentes das dezenas de denuncias enviadas à estes clubes por criadores e  pelo CAFIB, jamais visitaram um único canil criador de “filas-mestiços”, jamais puniu um mestiçador e jamais retirou ou cancelou um único pedigree de um dos tantos “filas-mestiços” destes três clubes.

Ou seja, concluindo: se este mestiçadores, antigos e atuais, tivessem aprendido sobre o Verdadeiro Fila Brasileiro Puro com o CAFIB e o trio BKC-CBKC-FCI não se preocupassem apenas com seu faturamento, certamente hoje não teríamos os cachorros com pedigree de FB apelidados pejorativamente de fila-atarracado, fila-toy, fila-pet, mastifila, napofila, fila-preto, fila-gigante, roitt-fila, blood-fila, fila-dócil, fila-peludo, fila-carregado, filamarquês, fila-salada-genética e até o fila-aberração”  

 

2. Descobrindo e aprendendo com o Dr. Paulo Santos Cruz

Bem continuando com a minha aproximação com o Dr. Paulo:

Logo na segunda-feira seguinte a este encontro, antes de chegar ao meu trabalho, passei bem cedo num sebo que existia na Rua da Quitanda, no Centro do Rio e, com espantosa facilidade, encontrei o livro do Velho Hermanny. Na hora do almoço folheei avidamente o capitulo sobre nosso FB e imediatamente realizei que estava finalmente lendo um texto de alguém – Dr. Paulo Santos Cruz – que realmente conhecia profundamente o FB. Até que enfim, pela primeira vez desde Janeiro/74 – quase dois anos depois de me iniciar no FB — eu lia informações realmente abalizadas sobre o FB, longe dos achismos, disse-que-me-disse e teorias absurdas tão comuns entre os criadores e mestiçadores daquela época. Se bem que infelizmente até hoje estes tipos de pseudo-intelectuais do FB encontramos principalmente nos facebooks em conversas sem nenhum conteúdo histórico e técnico. A grande maioria que compra FB no sistema CBKC-FCI no dia seguinte se acha um expert em FB e que seu cão será um grande campeão e excelente padreador… No Fila-CBKC tudo é fácil, tudo é permitido, qualquer cachorro grande e cabeçudo recebe pedigree de FB Puro… Mas isto jamais ocorreu no Fila-CAFIB.

Naquela época eu trabalhava na Diretoria de Commodities de uma grande trading company brasileira e era responsável pelo escoamento de soja e milho do interior do Brasil ate os nossos portos. Depois fui promovido a Operador de Milho, quando fui trabalhar em New York no segundo semestre de 1976.  Quando retornei ao Brasil no Natal/76 fui promovido a Operador de Soja, sendo logo depois transferido para trabalhar em Londres onde residi em 1978 e 79.

Inicialmente responsável pelo transporte de grãos eu conhecia e trabalhava com muita gente no Porto de Santos que naquela época, juntamente com o Porto de Rio Grande, RS, eram os dois principais portos de escoamento da safra agrícola brasileira. Assim, em 24 horas um funcionário do Pool de exportação me ligou me passando o telefone do Dr. Paulo Santos Cruz que era um advogado muito respeitado e conhecido em Santos.

Abaixo nosso querido e inesquecível Dr. Paulo, que além de ter sido um grande amigo dos fundadores do CAFIB, é o Pai da Raça Fila Brasileiro, fundador e Mestre de Criação do CAFIB. O título de Mestre de Criação é exclusivo do Dr. Paulo, visto que o CAFIB não terá outro Mestre de Criação:

7-pscruz

Acima: Dr. Paulo nas duas primeiras fotos. Na terceira, Dr. Paulo ao final da Expo do CAFIB em Campinas no ano de 1983, ao lado dos criadores Pedro Borotti com Cauana do Amparo e José Maria Resende, com Saci do Querequexê, vencedores de Melhor Fêmea e Melhor Macho. Esta Expo foi presenciada por Christofer Habig, grande amigo do Fila PURO e do CAFIB, que mais tarde viria a ser vice-presidente da FCI (vide em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/08/25/post-no-34-tio-chico-informa-no-16-a-importancia-de-chris-habig-enviado-em-250812/  ). Chris estava comigo no Rio, visitamos o BKC de Lucena, conseguimos dele o primeiro frágil depoimento dele sobre a mestiçagem (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/10-Documentos-de-1980-a-1983/10-14.jpg , já que o segundo, desta vez para o prefácio do livro de Toninho Linhares Borges, é definitivo: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/11-Documentos-1984-ate/11_20a/materia.html )  e depois levei-o para Campinas.

Além disto, Chris Habig apesar de jovem já era renomado juiz da FCI especialista em Molossos e editor da importante revista europeia Molosser Magazin que sempre defendia o FB PURO e o CAFIB, além de não aceitar a existência do chamando “fila-preto”. E não foi só: em Maio de 1984 Chris Habig convidou o Dr. Paulo para participar das comemorações do “Dia do Fila” e do 30º aniversário da chegada do primeiro Fila  na Alemanha, que foi importado pelo Príncipe Albrecht Von Bayern justamente do Canil Parnapuan. Nesta oportunidade  Dr. Paulo proferiu uma palestra em alemão e realizou uma Análise de Fenótipo e Temperamento (AFT) nos FBs alemães, sendo ciceroneado pelo nosso querido amigo Chris.

Chris como um bom alemão era muito sincero e objetivo e mandou a carta da foto nº 11 que segue mais abaixo para o Procópio do Vale quando este teve a petulância de convidá-lo para escrever para o livro que este organizava:

Abaixo encontram-se o original e sua tradução da carta de C. Habig enviada a Procópio do Vale em 26/06/79 declinando do convite para escrever no livro de autoria do Procópio e informando que os criadores de FB da Alemanha apoiavam o CAFIB e não miscigenam seus FBs como ocorria no Brasil !!!  Vide foto nº 11. Esta  carta foi anexada ao  oficio nº 79-821 do BKC, datado de 18/07/79, assinada por seu  presidente,  Henrique Pedreira de Lucena, que puniu todos os fundadores  do CAFIB  não os homologando como  juízes do BKC (grande coisa…) e  colocando  sub judice  o  Dr. Paulo proibindo-o  de julgar. O mais cômico deste inútil oficio: como eu não era juiz minha absurda punição foi o Lucena “decretar” que eu era “persona non grata” e que assim não tinha poderes para me expressar sobre a  Raça FB. Logo o futuro Tio Chico e o  meu bom conhecido, o ex-padre Leonardo Boff,  teríamos que cumprir a  punição conhecida como “silêncio obsequioso”… Meu Deus, quanta tolice… O mais engraçado é que Leonardo Boff e eu escrevemos livremente, e muito, até hoje… E o Sistema cartorial BKC-CBKC-FCI e os criadores de “filas-mestiços” com pedigree continuam omissos e se escondendo sem argumentos…

Para ler este oficio completo basta clicar em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9_12/materia.html

Nesta mesma noite de segunda feira de Dezembro/75 liguei para o Dr. Paulo e ele me atendeu muito gentilmente. Achou ate gozado depois de tanto tempo um carioca ligar interessado em FB. Ocorria que ele há alguns anos – mesmos sendo juiz do CBK-FCI, de ser professor em cursos para juiz da FCI, de ter sido presidente do Santos Kennel Clube por 18 anos, de ser famoso palestrante inclusive para admiradores da raça Pastor Alemão, estava totalmente afastado de todo o tipo de cinofilia pois discordava de sua politica e de tantos egos inflados e interesses pessoais que ocorriam paralelamente aos da verdadeira cinofilia. Mas eu, como sempre muito otimista, vislumbrei uma chance pois, afinal, o Dr. Paulo ainda possuía FBs em sua casa, sendo um deles o temido Henequem…

Uma curiosidade: o Dr. Paulo me chamava em nossos longos e semanais telefonemas de Chico ou Peltier. Recentemente Airton Campbell comentou comigo que ele nas reuniões semanais do CAFIB em São Paulo me chamava de “Jovem Carioca Incansável e Persistente”… Adorei…!!! Aliás, 42 anos depois, continuo jovem e ainda mais incansável e persistente no que diz respeito ao Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro, independente de clubes e imaginando uma Raça FB totalmente Pura, unida e única !!!

Estes nossos telefonemas eram realmente constantes e eu adorava aprender naquela fonte inesgotável de sabedoria e conhecimento sobre a Raça FB, como também sobre os mais diversos assuntos. Afinal, Dr. Paulo teve uma ótima instrução, era muito culto, advogado renomado, e além de FBs possuía um enorme viveiros de pássaros e colecionava relógios antigos todos funcionando e badalando em sua casa. De quebra era casado com uma “santinha” de Niterói: Tia Antonieta…

Seu conhecimento sobre o FB era tão grande que quando o visitei pela primeira vez em Fevereiro de 1976 ele me mostrou os manuscritos do livro que ele estava escrevendo de próprio punho num grosso caderno da antiga e famosa marca Companheiro. Basta contar que ele me mostrou o item “orelha” que era subdividido em 10 subitens… Infelizmente, após seu falecimento, este caderno jamais foi achado. Devido a este fantástico conhecimento foi tão fácil para ele escrever um dos primeiros e mais sensacionais artigos que foi publicado no jornal O FILA nº 1 de Dez/78 (foto abaixo nº 12), que era editado pelo fundador e juiz do CAFIB, jornalista Luiz Antônio Maciel, intitulado “Como distinguir um Fila Puro de um Mestiço”. Vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/12-CAFIB%20BRASIL/12_1/materia.html ou no site do CAFIB em http://www.cafibbrasil.com/ofila.html onde se encontram arquivados todos os 42 números deste excepcional jornal.

7-1-cartas-habig

12-o-fila-como

foto nº 11                                                         foto nº 12

Da mesma forma, se os primeiros mestiçadores, seus herdeiros de hoje, os NAM`s, e o trio cartório BKC-CBKC-FCI tivessem estudado este artigo a mestiçagem não teria prosperado. Simples assim… Mas criador de FB é preguiçoso, não gosta de estudar e acha que sabe tudo de FB… Mesmo os que são analfabetos-funcionais… Logo após adquirir seu primeiro FB ou seu primeiro “fila-mestiço” – que certamente será campeão e um excelente padreador – esta turma de sabichões abre uma conta no facebook e passa a escrever tolices e mais tolices…

O fato é que minha visita ao Dr. Paulo se transformaria numa grande revolução na criação do FB. Ele, que estava afastado da cinofilia, se indignou ao ver as fotos dos mestiços de FB que eu lhe mostrei, principalmente do chamado “fila-preto”. Vide estas fotos em http://www.cao-filabrasileiro.com/#!__orga . Ele ficava pensativo, meio que duvidando do absurdo que eu lhe comprovava e eu apelei encarecidamente para que ele voltasse e ajudasse a salvar o Verdadeiro FB da extinção. Afinal ele era o grande responsável pela existência do FB… Dr. Paulo ficou de pensar… Finalmente, depois de muitas e muitas conversas telefônicas, em 23/06/76 ele me enviou uma carta (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4_15/materia.html ) que eu interpretei como sendo o seu retorno e imediatamente pedi que o jornalista Paulo Godinho publicasse uma nota a este respeito em sua coluna semanal no Jornal do Brasil, na época, juntamente com o Jornal O Estado de São Paulo, os dois mais respeitados jornais brasileiros. Desta forma procurei tornar seu retorno público e, portanto, irreversível…  Alias, a nota do genial Paulo Godinho extrapolou com o título “A Volta do Grande Mestre”. Vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4-17.jpg e ambas na foto nº 13 mais abaixo:

A fim de comprometer o Dr. Paulo total e definitivamente com o resgate do FB, insistia com ele em dois temas que o incomodavam muito: o terrível término do Registro Inicial (RI) que beneficiava os ”filas-mestiços” com  pedigree do BKC-FCI que era adorado pelos primeiros mestiçadores e seus seguidores (por favor, lembrem-se que o RI nada mais é do que a AFT criada pelo CAFIB e realizada até hoje antes de nossas Expos e a disposição dos criadores interessados) e o tal do mestiço “fila-preto” que tanto indignou o Dr. Paulo. Vejam em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/5-Registro-Inicial-FILA-BRASILEIRO/5-1.jpg e em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/7-Cao-Preto-x-Fila-Puro/7_2/materia.html assim como foto nº 14 abaixo:

         13-a-volta-do-grande14-ri-e-fila-preto

foto nº 13                                                   foto nº 14

Nota: é claro que antes de escrever e publicar meus artigos eu conversava com o Mestre de Santos… Como hoje ainda muitas vezes faço o mesmo com Airton Campbell, Jonas Iacovantuono, Américo Cardoso e Luiz Maciel… a quem muito agradeço.

Obs: Orgulho-me muito de ter sido o primeiro fileiro a denunciar e me colocar veementemente contra o fechamento do Registro inicial (RI) pleiteado e conseguido pelos primeiros miscigenadores junto ao irresponsável BKC de Lucena que, excluindo os Filas Puros sem registros que o CAFIB foi resgatar principalmente no Sul de Minas Gerais e no interior de São Paulo – onde o BKC não possuía filiais, nem se encontrava presente num Brasil continental, nem dava nenhuma facilidade para que o pedigree fosse obtido — ,  priorizava os recém-fabricados e inventados “filas-mestiços” daquela época… E, principalmente, os cães importados de outras raças em detrimento da cinofilia nacional. Orgulho-me muito de ter sido também o primeiro fileiro a denunciar e me opor firmemente à criação do chamado “fila-preto” que naquela época apelidei de “filamarquês”, produto da cruza de Fila tigrado com Dinamarquês preto.

Confesso que me entristece muito o medo e, me perdoem, a covardia dos criadores sérios de Filas Típicos do CBKC-FCI que não se organizam e se insurgem contra os dirigentes destes dois clubes e os criadores de “filas-mestiços”. Afinal, eu os enfrentei com muito menos conhecimento, sozinho e com apenas vinte e pouco anos de idade sem temor.

Devido a minha aproximação com o Dr. Paulo, aprendi muito com o Pai do Fila Brasileiro, me senti seguro e respaldado por ele e fui mais confiante à luta em defesa do Fila Puro. Com vinte e poucos anos fui o primeiro a denunciar sistematicamente a mestiçagem e enfrentar o poderoso Henrique Pereira de Lucena, então presidente do BKC e os primeiros mestiçadores; em Março de 1976 escrevi e publiquei – como apoio do jornalista e juiz all rounder do BKC Paulo Godinho que era editor da revista carioca Animais & Veterinária, — meu primeiro artigo que foi reproduzindo na coluna semanal que eu mantinha (imaginem a minha audácia e petulância…) no jornal carioca O Diário de Noticias (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4_5/materia.html ):

15-expressao-maxima

Com o passar do tempo o Dr. Paulo foi se reintegrando a cinofilia e principalmente ao FB. Passou a escrever com constância artigos e dava entrevistas que eram publicadas na revista Animais & Veterinária, Jornal do Brasil e na coluna semanal de Antonio Carvalho Mendes publicada no Jornal O Estado de São Paulo.

 

3. Dr. Paulo Santos Cruz e o CAFIB

Entretanto o Dr. Paulo foi convidado no primeiro semestre de 1978 para dar um curso sobre o FB no Centro Cultural Itamaraty, localizado na cidade de São Paulo. Desde curso participaram entre outros Airton Campbell, Américo Cardoso, Roberto e Marilia Maruyama e Marilda Mallet. Este curso foi segundo Américo Cardoso o embrião do CAFIB. Eu estava em Londres e nem fiquei sabendo destas ótimas notícias…

Mais detalhes da criação do CAFIB voces podem encontrar em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/12-CAFIB%20BRASIL/12_01/materia.html onde voces poderão ler:

16-cafib

Como é sabido a Comissão CAFIB durou poucos meses e não aceitou permanecer no Sistema CBKC-FCI visto que estes doi$ cartório$ canino$ não se preocupavam com a mestiçagem e sim com seu faturamento, enquanto que o CAFIB desejava RESGATAR, APRIMORAR e PRESERVAR o FB, em sua pureza racial. Então o CAFIB rompeu com o CBKC e nos tornamos um clube independente.

Nos aproximamos do Ministério da Agricultura e depois de longa exposição de motivos coordenada com muito afinco e precisão por Luiz Antonio Maciel, em 1980 foi concedido ao CAFIB o direito de registrar o FB. Esta grande vitória do CAFIB pode ser conhecida em detalhes em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/13.html .

Mas encarecidamente peço publicamente que cafibeanos como Américo Cardoso, Airton Campbell e Luiz Maciel escrevam e disponibilizem para a posteridade a história dos primeiros anos do CAFIB que neste particular eles conhecem mais do que eu.

A mestiçagem naquela época era tão comentada que no nº 12 do jornal O Fila do CAFIB, lançado em novembro de 1.979, na página 11, encontra-se o artigo: A lista dos Filas fora do padrão. Vejam mais abaixo foto nº 17. Alias, os mestiçadores, os dirigentes do trio BKC-CBKC-FCI daquela época nunca discordaram desta lista. Aqueles que atacam o CAFIB, inclusive criadores de antigos e novos clubes sempre que confrontados, se omitem e desaparecem…

 

4. A importância da imprensa e na divulgação para salvar o FB da extinção

Agradeço muito a imprensa por ter tido a sensibilidade de reconhecer que o CAFIB, ao contrario do trio BKC-CBKC-FCI e a maioria de seus sócios e clubes, estava realizando um trabalho sério, digamos, até ecológico, de preservação de um animal brasileiro que caminhava para a extinção devido à mestiçagem sem objetivos, sem controle e ilegal, visto se basear na falsificação de pedigrees.

Em especial agradeço ao jornalista Paulo Godinho que nas páginas do Jornal do Brasil e da revista Animais & Veterinária a partir de 1975, assim como também o jornalista Toninho Carvalho Mendes um pouco mais tarde nas páginas do Jornal O Estado de São Paulo, na época os dois mais importantes jornais do Brasil, sempre defenderam o Fila Puro e o CAFIB. Foram centenas de colunas destes dois jornalistas defendendo o Fila PURO e o CAFIB, sendo as principais digitalizadas e postadas no meu site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/ ).

Neste meu site voces encontrarão também um menu especial chamado A Importância da Imprensa clicando em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16.html

Agradeço também ao colunista Ibrahim Sued que muito prestigiou o FB e o CAFIB em sua coluna diária no jornal O Globo. Tanto que foi criado pelo CAFIB-Rio o Premio Melhor Temperamento Ibrahim Sued, (foto nº 22 mais abaixo). com o qual era homenageado o FB de Melhor Temperamento nas nossas 14 exposições que realizamos na Barra da Tijuca. Este troféu era um presente do CAFIB – Vale do Guaratinguetá, sob o comando de Sebastião Monteiro e do professor, palestrante e âncora da TV CAFIB, Jonas Tadeu Iacovantuono. Agradeço também os jornalistas Ricardo Boechat, Zózimo Barroso do Amaral, entre muitos outros, além da TV  Globo, TV Educativa, a antiga TV Manchete e a antiga Radio Guanabara que cobriam e divulgavam nossas Expos sempre em defesa do Fila Puro. Agradeço também a revista alemã Molosser Magazin editada por Christofer Habig  (foto nº 18 abaixo) e mais recentemente a revista americana Modern Molosser editada por Denise Flaim (vide https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2016/11/08/post-n-421-tio-chico-informa-156-a-revista-americana-modern-molosser-publicou-um-excelente-artigo-sobre-o-fila-brasileiro-data-8112016/ ), foto nº 19 abaixo.

 

17-lista-fora-do-padrao22-modern-e-molosser23-1-modern-e-molosser

foto # 17                                       foto # 18                                  foto # 19

Vejam também abaixo o importantíssimo apoio que recebemos da imprensa não cinófila no Brasil:

        18-imprensa-119-imprensa-221-imprensa-4

foto # 22

Ou verifique clicando em: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-1.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-21.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-23.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-24.jpg http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-30.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-34.jpg e http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1837.jpg .

O mais engraçado é que muitas colunáveis e socialites cariocas ligavam, para mim e, principalmente, para meus pais perguntando: — “Por que o Ibrahim põe as fotos dos cachorros do Chico na coluna dele e não põe a minha ou de minha família ?”… rsrsrs… Ora, porque o Ibrahim era muito vivo e foi capaz de sentir a importância ecológica da sobrevivência da única raça canina brasileira… Enquanto que “peruas”, existem muitas… rsrsrs… Muito gozado também é comentar que o presidente do BKC-CBKC, Henrique Pereira de Lucena, adorava coluna social e morria de medo do Ibrahim… Como muitos, aliás… Para os fileiros novos que também não sabem quem foi o Papa do Colunismo Social no Brasil, Ibrahim Sued, basta clicar em:  https://pt.wikipedia.org/wiki/Ibrahim_Sued .

 

5. Meus eternos agradecimentos ao CAFIB

Como sempre registro, reitero que serei eternamente grato ao CAFIB, seus fundadores, diretores e principais criadores, ainda mais aqueles que se empenharam no CAFIB na salvação do Fila PURO de 1978 até 1.990, pois estes foram os anos mais duros que enfrentamos. Basta clicar em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2016/05/09/post-n-362-perguntem-ao-tio-chico-no-131-o-inicio-da-formacao-do-plantel-cafib-quase-40-anos-atras-demonstrado-via-fotos-das-primeiras-afts-o-trabalho-unico-de-recuperacao-e-apr/ para ver como eram a frequência e tipicidade dos cachorros e FBs que compareciam às nossas primeiras Análises de Fenótipo e Temperamento e Expos do CAFIB.

Mesmo sabendo que cometerei esquecimentos, e desde já me desculpando, agradeço especialmente ao Dr. Paulo e Tia Antonieta (falecidos);  Airton, Rose e Mariana Campbell (será presidente do CAFIB, podem apostar…) do Canil Parque do Castelo; Américo e Cleide Cardoso do Canil Araguaya;  Luiz Maciel do Canil Barra do Bugre e editor do jornal O FILA ; Luciano e Denise Gavião do Canil Serra Dourada; Pedro e Eliziane Borotti do Canil Embaré; Jorge e Marisa Hino do Canil Hisama; Roberto e Marilia Maruyama do Canil Moinho Velho, Jose Souto Maior Borges do Canil da Fazenda Santa Paula e editor do jornal O FIBRA; Antonio da Silva Lima; Lineu Siqueira Jr. do Canil Fazenda Carolina;  Sergio Salgado de Oliveira do Canil Fazenda Poço Vermelho; Edmundo Contador Brandão do Canil três Curumins; Bernadete Soares de Oliveira do Canil Fazenda da Malota; Jonas e Verônica Iacovantuono, Walter (falecido) e Fabiano Nunes, do Canil Jawa; Sebastião (falecido), Domingos e Leo  Monteiro; Giovani Éder Carvalho do Canil Itapuã; Jurandir Meirelles; Ivan Roussef do Canil Balacobaco;  Genoí Faria do Canil Cunhatã; Waldomiro Castilho; Paulo Angotti do Canil Ibituruna; Jose Hamilton Alves Pereira do Canil Aquenta Sol; Iliano Pinto Ribeiro do Canil Engenho Velho; Toninho Linhares Borges do Canil Caramonã; Romero Tostes Pinto (falecido) do Canil Heropama; Gerson e Cintia Ribeiro Junqueira de Barros do Canil Itanhandu; Joao Nunes do Canil Alufan; Ernani Santa Rita (falecido); Ricardo Pacheco; Half Maas do Canil Ranor; Italo  Di Marzio  do Canil Princesa D’Oeste; José Gonçalves Franco Junior; Nelsinho e Édina Fernandes do Canil Mantiqueira; Caico Amaral do Canil Amparo; Marília Barroso Pentagna do Canil Boa Sorte;

Agradeço ainda muito a Antonio Alves Freire, Vicêncio Lomba Lima, Carlos Feijó, Helio Touriel,  Augusto e Marilia Canizza, Evandro Ballesteros, Gustavo Ribas, Helson Lemos, sem o apoio dos quais o CAFIB-Rio não teria sido um sucesso realizando 14 Expos na Barra da Tijuca.

No exterior agradeço também a Jaime Pérez Marhuenda e Elvira Pizones Fernández do Canil Acablocado; Inês Van Damme do Canil Los Tres Naranjos, ambos da  Espanha; Daniel Balsas do Canil Piedras de Afilar do Uruguai; Jerry Trias da República Tcheca; Linda Maggio nos USA e Aniello Aliberti da Itália.

E a muitos e muitos outros a quem mais uma vez peço desculpas pelo esquecimento involuntário…

Cabe-me comentar que a turma do CAFIB deu ao Dr. Paulo e a Tia Antonieta, a verdadeira administradora do Canil Parnapuan, um excelente final de vida. Com a volta deste casal ao mundo do FB eles ganharam muitos e queridos sobrinhos. Dr. Paulo viajava toda sexta-feira de tarde para São Paulo dar o curso onde floresceu o CAFIB, retornando sábado de madrugada; visitou o interior do Brasil na companhia dos fundadores do CAFIB a fim de obter Filas Puros;  percorreu muitas cidades brasileiras julgando e ministrado cursos. Foi homenageado indo até a Alemanha… Passou a ser o Mestre de Criação do CAFIB e escreveu artigos memoráveis destruindo as falsas teses que defendiam a miscigenação. Mas sem o Dr. Paulo, tenho plena convicção de que o CAFIB não se tornaria uma realidade, eu não teria conhecimento e suporte histórico e técnico para iniciar em 1976 minhas persistentes e constates denuncias, o CAFIB não teria formado tantos juízes, não teria o seu Padrão racial respeitado, admirado e até copiado em todo o mundo e até no Brasil. Afinal o CAFIB será sempre o único clube responsável por ter resgatado da extinção o Cão de Fila Brasileiro PURO, tal qual herdamos da Mãe Natureza. Dr. Paulo faleceu em 27/09/1990  proporcionando 13 anos de cultura e ensinamento indispensáveis para o CAFIB se desenvolver. Pois me lembro agora que logo após seu falecimento alguns dos primeiros miscigenadores e seus seguidores os conhecidos NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem) , isto, aqueles que ainda hoje cruzam e possuem “filas-mestiços” com pedigree, alardearam que seria o fim do CAFIB… Mais uma tolice desta turma reincidente em tantos erros… Lá se vão 27 anos e o CAFIB vai muito bem obrigado… Apesar de ter sido furtado em grande parte de seus bens e patrimônio, tais como site, senha, registros, documentos, arquivos, dados, fotos, centenas de jornais O FILA e de ser somente copiado por um recém criado clube que apregoavam que iriam revolucionar e inovar a criação do FB,  mas nada faze além de copiar o CAFIB… E muito mal !!! Vide em http://www.cafibbrasil.com/leitor_not/items/comunicado-do-cafib-aos-proprietarios-e-criadores-de-fila-brasileiro-no-brasil-e-no-mundo.html ).

 

5. Os “fileiros-analfabetos-funcionais”

Enquanto isto os “fileiros-analfabetos-funcionais” e os “fileiros-de-filas-mestiços” tolos e infantis me designam com apelidos pejorativos e falsos nos facebooks de forma agressiva e deseducada, me xingam, me enviam emails repletos de palavrões, me ameaçam fisicamente, afirmam que eu não posso escrever e responder perguntas ou que sou porta-voz do CAFIB… Mas o fato concreto é que não são nunca capazes de contra argumentar ou de refutar com inteligência, fundamentos e razões meus artigos, pensamentos e centenas de argumentos sólidos e comprovadosE muito menos tem capacidade de discordar da Filosofia de Criação do CAFIB !!! E contra argumentar discordando seria o mínimo que deveriam fazer, mas, não tendo argumentos se tornam totalmente  incapazes e, ai, injuriam, caluniam, mentem, se omitem e somem… Mas o Tio Chico retribui mostrando que – mesmo sem criar a quase 40 anos, pois se recusou a criar “filas-mestiços”, mesmo sendo possuidores de pedigree emitidos pelo então BKC e com o selo de pureza racial da FCI e de ter sido bajulado pelo BKC e CBKC do Lucena, os devolveu ao Canil dos Pampas, que foi também mais uma vítima dos primeiros mestiçadores, o que ele fez nestes últimos 42 anos pelo resgate, salvação e preservação do Cão de Fila Brasileiro PURO.

Pois eu desafio a todos voces apresentarem e compararem os seus currículos no FB com o do Tio Chico resumido neste artigo.. Aceitam este desafio ? Basta enviarem para meu email seus currículos. Tá apostado !!!…

6. Comparando os planteis CAFIB x CBKC: E precisa ?

Estes criadores acima mencionados e muitos e muitos outros que se juntaram ao CAFIB e foram inteligentes e capazes de entender, seguir e contribuir para a Filosofia de Criação do CAFIB, depois de 39 anos chegaram a este plantel típico, homogêneo e PURO que exemplifico abaixo:

         23-filas-cafib-124-filas-cafib-2

25-filas-cafib-326-filas-cafib-4

27-filas-cafib-529-filas-cafib-7

30-filas-cafib-8

Nota: a primeira foto acima é da cabeça do famoso Fila Puro chamado Lord, tirada na década de 70, com o legendário criador Zé Gomes de Oliveira – MG. Ou seja exatamente igual ao Filas-CAFIB. Logo, a Raça FB já esta fixada há anos… Mas o “juiz” A. Bacci acha que FB é cão mestiço, vira-lata….  Só mesmo se ele se refere ao “fila” criado e registrado no CBKC-FCI…

Infelizmente, outros criadores de “fila” e de “filas-mestiços”, assim considerados pelo CAFIB, preferiram acompanhar os primeiros miscigenadores e o trio cartório BKC- CBKC-FCI. Recordo-me dentre aqueles primeiros seguidores cujas criações encontravam-se fora do Padrão CAFIB, já mencionados no jornal O Estado de São Paulo e, depois, no jornal O FILA nº 12 os seguintes: Canil Curumaú, de Jacob e Andréia Blumen; Canil Cachoeira, de Ailton e Marly Milward de Azevedo; Canil Corumbá, de Jether Benevides Garotti;  Canil Samor, da família Sampaio Moreira; o Canil do Camping, de Clélia Kruel; o Canil Kirongozi, de Achileu Nogueira Filho; Canil Embirema de Wagner Bacconi; Canil Rio Negro de Raul Pereira; Canil Odnamra of Tenopmap de Armando Pires Pamponet; Canil Cruzeiro do Sul de Osni de Moraes Pinto; Consorcio Japonês do Canil Brasdog; além dos criadores Ivan Alves Corrêa de Brasília e Armando de Souza Reis de São Paulo.

Estes canis acima mencionados tiveram como seus seguidores e herdeiros nesta mestiçagem incontrolada, sistêmica e institucional, já que contou com o apoio institucional do BKC-CBKC-FCI, os criadores que hoje chamamos NAN`s (Neo Apologistas da Mestiçagem ) que depois de mais de 40 anos sem liderança, conhecimento, foco, objetivo e sem um fenótipo e temperamento pré-estabelecido e rigidamente fiscalizado, chegaram a uma quantidade enorme de tipos diferentes, heterogêneos e atípicos. Estes cães estão muito longe do padrão CAFIB e são os chamados ““fila-atarracado, fila-toy, fila-pet, mastifila, napofila, fila-preto, fila-gigante, roitt-fila, blood-fila, fila-dócil, fila-peludo, fila-carregado, filamarquês, fila-salada-genética e até o fila-aberração”. Ou seja são os chamados Mastim Brasileiros (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.htm ) que seguem exemplificados abaixo em seus tipos tão diferentes:  

32-filas-cbkc-133-filas-cbkc-2

35-filas-cbkc-441-filas-cbkc-10

43-filas-cbkc-1244-filas-cbkc-13

AFINAL, QUE TIPO DE PLANTEL DE FILA BRASILEIRO VOCE PREFERE ?

O plantel do FILA-CAFIB típico e homogêneo ou os diversos tipos heterogêneos e atípicos do “fila”-CBKC-FCI ? Em que clube voce encontra o que eu chamo há 40 anos de Pureza Racial em que clube voce encontra o que eu também chamo há 40 anos de SALADA GENETICA”?

Ou seja, meus amigos e amigas, infelizmente os criadores sérios de FB típico do CBKC-FCI (vejam o plantel destes criadores clicando em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2013/11/25/post-no-142-tio-chico-informa-no-54-fotos-de-56-filas-tipicos-do-cbkc-data-221113/ e em

https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2015/02/06/post-no-242-tio-chico-informa-no-88-fotos-de-mais-25-filas-tipicos-do-sistema-cbkc-fci-enviado-em-40215/ ) , assim como os criadores de “filas-mestiços” destes dois clubes, depois de mais de 40 anos de falta de objetivo racial pré-determinado, sem liderança, sem conhecimento, sem controle, sem APR, sem AFT, sem a ajuda financeira dos riquíssimos CBKC-FCI chegaram somente ao Mastim Brasileiro, vide em: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html . Ou o Tio chico esta errado ?

Quem discordar do Tio Chico, por favor envie seus educados e inteligentes argumentos contrários aos meus de forma clara e bem redigida para meu endereço eletrônico (fbcp2009@uol.com.br ). E vamos conversar estes assuntos de forma civilizada. Desde já muito grato.

 

6. Concluindo:

Meus amigos, o fato é que eu sozinho, com 20 e poucos anos, discordei imediatamente da mestiçagem, que para mim não fazia nenhum sentido.

Eu me infiltrei no meio de muitos destes mestiçadores e seus seguidores, principalmente, João Batista Gomes, Procópio do Valle e Jacob Blumen, passando a tomar conhecimento do absurdo, amadorismo, falta de controle e objetivos efetuados por estes aprendizes de feiticeiros que brincavam de Deus, desorganizando geneticamente uma Raça canina fixada há tanto tempo.

Ora, se voce cruzar o melhor Pastor Alemão do mundo com o melhor Boxer do mundo, talvez nasça o melhor Vira-Lata ou mestiço do mundo… Não existe este tal de “choque sanguíneo” sem controle, sem registros corretos adequados, sem acompanhamento técnico-científico, sem muito trabalho e, pior, com falsificação de pedigree. 

Além disto, existia muito comercio, marketing e muita vontade de se ganhar dinheiro fácil. E naquela época o FB virou infelizmente moda… E mais ainda o tal do “fila-preto” que é a cor mais comercializada do mundo em todos os segmentos de produção…

Mas infelizmente creio que o dirigente do CBKC, Sergio Castro, e os da FCI, Rafael de Santiago, Gerard Jipping, Raymond Triquet e Yves De Clercq,  apesar de totalmente cientes destas terríveis irregularidades que desrespeitam frontalmente os Estatutos da própria FCI no seu “Article 2 – Objectives” (vide em http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html ) que só permite a criação de cães de raça pura, vão continuar se “esquecendo”, se omitindo e faturando com a criação e registro de cachorros grandes e cabeçudos como se fossem FB. Os criadores sérios de FB típicos do CBKC-FCI continuarão se omitindo sem liderança e com medo de reagir e os criadores de “filas-mestiços” continuarão gostando mais de seus cachorros mestiços, fingindo que criam FB Puro, e dizendo que adoram e trabalham em prol da raça FB…

E a FCI prefere se esquecer que pouco tempo atrás resolveu idêntico problema de mestiçagem que existia na Raça Akita do Japão…

Afinal, como tenho afirmado,  se o FB fosse alemão ou inglês, seria uma das raças caninas mais populares e amadas em todo o mundo, pois teria sido criado e preservado num pais civilizado onde um clube como o CAFIB seria por todos respeitado e admirado, a começar pela própria FCI, que o apresentaria ao mundo como exemplo de clube a ser seguido e copiado. Se o CAFIB fosse alemão ou inglês, por ter resgatado esta raça animal da extinção, seria idolatrado pela imprensa e reconhecido como clube de utilidade publica e ecológica. Mas, esquecido pela FCI e no Brasil, criado por criadores e administrado por clubes dirigidos por “analfabetos funcionas” deu nesta grande mestiçagem.                                                                                    

Mas, Graças a Deus e ao nosso trabalho o CAFIB existe.

7. Finalizando:

yyy

Nota super especial: agradeço muito aos meus amigos Airton Campbell, Jonas Iacovantuono, Américo Cardoso, Luiz Maciel, Pedro Borotti e Cintia Junqueira que me ajudaram na coleta de alguns dos dados e informações que fazem parte deste artigo.

Desejando a voces todos um excelente Carnaval,

Abraços, Chico Peltier.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI + CBKC

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI + CBKC

Anúncios

Post n° 462 – Uncle Chico Newsletter # 179 – Where and when I realized that I had to start denouncing the Fila Brasileiro (FB) miscegenation – Where and when the inexperienced breeder Chico Peltier began to become the complainant, historian

Uncle Chico Newsletter # 179

Where and when I realized that I had to start denouncing the Fila Brasileiro (FB) miscegenation

Where and when the inexperienced breeder Chico Peltier began to become the complainant, historian and commentator of the Fila Brasileiro (FB)  known as Uncle Chico…

Note: If you are lazy, do not like to read and learn, please do not read this article …

Note: in this warning above I was inspired by the Fila Brasileiro (FB) breeder Tozinho Lara  Campos,  better  known as “Fila Dog KM 26”,  which  had the custom of making difficult the entrance in his kennel visitors and breeders that he considered as boring, tedious, unpleasant, inconvenience and, mainly, of those who believed themselves Fila Brasileiro (FB) experts… If you understand me and know the True History of Fila Brasileiro (FB)… Otherwise learn in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1812.jpg

My dear Fila Brasileiro(FB) friends,

 

 1. When and where it all began:

00-alvaros-2

The Alvaro`s Bar is one of the most traditional of  in the Leblon neighborhood, Rio de Janeiro. It was founded in 1963 by the Alvaro Pernambuco. In 1967 it was bought by Manolo Casal and since then there is one of the best pastries from Rio de Janeiro, as well as a consecrated menu and a very iced cold beer. The Alvaro`s has always been a bar frequented by famous people, mainly artists, Pasquim gang (*), journalists, revolutionaries, businessmen and bohemians.

(*) Note: During the Military Revolution in Brazil dating from 1964, Pasquim was the “revolutionary” newspaper that reacted more against  the established..

Well, it was at Alvaro’s Bar that I invited for a beer with me on a Saturday in December / 75 Mr. Zito Hermanny, a friend of my older brothers, besides being my acquaintance with the Club we used to attend.

After all, in the second half of 1975 I was already very worried about the future of the PURE Fila Brasileiro and Zito, as a former BKC judge, was the son of Mr. Luiz Hermanny who initiated the FB breeding in Rio de Janeiro and found the Amazonas Kennel that originated with the FBs from the very famous and traditional Parnapuan Kennel. Mr. Luiz Hermanny wrote a magnificent book titled “The Dog, Our Best Friend” which contains a special chapter on the FB. Look at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/3-Documentos-ate-1974/3_3/materia.html

Although neither I nor my family had ever seriously breed any animals, I was very worried about Dec/75, since I had known the FB in January 1974, when I acquired my only PURE female,  daughter of Brauna da Soledade x Bororó do ABC born in the Pampas Kennel, Rio (see in

http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1849.jpg ,http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1848.jpghttp://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1845.jpg  and http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1844.jpg .

Here are some photos of my  female, called Charrua dos Pampas (nicknamed Zorra):

1-zorra

2-zorra-ninhada

Note: because of the phenotype and temperament shown above by the Charrua / Zorra, I feel very sorry when these breeders of “mestizos-filas” and judges of the CBKC-FCI, such as Mr. Alexandre Bacci, say in a foolishly, irresponsible and ignorant way, without knowing the True History of the Fila Brasileiro that the FB or simply lying to maintain, protect, promote and sell their “mestizos-filas” ” is not a purebred dog, but rather a group of mongrel, bastard and mestizos dogs…  Then, see above as it was the True PURE Fila Brasileiro in 1974…

But unfortunately at this same opportunity and same kennel I also had contact – without having the slightest idea that it was – with the first “mestizo-fila” I met. His name was Arariboia (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/189.jpg) that unfortunately came to be the father of my two other dogs who were “mestizos-filas” that I acquired: Dumas and Basa dos Pampas, both with Pedigree of CBKC-FCI. Arariboia was importing from São Paulo as we will see more next. It was extremely docile, he interacted peacefully with me from the first minute we met. So “ojeriza” = zero… And I did not even know in 1974 that the FB had to have ojeriza to strangers … Arariboia had no “ojeriza” at all and loved the affection of strangers. He was 50% blood of Neapolitan Mastin  and it is with me in the photo below # 3.

I marked this encounter with Zito for three basic reasons: (i) in the second half of 1975, more and more Rio de Janeiro`s FB breeders  listened and commented that São Paulo FB breeders were cross-breeding the FB with other breed dogs and I, of course, did not agree with this irregularity if that was true. And was !!!, (ii) I was increasingly getting to know FBs of different phenotypes and I photographed them and I wanted Zito to see these photos of dogs so different, (iii) in addition, my three dogs were growing and by the end of 1975 they had three very different heads. As we know, the head is the body part that most defines a dog breed. So how could they be so different? Well, they would, if there was the FB illegal miscegenation. And there was !!!

See in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1829.jpg and below in photo # 4 the three different heads of my dogs, all acquired with pedigree issued by then BKC-FCI, i.e., with the seal of quality and breed purity guarantee by FCI 100 years of tradition, attesting that they were all three PURE FBs. That is: that they would be purebred dogs as determined by the Statute of the FCI itself. But they were not, only one was !!!

It was then obvious that the rumors and early evidence of miscegenation were unfortunately true. So I asked to meet Zito in order to understand what was happening. You can see Zito judging at an expo of the then RJKC (Rio de Janeiro Kennel Club) in the photo below # 5. Unfortunately Zito knew nothing about miscegenation and was even rather surprised and displeased with the photos I showed him of several dogs that, in his opinion, would not be PURE FBs, independent of holding pedigrees of the former BKC + FCI.

3-arariboia4-tres-cabecas5-zito

photo nº 3                               photo nº 4                                   photo nº 5.

But this meeting was extremely useful, since Zito recommended that I look for a lawyer named Dr. Paulo Santos Cruz in Santos, SP, who was the forerunner in the FB breedeing; had developed the first FB Standard in the 1950s, along with veterinarian Mr. Rewin Waldemar Rathsam and the FB breeder Mr. John Ebner; had organized the FB breeding; was a judge of FB and other breeds in the then KCP (Kennel Club Paulista), BKC and FCI; was in Zito’s opinion the greatest authority on FB; had just written the chapters on the FB that were published in Zito’s father’s book, which was exhausted (see photo below # 6); had been a breeder and judge of the German Shepherd when he lectured on this breed in the German language; as well as was the breeder of Dobermann, two breeds that he give up and changed when knowing the FB character; was renowned as a BKC-FCI judge of courses for judging, had been the first Brazilian to export FBs to Germany and still owned the legendary Parnapuan Kennel and was a breeder and judge highly respected … Look and read this book at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/3-Documentos-ate-1974/3_3/materia.html .

Note: by “pure” irony wanted the fate that the veterinarian Mr. Rewin Waldemar Rathsam, who also signed the first FB Standard, judged and awarded the Best Litter of the Expo that is in the photo above. This was my first litter of only three that I breed in my CAFIBRA Kennel (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/15.html ). This litter had 25% of blood of Neapolitan Mastin, since they were grandchildren of Arariboia, although they had pedigree of the former BKC with quality seal from FCI

Since I like to research and learn, I was very grateful to Zito for advising me to talk to Dr. Paulo.

After all, my friends:

1. If the first cross-breeders – that is, the “paulistas” (who born in the Brazilian State of São Paulo)  Joao Batista Gomes, Sete Barras Kennel and Ênio Monte, ABC Kennel, who imported and used two (!?!?!?!) English Mastiff male dogs; Ibrahim Haddad Hercheu from the Bambarê Kennel, who, as I have never meet him, bought a couple of black Neapolitan Mastin from an Italian couple who was returning to Italy; the “mineiro” (who born in the Brazilian State of Minas Gerais) Procópio do Vale, Kirimauá Kennel, also called Father of the Black Fila, who used dogs of the Great Dane or German Dog in the black coloration (photo # 7 below); the Kennel Club Paulista letter dated Sep, 11th-1978 certifying that J. B. Gomes and E. Monte had two English Mastiff dogs, a copy of which I received in London from Minas Gerais breeder Carlos Alberto Barroso Pereira; my Open Letter from London dated Aug, 3rd – 1978 with a complete denunciation of the miscegenation (photo # 8 below) and the interview that CAFIB conducted at Centro Hípico Paulista, (São Paulo Horse Center Club) SP, with Ênio Monte.

zzzxxx

To acesssuch doc`s, just ckick:

– J. B. Gomes: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/18%20(42).jpg

– E. Monte: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1843.jpg

– P. do Valle: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1816.jpg

– KCP Letter dated 1978: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8-21-A.jpg

– Uncle Chico Open Letter in English from London dated 1978: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-14/Page6.html

– CAFIB interview in English with  Enio Monte de 2011: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_97/materia_eng.html

  1. If the first breeders of “mestizo-filas”, their partners and his current heirs nicknamed NAM`s (Neo Apologists of Miscegenation), as well as the trio registry BKC-CBKC-FCI

… if these people and three clubs had at the beginning of their breeding the same interest that I had to talk and learn from Dr. Paulo, certainly the fashion of FB miscegenation mainly with English Mastiff, Neapolitan Mastiff and Great Dane or German Dog in the black color would not have proliferated. Although the former BKC, and in the sequence from 1979 on – date of foundation of this club – the CBKC, which had at that time as president Henrique Pereira de Lucena, preferred always increase the club billing and for this reason CBKC registered any “big dog with big head” as being PURE FB, violently violating the FCI Statutes (see” Article 2 – Objectives” by clicking http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html ). For this reason the FB was from 1977 to 1982 the most registered breed in the BKC-CBKC-FCI, System ranking second until 1.985 at the CBKC.

As everyone knows, this uncontrolled “experience” of FB miscegenation could never be successful, since it was based on the pure and simple pedigree falsification, where the product of thiscross-breeding could never be properly monitored and selected. That is, Enio Monte’s simple desire and belief to perform, as he reported to us during his interview to CAFIB “… a shock of blood …” is not sustained by the modus operandi used. In this interview, after the end of the recording, as I said goodbye to Ênio Monte, I said to him: “Dr. Enio, in my opinion, you were in the FB a person of good Faith and who really wanted to improve the FB. However, unlike the Brazilian Horse of Equestrianism (*) that you idealized and created from scratch, the FB already existed … You did not respect this fact and this enormous difference”. He listened, thought, and told me nothing …

(*) Mr. Monte create from the very beginning a horse named by himself as Brazilian Horse of Equestrianism. No matter the horses breeds involve in this mixture. The important thing was always jump higher. The enouirmous differenc was that de FB already exist for many, many time..

Obviously an “experience” of this mount could only have been accomplished:

Within the scope of BKC-FCI:

A – with the agreement of these clubs and the other breeders of FB of that time;

B – with the expressed concurrence of the former BKC who would be responsible for maintaining, updating and controlling a proper Book of Records to register and select the mongrel, bastards and “mestizos” dogs products of these experiments;

C – the intended objective of phenotype and temperament should be defined a priori clearly and accepted by other breeders and clubs;

D – that is, the “mestizos” dogs born from this “experience” could never receive a Pure FB pedigree issued by BKC-CBKC-FCI System;

E – this “experience” should be made and accompanied by technicians, veterinarians, universities, etc;

F – the mestizo dogs outside the phenotype idealized by the cross breeders could never be registered and would be discarded. They should be given as mere “mutts” that of course they were;

G – the cross breeders should be aware that they had no power to mix the only Brazilian Breed already defined, with his own typology  and recognized internationally.

H – the cross breeders should be aware that any “experience” can go wrong !!! And gave !!!

Outside the scope of BKC-FCI:

I – the cross breeders, contrary to what was exposed in item “F” above, could do any kind of experience, in default of the other breeders and clubs, but had the obligation to control it, to keep it exclusively in a Record Book Where the crossings made, as well as the results of these crossings, would be recorded;

J – could never falsify pedigrees and should respect the items “C”, “E” and “F” above.

In addition, as noted above any “experience” can go wrong. And gave !!!

Contrary to a serious and controlled experience, which respects at least the above items, dining with João Batista Gomes and Jacob Blumen ( Curumaú Kennel, Rio) I discovered what follows and can be read at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9-24.jpg . From this dinner I come out with the clear impression that they were wanting to earn big money with 55 mongrel, bastards and “mestizos” dogs that would be presented as the great “salvation” for the FB. That is, the salvation for what the cross-breeders  themselves have done wrong by crossing the FB with other breeds… This is precisely why I wrote my Open Letter to London dated Aug, 3rd.78 already posted above in English (i.e.,. http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-14/Page6.html )

11-estadao-acordo

In conclusion: in the miscegenation practiced against the FB, with the support of the trio BKC-CBKC-FCI, remembering that these three clubs never the miscegenation pronounced anything once:

K – control, technical follow-up, predetermined objectives, necessary financial resources and predetermined term = to zero, since they never existed;

L – preferred to simple, silly, amateur, naive and fruitless pedigree falsification where the fruit of miscegenation would never be selected;

M – via an authoritarianism and an unbelievable prepotency, divided the FB Breed into two: the Fila-CAFIB which is homogeneous and the Fila-CBKC totally heterogeneous, characterized by many different types of dogs. BKC-CBKC-FCI have never made a single investigation as a result of the dozens of complaints sent to these clubs by breeders and by CAFIB, they have never visited a single “cross-breed” kennel, never punished a cross-breeder and never withdrew or canceled a pedigree of one of the many “cross-breed-filas” ranks of these three clubs.

In other words, if these ancient and current breeders had learned about the True PURE Fila with CAFIB and the trio BKC-CBKC-FCI not only care about their billing, surely today we would not have the CBKC-FCI pedigree for dogs nicknamed pejoratively by: “stocky-fila, toy-fila, pet-fila, masttiff-fila, neapolitan-fila, black-fila, giant-fila, roitt-fila, bloodhound-fila, docile-fila, hairy-fila, heavy loaded-fila, fila-marques, genetic salad fila” and even the “freak-fila.

 

2. Discovering and learning with Dr. Paulo Santos Cruz

Well, continuing my visit to Dr. Paulo:

Next monday morning, before arriving at my work, I passed very early in the sebum (books antiques shop) that existed on Quitanda Street, in the Center of Rio, and with astonishing ease way I found Mr. Luiz Hermanny’s book. At lunchtime I eagerly leafed through the chapter on our FB and immediately realized that I was finally reading a text from someone – Dr. Paulo Santos Cruz – who really knew the FB deeply. Finally, for the first time since January 1974 – almost two years after I met for the first time the FB – I read really authoritative information about FB, far from the gossip and the absurd theories so common among breeders and cross-breeders of that time. Although unfortunately to this day these types of pseudo-intellectuals on FB we find mainly in facebooks in conversations without any historical and technical content. The great majority of people who buy FB in the CBKC-FCI notary System the next day find themselves an expert in FB, that their dog will be a great champion and excellent stud dog… At Fila-CBKC everything is easy, everything is allowed, any big dog with big head and gets a Pure FB pedigree… But this has never happened in CAFIB.

At that time I worked in the Commodities Department of a large Brazilian trading company and was responsible for the flow of soybeans and corn from the interior of Brazil to our ports. Later I was promoted to Corn or Maize Operator, when I went to work in New York in the second half of 1976. When I returned to Brazil on Christmas / 76 I was promoted to Soybean Operator, being soon transferred to work in London where I lived in 1978 and 79.

Initially responsible for transportation of grains I knew and worked with many people in the Port of Santos at that time, together with the Port of Rio Grande, RS, were the two main ports of disposal of the Brazilian agricultural crop. So, in 24 hours an employee of the Grain Export Pool called me and inform me the phone number of Dr. Paulo Santos Cruz, who was a very respected and known lawyer in Santos.

Below is our beloved and unforgettable Dr. Paulo, who besides being a great friend of the CAFIB founders is the Father of the Fila Brasileiro, founder and CAFIB Master Breeding. The title of Master Breeding  is exclusive to Dr. Paulo, since CAFIB will not have another Master Breeding:

7-pscruz

Above: Dr. Paulo in the first two pictures. In the third, Dr. Paulo at the end of the CAFIB Expo in Campinas, SP in 1983, alongside the breeders Pedro Borotti with Cauana do Amparo and José Maria Resende, with Saci from Querequexê, winners of Best Female and Best Male. This Expo was witnessed by Christofer Habig, a close friend of the PURE Fila and CAFIB, who would later become vice-president of FCI (see in English https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/08/25/post-n-33-the-importance-of-chris-habig-sent-aug-24th-2012/   ). Chris was with me in Rio, we visited Lucena, CBKC president, we got from him his first fragile testimony about miscegenation (see in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/10-Documentos-de-1980-a-1983/10-14.jpg, since the second one, this time to the preface of Toninho Linhares Borges’s book, is definitive:http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/11-Documentos-1984-ate/11_20a/materia.html ) and then I took Chris Habig to Campinas.

In addition, Chris Habig was a renowned FCI jufge in Molosso and editor of the major European magazine Molosser Magazin, who always defended PURE FB and CAFIB, and did not accept the existence of the so-called “black-fila“. And it was not only: in May 1984 Chris Habig invited Dr. Paulo to participate in the “Fila Day” celebrations and the 30th anniversary of the arrival of the first Fila in Germany, which was imported by Prince Albrecht Von Bayern precisely from the Parnapuan Kennel. On this occasion, Dr. Paulo gave a lecture in German and performed a Analyses of Phenotype and Temperament (APT) on the German FBs, being conducted by our dear friend Chris.

Chris as a very good and correct German was very sincere and objective and sent the letter of the photo # 11 that follows more down to Procopio do Valle when this one had the petulance of inviting him to write for the book that he was organizing:

Below is the original (photo nº 11 ) and its translation to Portuguese of the letter of C. Habig sent to Procópio do Vale on Jun, 26th.- 1979 declining from the invitation to write in the Procópio`s  book authorship and informing that the German FB breeders supported the CAFIB and do not cross-breed their FBs as happened in Brazil !!! This letter was attached to official letter no. 79-821 of the BKC, dated July 18, 1979, signed by its president, Henrique Pedreira de Lucena, who punished all the founders of CAFIB not approving them as BKC judges (great thing = zero…) and placing sub judice Dr. Paulo forbidding him to judge. The most comical of this useless punishment: as I was not judge my absurd punishment was Lucena “decree” that I was persona non grata and that thus had no power to express myself on the FB subjects. Soon the future Uncle Chico and my good acquaintance, the ex-priest Leonardo Boff, we would have to fulfill the punishment known as “obsequious silence“… My God, how silly … The funny thing is that Leonardo Boff and I wrote freely and a lot to this day … And the BKC-CBKC-FCI cartorial System and the breeders of “mestizos-filas” with pedigree remain silent and hiding without arguments… To read this just click on http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9_12/materia.html

 

               That same Monday night of December / 75 I called Dr. Paulo at his home by phone and he greeted me very kindly. He found it so enjoyable after so long time a “carioca” (i.e., a person like myself nicknamed like that, because I was born in Rio de Janeiro) to call him interested in FB. It happened that a few years ago, even as a judge of the CBK-FCI, to be a teacher in courses for the FCI judge, to have been president of the Santos Kennel Club for 18 years, to be a famous speaker even for admirers of the German Shepherd breed, was totally estranged from all kinds of dog fancy, because he disagreed with its politics and with so many inflated egos and personal interests that occurred parallel to those of true dog world. But I, as always very optimistic, glimpsed a chance because, after all, Dr. Paulo still had FBs in his house, one of them being the feared Henequem …

A curiosity: Dr. Paulo called me on our long and weekly phone calls from Chico or Peltier. Recently Airton Campbell commented to me that he at the weekly CAFIB meetings in São Paulo called me “Untiring and Persistent Carioca Youth” … I loved it … !!! In fact, 42 years later, I am still young and even more tireless and persistent with regard to the True PURE Fila Brasileiro, independent of clubs and imagining a FB breed, PURE, united and unique !!!

These were our constant phone calls, and I loved learning from that inexhaustible source of wisdom and knowledge about the FB, as well as the various subjects. After all, Dr. Paulo had a great education, he was very cultured, a renowned lawyer, and besides FBs he owned a huge bird nursery and collected antique watches all running and chattering in his house. On the other hand he was married with a wonderful person named Aunt Antonieta …

Dr. Paulo`s knowledge of the FB was so great that when I first visited him in February 1976 he showed me the manuscripts of the book he was writing with his own hand. He showed me the item “ear” which was subdivided into 10 sub-items… Unfortunately, after his death, this notebook has never been found. Due to this fantastic knowledge it was so easy for him to write one of the first and most sensational articles that was published in the newspaper O FILA nº 1 of Dec / 78 (photo below nº 12), that was edited by the founder and judge of the CAFIB, journalist Luiz Antonio Maciel, entitled “How to distinguish a Pure Fila from a Mestizo“. See in photo # 12 below or http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/12-CAFIB%20BRASIL/12_1/materia.html or in the CAFIB`s website http://www.cafibbrasil.com/ofila.html  where all the 42 numbers of this exceptional newspaper are stored.

7-1-cartas-habig12-o-fila-como

 

photo nº 11                                 photo nº 12

Similarly, if the early cross-breeders and their heirs today, that I nicknamed them NAM`s (Neo Apologists of Miscegenation), and the notary registry trio BKC-CBKC-FCI had studied this article, the miscegenation would not have prospered. Simple like that … But FB’s breeders are lazy, does not like to study and thinks he knows everything about FB … Even those who are illiterate-functional … Soon after acquiring his first FB or his first “mestizo-fila” – who will certainly be a champion and an excellent stud – this no smart people opens a facebook account and goes on to write nonsense and silly things…

The fact is that my visit to Dr. Paulo would become a great revolution in the FB breeding. He, who was away from the dog world, was indignant to see the photos of the “mestizos-filas”  that I showed him, mainly the so called “black-fila”. See some of theses photos with English text in http://www.cao-filabrasileiro.com/#!__orga-ingles . He was thoughtful, half doubting the absurdity I proved to him, and I appealed to him so that he would come back and help save the True PURE FB from extinction. After all, he was responsible for the existence of the FB… Dr. Paulo stopped thinking and ask for soime time… Finally, after so many phone conversations on Jun, 23rd.-19776 he sent me a letter (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4_15/materia.html ) which I interpreted as his return and immediately asked the journalist Paulo Godinho to publish a note in this regard in his weekly column in the newspaper Jornal do Brasil, at the time, together with the newspaper O Estado de São Paulo, the two most respected Brazilian newspapers  In this way I tried to make his return public and, therefore, irreversible … The note of the great Paulo Godinho extrapolated with the title “The Return of the Great Master“. See in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4-17.jpg and both in the photo nº 13 below:

In order to compromise Dr. Paulo totally and definitively with the rescue of the FB, I insisted with him on two issues that bothered him greatly: the terrible ending of the Initial Registry (IR) that benefited the “mestizos-filas” with BKC-FCI pedigree adored by the first cross-breeders and their followers (please remember that the RI is nothing more than the CAFIB Analyses of Phenotype and Temperament  (APT) invented by the CAFIB and which is held until today before our Expos at disposition of the interested breeders) and the mestizo “black-fila” that so indignant Dr. Paulo. Look at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/5-Registro-Inicial-FILA-BRASILEIRO/5-1.jpg and  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/7-Cao-Preto-x-Fila-Puro/7_2/materia.html  as well as photo nº 14 below:

13-a-volta-do-grande14-ri-e-fila-preto

photo nº 13                                     photo nº 14

Note: it is clear that before writing and publishing my articles I talked with the Master of Santos … As today I still often do the same with Airton Campbell, Jonas Iacovantuono, Américo Cardoso and Luiz Maciel … whom I thank.

Note: I am very proud to have been the first one in the FB to denounce and strongly oppose the closure of the Initial Registration (IR) pleaded and obtained by the first FB cross-breeders  with the irresponsible BKC ex-president  Henrique Pereira de Lucena that, excluding the Pure Filas without pedigree that the CAFIB rescued mainly in the south of Minas Gerais and in the interior of São Paulo – where the BKC had no branches, nor was present in a continental Brazil, nor gave any facility for the pedigree to be obtained -, prioritized the newly manufactured and invented  “mestizos-fila” of that time… I am very proud that I was also the first to denounce and strongly oppose the invention of the so-called “black-fila” which at that time I called “filamarquês“, the product of the illegal cross of brindle Fila with Black Great Dane.

I confess that I am very saddened by the fear and, forgive me, the cowardice of the serious breeders of Typical CBKC-FCI Filas who do not organize themselves and insurrection against the leaders of these two clubs and the breeding of “mestizos-filas”. After all, I faced them all with much less knowledge, alone and at the age of my twenties without fear.

Due to my close relationship with Dr. Paulo, I learned a lot from the Father of Fila Brasileiro, I felt safe and supported by him and I was more confident in the fight in defense of PURE Fila. In my early twenties I was the first to denounce systematically the miscegenation and to face the powerful Henrique Pereira de Lucena, former president of the BKC and CBKC and the first cross-breeders; in March 1976 I wrote and published – with the support of the journalist and all-rounder BKC judge Paulo Godinho who was editor of the Rio de Janeiro magazine Animals & Veterinary, – my first article that was reproduced in the weekly column that I maintained (imagine my audacity and petulance…lol…) in the newspaper Diário de Noticias (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4_5/materia.html ):

15-expressao-maxima

With the passage of time Dr. Paulo was reintegrating into the dog-fancying and mainly to the FB. He began to write articles consistently and gave interviews that were published in the journal Animals & Veterinary, Jornal do Brasil and in the weekly column of Antonio Carvalho Mendes published in the newspaper O Estado de São Paulo.

 

3. Dr. Paulo Santos Cruz and CAFIB

Meanwhile Dr. Paulo was invited in the first semester of 1978 to give a course on FB at Centro Cultural Itamaraty, located in the city of São Paulo. From the course, Airton Campbell, Américo Cardoso, Roberto and Marilia Maruyama and Marilda Mallet participated. This course was according to Américo Cardoso the CAFIB embryo. I was in London and I did not even know about this great news …

More details on the CAFIB foundatios you can find in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/12-CAFIB%20BRASIL/12_01/materia.html where you will be able to read:

16-cafib

As it is known, the CAFIB started as a Commission under BKC, but lasted a few months and did not accept to remain in the BKC-FCI System, since these two notary dogs club did not worry about miscegenation, but with its revenues, while CAFIB wanted to RESCUE, IMPROVE and PRESERVE the FB in its racial purity. So CAFIB broke up with BKC and became an independent club, issuing its own pedigrees.

We approached the Brazilian Ministry of Agriculture and after a long exposition of reasons coordinated with great finesse and precision by Luiz Antonio Maciel, in 1980 CAFIB was granted the right to register and issue FB pedigrees. This great CAFIB victory can be read http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/13.html .

But I strongly urge that CAFIB founders such as Américo Cardoso, Airton Campbell and Luiz Maciel to write and make available to posterity the history of the early years of CAFIB, which in this particular they know more than I do.

The miscegenation at that time was so commented that in # 12 of the newspaper O Fila, released in November 1,979, on page 11, is the article: “The list of non-standard Filas”. See below photo # 17. Alias, the cross-breeders, the leaders of the trio BKC-CBKC-FCI, those who attack CAFIB, never denied such list. Alias, the cross-breeders and leaders of the notary trio BKC-CBKC-FCI of that time never disagreed on this list.

 

4. The importance of the press and disclosure to save the FB from extinction

I am very grateful to the press for having had the sensitivity of recognizing that CAFIB, unlike the trio BKC-CBKC-FCI and most of its partners and clubs, was carrying out a serious, if not ecological, preservation of a Brazilian animal which was rescue for extinction due to miscegenation without goals, uncontrolled and illegal since it is based on pedigree falsification.

In particular, I thank the journalist Paulo Godinho that in its column of the Jornal do Brasil and the magazine Animais & Veterinária from 1975, as well as the journalist Toninho Carvalho Mendes in its column newspaper O Estado de São Paulo, at the time the two most important newspapers in Brazil, have always defended PURE Fila and CAFIB. There were hundreds of columns of these two journalists defending the PURE Fila and CAFIB, the main ones being scanned and posted on my site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/ ) which has a especial menu in English (see my “Introduction” in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/1-eng2.html and several articles in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/1-eng.html ).

I also thank the columnist Ibrahim Sued who very much honored the FB and CAFIB in his column in the newspaper O Globo. So much so that the Ibrahim Sued Best Temperament Prize was created by CAFIB-Rio (photo # 22 below). With which the FB of Best Temperament was honored in our 14 exhibitions that CAFIB-Rio  held in Barra da Tijuca neighborhood. This trophy was a gift from CAFIB – Vale do Guaratinguetá, under the command of Sebastião Monteiro and the teacher, speaker and anchor of TV CAFIB, Jonas Tadeu Iacovantuono. I am also grateful to journalists Ricardo Boechat, Zózimo Barroso do Amaral, among many others, in addition to TV Globo, TV Educativa, former TV Manchete and former Radio Guanabara that covered and disseminated our Expos always in defense of Fila Puro. Thanks also to the German magazine Molosser Magazin edited by Christofer Habig (photo # 18 below) and most recently the Modern Molosser magazine edited by Denise Flaim (see in English https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2016/11/08/post-n-420-uncle-chico-newsletter-156-english-magazine-modern-molosser-published-an-excellent-article-about-the-fila-brasileiro-date-nov-8th-2016/ ) photo # 19 below.

17-lista-fora-do-padrao22-modern-e-molosser23-1-modern-e-molosser

photo # 17                                       photo # 18                                  photo # 19

Please also see below the important support we receive from the non-specialized dog breeding press in Brazil:

18-imprensa-119-imprensa-221-imprensa-4

photo # 22

Or check it out by clicking on:http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-1.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-21.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-23.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-24.jpg http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-30.jpg , http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/16-IMPRENSA-FILA-BRASILEIRO/16-34.jpg and http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1837.jpg .

The funny thing is that many columners and socialites people from Rio called, for me and, especially, for my parents asking: — “Why does Ibrahim put the photos of Chico’s dogs in his column and do not put mine or my family? ” Lol… lol… Well, because Ibrahim was very smart and was able to feel the ecological importance of the survival of the only Brazilian pure breed dog… I also enjoyed commenting that the president of the BKC-CBKC, Henrique Pereira de Lucena, loved social column and was afraid of Ibrahim notes… Like many, incidentally… For the foreigns and youth Brazilian people do not know who was the Pope of Brazilian Social Press in Brazil, Ibrahim Sued, just click on: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ibrahim_Sued .

 

 5. My eternal thanks to CAFIB

As I always record, I reiterate that I will forever be grateful to CAFIB, its founders, directors and principal breeders, even more those who committed themselves to CAFIB in the salvation of the Pure Fila from 1978 to 1990, as these were the hardest years we faced. Just click on

https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2016/05/09/post-n-362-perguntem-ao-tio-chico-no-131-o-inicio-da-formacao-do-plantel-cafib-quase-40-anos-atras-demonstrado-via-fotos-das-primeiras-afts-o-trabalho-unico-de-recuperacao-e-apr/ to see via several photos how were the frequency and typicity and quality of the mestizos-dogs and FBs that appeared in CAFIB first CAFIB Analyses of Phenotype and Temperament (APT).

Even knowing that I will commit forgettings, and for the time being apologizing, I especially thank Dr. Paulo and Aunt Antonieta (deceased); Airton, Rose and Mariana Campbell (she will be president of CAFIB, you can bet …) Canil Parque do Castelo; Américo and Cleide Cardoso, Canil Araguaya;  Luiz Maciel, Canil Barra do Bugre and editor of O FILA newspaper; Luciano and Denise Gavião, Canil Serra Dourada; Pedro and Eliziane Borotti, Canil Embaré; Jorge and Marisa Hino, Canil Hisama; Roberto and Marilia Maruyama, Canil Moinho Velho, Jose Souto Maior Borges, Canil da Fazenda Santa Paula e and editor of O FIBRA newspaper; Antonio da Silva Lima; Lineu Siqueira Jr., Canil Fazenda Carolina;  Sergio Salgado de Oliveira, Canil Fazenda Poço Vermelho; Edmundo Contador Brandão, Canil três Curumins; Bernadete Soares de Oliveira, Canil Fazenda da Malota; Jonas and Verônica Iacovantuono, Walter (deceased) and Fabiano Nunes, Canil Jawa; Sebastião (deceased), Domingos and Leo  Monteiro; Giovani Éder Carvalho, Canil Itapuã; Jurandir Meirelles; Ivan Roussef, Canil Balacobaco;  Genoí Faria, Canil Cunhatã; Waldomiro Castilho; Paulo Angotti, Canil Ibituruna; Jose Hamilton Alves Pereira, Canil Aquenta Sol; Iliano Pinto Ribeiro, Canil Engenho Velho; Toninho Linhares Borges, Canil Caramonã; Romero Tostes Pinto (deceased), Canil Heropama; Gerson and Cintia Ribeiro Junqueira de Barros do Canil Itanhandu; Joao Nunes, Canil Alufan; Ernani Santa Rita (deceased); Ricardo Pacheco; Half Maas, Canil Ranor; Italo  Di Marzio, Canil Princesa D’Oeste; José Gonçalves Franco Junior; Nelsinho and Édina Fernandes, Canil Mantiqueira; Caico Amaral, Canil Amparo; Marília Barroso Pentagna, Canil Boa Sorte;

Thank very much also Antonio Alves Freire, Vicêncio Lomba Lima, Carlos Feijó, Helio Touriel,  Augusto e Marilia Canizza, Evandro Ballesteros, Gustavo Ribas, Helson Lemos, since without the support of them CAFIB-Rio would not have been a success by holding 14 Expos in Barra da Tijuca.

Outside Brazil I also thank Jaime Pérez Marhuenda and Elvira Pizones Fernández do Canil Acablocado; Inês Van Damme, Canil Los Tres Naranjos, both from Espanha; Daniel Balsas, Canil Piedras de Afilar from Uruguai; Jerry Trias from República Tcheca; Linda Maggio from USA e Aniello Aliberti from Italy.

And many and many others to whom I once again apologize for involuntary forgetfulness …

It is worth mentioning that the CAFIB group gave Dr. Paulo and Aunt Antonieta, the true administrator of the Parnapuan Kennel, an excellent end of life. With the return of this couple to the FB world they have won many beloved “nephews”… Dr. Paulo traveled every Friday afternoon to São Paulo to give the course where CAFIB flourished, returning Saturday at dawn. He visited the interior of Brazil together CAFIB founders in order to get PURE Filas, traveled through many Brazilian cities judging and teaching courses. He was honored by going to Germany … He became the CAFIB Master Breeding and wrote memorable articles destroying the false theses that defended the miscegenation. Without Dr. Paulo, I am fully convinced that CAFIB would not become a reality, I would not have knowledge, historical and technical support to start in 1976 my persistent and confirmed complaints, CAFIB would not have trained as many judges, its breed Standard would not have been so clear, admired and even copied all over the world and even in Brazil. After all, CAFIB will always be the only club responsible for having rescued the PURE Fila Brasileiro from extinction, as we inherited from Mother Nature. Dr. Paulo died on Sep, 27th -1990 providing 13 years of culture and teaching indispensable for CAFIB to develop. For I remember now that shortly after his passing some of the first cross-breeders and their followers the well-known NAM`s (Neo Apologists of Miscegenation), this is, those who still cross and have “mestizos-filas” with, boasted that it would be the end of the CAFIB … One more nonsense of this group repeated in so many errors… There goes 27 years and CAFIB goes very well and more strongly indeed… Despite having been stolen in great part of its assets and patrimony, such as website, web password, records, documents, files, data, photos, hundreds of newspapers O FILA and to be only copied by a newly created club who preached that would revolutionize and innovate the FB breeding, but do nothing more than copy the CAFIB … And very badly !!! See in

http://www.cafibbrasil.com/leitor_not/items/cafib-official-report-to-owners-and-breeders-of-fila-brasileiro-in-brazil-and-abroad.html

 

 5. The “illiterate-functional” FB and “fila” breeders

Meanwhile, the “illiterate-functional” FB and “fila” breeders very  foolish and childish designate me with pejorative and false nicknames on the facebooks in an aggressive and uneducated way, they curse me, send me emails full of profanity, physically threaten, claim that I cannot write and answer questions or that I am a CAFIB spokesman … But the concrete fact is that they are never able to argue or refute with intelligence, rationale and reasons my articles, thoughts, and hundreds of solid and proven arguments… And much less has the ability to disagree with the CAFIB Breeding Philosophy !!! And against arguing disagreeing would be the least they should do, but, having no arguments they become totally incapable, them they slander, lie, omit and quit … But Uncle Chico reciprocates showing that – even without breeding almost 40 years old, because he refused to breed “mestizo-filas”, even though they had pedigree emitted by the former BKC and in our days by CBKC with the seal of racial purity of the FCI and having been flattered by BKC and CBKC of Lucena, returned them to the Pampas Kennel, who was also another victim of the first cross breeders, – I ask: what they has done in the last 42 years for the rescue, salvation and preservation of the PURE Fila.

Because of that, I challenge all of you to present and compare your CVs with the Uncle Chico`s CV summarized in this article… Do you accept this challenge? Just send me your CV to my email. We can bet!

 

 6. Comparing the CAFIB x CBKC: What do you need?

These true FB CAFIB breeders mentioned above and many others who joined CAFIB and were intelligent and able to understand, follow and contribute to CAFIB’s Breeding Philosophy, after 39 years arrived at this typical, homogeneous and PURE Fila that I exemplify below:

23-filas-cafib-124-filas-cafib-2

25-filas-cafib-326-filas-cafib-4

27-filas-cafib-529-filas-cafib-7

30-filas-cafib-8

 Note: the first picture above is the head of the famous Pure Fila called Lord, taken in the 70s, with legendary creator Zé Gomes de Oliveira – MG. In other words, exactly the same head to CAFIB-Filas. So, the FB has been fixed for years…  But the  CBKC-FCI  “judge”  Alexandre Bacci thinks that FB is just a mongrel, bastard and a mestizo dog. Only if he refers to the  “mestizo-fila” breed and registered in CBKC-FCI …

Unfortunately, some “fila” breeders, as considered by CAFIB, preferred to accompany the first cross-breeders and the BKC-CBKC-FCI notary trio. I remember among those first followers whose squad were outside the CAFIB Standard, already mentioned in the newspaper O Estado de São Paulo and later in the newspaper O FILA  # 12 the following: Canil Curumaú, owned by Jacob and Andréia Blumen; Canil Cachoeira, owned by  Ailton e Marly Milward de Azevedo; Canil Corumbá owned by Jether Benevides Garotti;  Canil Samor, d owned by famíly Sampaio Moreira; Canil do Camping, owned by Clélia Kruel; Canil Kirongozi, owned by Achileu Nogueira Filho; Canil Embirema owned by Wagner Bacconi; Canil Rio Negro owned by Raul Pereira; Canil Odnamra of Tenopmap owned by Armando Pires Pamponet; Canil Cruzeiro do Sul owned by Osni de Moraes Pinto; Japanese Consortium  owned by Canil Brasdog; Beyond the “breeders” Ivan Alves Corrêa from Brasília and Armando de Souza Reis from São Paulo.

 

These kennels mentioned above and their followers and the first cross-breeders heirs in this uncontrolled “experience”, systemic and institutional miscegenation, since it had the institutional support of BKC-CBKC-FCI; the “breeders” we now call NAN`s (Neo Apologists of Miscegenation) that after more than 40 years without leadership, knowledge, focus, purpose and without a pre-established phenotype and temperament and rigidly enforced, have come to a huge number of different, heterogeneous and atypical types of dogs. They are very far from the CAFIB Standard and form the so called “stocky-fila, toy-fila, pet-fila, masttiff-fila, neapolitan-fila, black-fila, giant-fila, roitt-fila, bloodhound-fila, docile-fila, hairy-fila, heavy loaded-fila, fila-marques, genetic salad fila” and even the “freak-fila“.

In other words, the so-called Mastim Brasileiro (see my proposal in English clicking in

http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia_eng.html ) which different types are exemplified below:

32-filas-cbkc-133-filas-cbkc-2

35-filas-cbkc-441-filas-cbkc-10

43-filas-cbkc-1244-filas-cbkc-13

FINALY, WHAT TYPE OF FILA BRASILEIRO DO YOU PREFER ?

The typical and homogeneous CAFIB-Fila squad or the several heterogeneous and atypical “filas” with CBKC-FCI pedigree ?

In what club do you find what I call since 40 years ago of purebred Fand in what club do you find what I also call 40 years ago “GENETIC SALAD?

That is, my dear friends, unfortunately the serious typical FB breeders of CBKC-FCI (see this squad in English by clicking on

https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2013/11/25/post-no-143-uncle-chico-newsletter-54-photos-of-56-typical-cbkc-filas-sent-nov-22nd-2-013/  and  also in English https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2015/02/06/post-no-243-uncle-chico-newsletter-88-more-25-photos-of-typical-filas-from-cbkc-fci-system-sent-feb-5th-2015/  ) , as well as the breeders of “mestizo-fila” of these two clubs, after more than 40 years without a pre-determined Standard,  lack of leadership, without knowledge, without control, without APR, without APT, without any financial aid of the very rich CBKC-FCI reach only the Mastim Brasileiro… See in English: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia_eng.html . Or is Uncle Chico wrong?

Anyone who disagrees with Uncle Chico, please send your educated and intelligent arguments against mynes in a clear and well written form to my e-mail address (fbcp2009@uol.com.br ). And we can discuss it in a very civilized way. Thank you in advance.

 

6. Concluding:

My dear friends, the fact is that I alone, in my early twenties, immediately disagreed with the miscegenation, which made no sense to me.

I infiltrated in the midst of many of these cross-breeders and their followers, especially João Batista Gomes, Procópio do Valle and Jacob Blumen, and became aware of the absurdity, amateurism, lack of control, and objectives of these apprentices of witches who like to played God , genetically disrupting a long-established dog breed.

Well, if you cross the best German Shepherd in the world with the best Boxer in the world, perhaps you will get the best mongrel, bastard or mestizo dog in the world… There is no such “blood shot” mentioned by Enio Monte in its interview to CAFIB without control, no proper and correct records, no technical-scientific accompaniment, without much work and, worse, NEVER with pedigree falsification.

Besides this, there was a lot of commerce, marketing and a lot of willingness to make easy money. And at that time the FB unfortunately turned into a enormous fashion … And even more so the “black-fila” that is the most commercialized color of the world in all production segments…

But unfortunately I believe CBKC leader Sergio Castro and FCI’s Rafael de Santiago, Gerard Jipping, Raymond Triquet and Yves De Clercq, despite being fully aware of these terrible irregularities that frontally disrespect the Statutes of the FCI itself in its “Article 2 – Objectives” (see http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html ) that only allows the breeding of purebred dogs, will continue to “forget “, being always omitted about FB but billing and making money with the breeding  and registration of any big dog with big head  as if they were Pure FB.

 

Serious CBKC-FCI FB breeders of typical dogs will continue to omit themselves without leadership and fear of reacting, and actual “cross-breed” (NAM`s) breeders will continue to like their mestizos dogs more, but pretending to breed FB Pure, and saying that they love and work in favor of the FB breed…

And the FCI prefers to forget that a short time ago solved the same problem of miscegenation that existed in the Akita breed of Japan

Unfortunately the serious FB breeders from CBKC-FCI will continue to omit themselves without leadership and afraid to react, and “cross-breed” will continue to like their mongrel dogs even more, pretending to breed a Pure FB and saying that they love and work In favor of the FB…

After all, as I have stated, if the FB were German or English, it would be one of the most popular and beloved dog breeds in the world, for it would have been breed and preserved in a civilized country where a club like CAFIB would be respected and admired by all, Starting with the FCI itself, which would present CAFIB to the world as an example of a club to be followed and copied. If CAFIB were German or English, having rescued this dog breed from extinction, it would be idolized by the international press and recognized as a public and ecological utility club. But, forgotten by the FCI and in Brazil, breed by breeders and run by clubs formed by “illiterate workers” reach this great miscegenation.                                                                            

But, thanks to God and our work, CAFIB exists !!!

 

7. Finishing:

yyy

Very special note: I thank my friends Airton Campbell, Jonas Iacovantuono, Américo Cardoso, Luiz Maciel, Pedro Borotti and Cintia Junqueira who helped me in collecting some facts and information that are part of this article.

Wishing you all an excellent Carnival,

Best regards, Chico Peltier.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI + CBKC

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI + CBKC

Post n° 461 – Tio Chico Informa nº 178 – Excelente, educada e, principalmente, com argumentos troca de emails entre a Sra. Christiane Villier Ulmo e o Tio Chico -Com inteligência e educação seremos capazes de construir um futuro melhor e mais típico para o FB !!! – Data: 13/02/2016

Tio Chico Informa nº 178

Excelente, educada e, principalmente, com argumentos

troca de emails entre  a Sra. Christiane Villier Ulmo e o Tio Chico

Com inteligência e educação seremos capazes de construir um futuro

melhor e mais típico para o FB !!!

Meus queridos amigos e amigas do Fila Brasileiro (FB),

Vejam abaixo na íntegra a útil e profícua troca de emails respeitosos e, principalmente, com argumentos, que tive decorrentes do Tio Chico Informa nº 177

(https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2017/02/11/post-n-460-tio-chico-informa-no-177-sugestao-para-a-sra-christiane-villier-ulmo-sobre-seu-post-intitulado-direito-de-resposta-postado-em-seu-facebook-por-favor-denunci/ ) o qual foi enviado primeira e diretamente para o email da Sra. Christiane Villier Ulmo:

De: Francisco Peltier [mailto:fbcp2009@uol.com.br]
Enviada em: sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017 23:14
Para: ‘CHRISTIANE ULMO’
Assunto: Chris, respondendo seu email de “sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017 21:30”

Muito grato por seus comentário, Christiane.

Entendi perfeitamente e concordo com sua explicação sobre “chantagem”.

Adorei o “FBI”, e  adoraria mais ainda se de fato existisse na amplitude que voce mencionou… rsrsrs… É só um FBIzinho…

Creio que com o passar do tempo, Chris, isto é, desde o início de 2009, apenas conquistei realmente muita credibilidade e leitores com as informações  e respostas que venho publicando no meu site e blog; jamais tendo sido questionado por uma só informação falsa ou errada publicada; defendendo o Fila Brasileiro Puro de forma incondicional; recriminando todos os dirigentes do CBKC e FCI por omissão e por não respeitarem seu próprio Estatuto; discordando do CBKC por este clube tentar tornar no papel e nas exposições o temperamento do Fila Brasileiro mais dócil; discordando profundamente dos criadores/sócios  do CBKC que não se rebelam contra este clube, quando eu o fiz isto sozinho e com apenas 25 anos; apontando as incongruências que entendo existir em outros clubes e criadores; conhecendo profundamente a Historia do FB, principalmente de 1974 até 1995, ou seja, justamente os “anos duros” da mestiçagem que infelizmente, no meu entender, perdura até hoje com seu nefasto legado e herança de atipicidade; perguntando assuntos relativos ao FB a pessoas como, por exemplo, a Sergio Casto, Ricardo Simões Torres, Harrison Pinho, Alexandre Bacci, Marisa Kanap e Maria Clarice Silva de Oliveira; sem que aqueles que de mim discordam refutem meus argumentos. Penso que devido ao meu procedimento franco, honesto, aberto e com conhecimento, passei a ter enorme audiência (média de 15 mil / mês no site e quase 40 mil no blog desde seu lançamento em 2012) e receber muitos emails de membros de todos os clubes com perguntas, comentários, explicações, informações, assim como postagens de terceiros, como foi o seu caso.

Por isto mesmo, Chris, iniciei acima agradecendo pois voce é uma querida exceção: voce em seu email abaixo para mim defendeu com argumentações logicas e claras o que voce pensa e como voce age !!!

Parabéns !!!

Geralmente as pessoas e clubes que comento negativamente, simplesmente desaparecem !!!

Chris, a Anfibra nem Padrão racial próprio tem, e acha que tá tudo bem, que não deve explicações aos seus associados, imagine então ao Tio Chico…!!!

O Quinzinho acusou o CAFIB de me usar como um porta-voz oficioso, CAFIB e eu provamos o contrario, mas ele… sumiu

Depois da Anfibra informar durante 3 anos que usa dois Padrões inexistentes (Fila Padrão ? e Padrão PSC ?), o Kubesa, citando Einstein (?!?!?!)…, decretou que o Padrão CAFIB, propriedade deste clube, é universal e que pode ser usado sem autorização e licenciamento… Tio Chico prova o contrário, mas ele… sumiu

Entretanto, como defendo o chamado Fila Puro, torço para que mais e mais denuncias, inclusive quem sabe a sua num futuro próximo sobre a falsificação de pedigrees mencionada abaixo, venham a ser publicamente feitas ao CBKC. Mesmo receando que este clube-cartório não venha a tomar nenhuma atitude. O que é uma das características do seu triste DNA. Mas penso que as denuncias comprovadas por fortes evidencias ficam, como tem ficado na Operação Lava Jato que esta passando nosso querido Brasil a limpo., Eu sei que mais cedo ou mais tarde o Fila-CBKC vai ser também passado a limpo… Esta dinastia vai passar…

Da mesma forma que nenhuma providencia tomou nos anos 70, 80 e 90 o BKC-CBKC, principalmente na era de Henrique Pereira de Lucena e a FCI que, mesmo após tantas denúncias recebidas de mim desde 76, do CAFIB desde 78/79 e de dezenas de criadores, não vez sequer uma única investigação, não puniu nenhum canil mestiçador, nem cassou o pedigree de nenhum “fila-mestiço” para, anos depois, este mesmo Lucena dar seu depoimento sobre a mestiçagem sem o menor constrangimento no livro do Toninho Linhares Borges, após ter me dado uma tímida confissão em 1983… Uma vergonha !!! Enquanto BKC-CBKC-FCI queriam faturar para o Lucena não havia mestiçagem, depois que ele saiu, sim…

Bem Chris, foi muito bom conversar com voce. Por favor publique também no seu face este meu agradecimento a  voce. Se voce desejar publico também este seu email como um próximo informativo do Tio Chico, o mais breve possível, até segunda / terça que vem, pois meus netinhos chegaram hoje de tarde de SP, cheguei da casa da minha ex-mulher pouco tempo atrás, amanhã tem o Bloco infantil do Spantinha na Lagoa, etc… e o fim de semana desejo curtir minha filhota e genrinho querido.

Mais uma vez grato — e quisera eu que as pessoas que cito ou discordo — expusessem suas razões com segurança como voce acabou de fazer comigo.

Grande abraço, Chico.

De: CHRISTIANE ULMO [mailto:csulmo@gmail.com]
Enviada em: sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017 21:30
Para: Francisco Peltier
Assunto: Re: Me desculpe, Christiane — Complementando uma correção…

Oi Chico, Tudo bom ?

Vamos à resposta ao seu email que em nada tem a ver com esclarecimentos que eu devo dar. Realmente, quando diz MEIA CHANTAGEM, acho que não cabe no contexto, tendo em vista “meia chantagem” não existe ou é ou não é rssss  e chantagem é quando queremos obter algo em benefício próprio mediante ameaças, o que não é o caso, eu não ameacei ninguém e muito menos quero obter nada desta pessoa, a não ser plena distância.  Apenas o objetivo do meu post, foi mostrar o quanto é desagradável denegrir a imagem de outros criadores em benefício próprio, como ESSAS PESSOAS (sim, não é só uma tem mais) têm feito constantemente, com ataques descabidos e desproporcionais, mesmo não citando explicitamente nosso nome assim como eu Tb não as citei, porém, é sabido que ambas estão sempre tentando influenciar erroneamente as pessoas quanto a tipicidade da raça bem como não tem qualquer exemplar em seu plantel que possa REALMENTE DESENHAR o que elas próprias tanto defendem. É uma atitude muito errada na minha opinião, e acredito que na de todos que tem um pouco de bom senso. Isso serve não só para elas como para todos que ficam perdendo tempo em falar mal de outros criadores e ainda chamam isso de “defender o fila brasileiro”. Porque ao invés de enaltecerem seu próprio plantel, falarem mais sobre a linha de sangue ao qual trabalham, ficam falando dos outros ??? Quem olha parece até que elas possuem uma conduta totalmente ilibada rssss

Enfim, Sei que você é uma pessoa extremamente inteligente e possui um serviço de investigação fora do comum, quase um FBI (desculpe a brincadeira rssss), então acho desnecessário  ficar citando nomes conforme me pediu, pois tenho certeza de que sabe exatamente quais são os integrantes desta farsa repudiante. Não obstante, é válido ressaltar que o meu post foi disponibilizado apenas para “amigos” e como sempre digo: “TEM SEMPRE UM FOFOQUEIRO QUE PASSA ADIANTE”, e lógico no meu perfil não foi diferente, tanto que vc ficou sabendo na íntegra, sem sequer ter acesso ao meu perfil. O outro post, ao qual resultou o meu TOTAL DIREITO DE RESPOSTA, foi postado para o público e vc não sabe de quem se trata ? Ok. Tenho certeza que com os seus informantes, poderá conseguir esses nomes e sobrenomes com toda maestria, amigo Chico, aliás, tenho certeza que já os tem rsss, ou seja, não necessário se faz a minha informação.

Não me sinto conivente ao não citar nomes, acho que isso não é assunto para “Informativos do Tio Chico” ou algo similar, veja bem, sem desmerecer nada nem ninguém, mas se tiver que citar nomes, será mediante uma representação formalizada diretamente à CBKC, ao qual também sou registrada, ilustrando todas as provas bem como um dossiê completo das informações que possuo.

Não me sinto conivente Tb ao não citar nomes, pois coniventes são as pessoas que adquiriram cães oriundos deste canil e SABEM QUE POSSUEM UM ANIMAL COM PEDIGREE ENCOSTADO e ainda assim permanecem com esse cão em seu plantel. Coniventes, na verdade, são as pessoas que adquirem cães destes canis, ainda que ingenuamente. Meus cães sempre estarão disponíveis para exames de DNA, quando solicitados. E os cães deles, será ??? Deixo aqui meu desafio e questionamento.

Provas eu tenho, das mais variadas formas tais como Áudios, Prints das conversas da própria pessoa em whatsapp e Messenger e que serão usadas em momentos oportunos caso insistam em denegrir outros criadores. E isso não é uma ameaça, é apenas um aviso.

É isso, estimado Chico, grande abraço e que vc descanse e curta bastante este carnaval.

Em tempo, devo postar essa resposta no facebook, já que vai soltar o informativo e para não ficarem perguntando à mim sobre respostas, esta constará na íntegra no meu perfil.

Desde já agradeço mais uma vez o contato

Grande Abraço, Christiane Ulmo

Concluindo: creio que com inteligência e educação seremos capazes de construir um futuro melhor e mais típico para o FB !!!

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI + CBKC

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI + CBKC

Post n° 460 – Tio Chico Informa nº 177 – Sugestão para a Sra. Christiane Villier Ulmo sobre seu post intitulado “DIREITO DE RESPOSTA” postado em seu facebook: por favor, DENUNCIE !!! – Data: 10/02/2016

Tio Chico Informa nº 177

Sugestão para a Sra. Christiane Villier Ulmo sobre seu post intitulado

“DIREITO DE RESPOSTA” postado em seu facebook: por favor, DENUNCIE !!!

Sra. Christiane,

Recebi este post abaixo como tendo sido redigido e postado no seu face pela Sra., o que me foi confirmado por 3 amigos.

1-post-artigo

Sendo este post de sua autoria, apesar de não conhecê-la, gostaria de fazer uma sugestão: por, favor DENUNCIE a falsificação de pedigree que a Sra. mencionada abaixo. A Raça Cão de Fila Brasileiro precisa de denuncias como esta que a Sra. poderá realizar. Este costume de se falsificar pedigrees, iniciado com os primeiros miscigenadores, desorganiza a criação do FB onde os pedigrees não tem valor, pois não podem ser lidos, estudados e interpretados corretamente. É justamente por isto que o CAFIB não aceita como digno de Fé nenhum pedigree de FB emitido pela dupla-cartório CBKC-FCI. Assim como Brasil esta sendo passado limpo com a Operação Lava a Jato, estes hábitos ilegais precisam acabar de uma vez por toda na criação do FB.
No meu entender, e sinto muito se dele a Sra. discordar, não a1-post-artigodianta ameaçar. Se não fica parecendo apenas uma meia-chantagem. Creio que temos sim que denunciar. Falsificação de pedigree, além de crime de falsidade ideológica é continuar prejudicando e desorganizando a criação do Fila Brasileiro.
Não tenha receio de DENUNCIAR. No mínimo a Sra. escreverá para sempre seu nome na lista daqueles que não tiveram medo, não se curvaram ao CBKC, nem aos pseudo-poderosos e pseudo-lideres criadores de Filas e “filas-mestiços” que influenciam a criação do “fila” e do FB criado e registrado no CBKC.
Por favor: defenda o Fila Brasileiro.
A Sra. não estará sozinha: eu comecei a denunciar a mestiçagem ilegal, sem controle, sem objetivos pré-determinados e via falsificação de pedigrees em 1976. O CAFIB em 1978 e mais ainda em 1979. Já denunciaram a mestiçagem o ex-presidente do BKC e CBKC, Eugênio Pereira de Lucena; Christopher Habig, ex-vice presidente da FCI, juiz de molossos da FCI e editor da revista alemã Molosser Magazine; Ênio Monte do Canil ABC, Procópio do Vale do Canil Kirongozi; Jaime Pérez Mahuenda do Canil Acablocado e ex-juiz de molossos da FCI que renunciou a este clube sendo representante do CAFIB na Espanha; Jose Souto Maior Borges do Canil da Fazenda Santa Paula; Ines Van Damme do Canil Los Três Naranjos e escritora do livro El Grand Libro del Fila Brasileño; Paulo Godinho, jornalista,  juiz all rounder do CBKC-FCI e escritor do livro Fila Brasileiro: um Presente da Estrelas, e ainda conforme mais denuncias na resposta nº 3 da pergunta nº 31 do Perguntem ao Tio Chico nº  8 datado de 13/10/11.(vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_104/materia.html ), em centenas de outros artigos de minha autoria e em diversos sites e blogs como o do CAFB, os meus, a TV CAFIB, o site do Canil Itanhandu e inúmeros criadores e órgãos da imprensa nacional.
Se a Sra. denunciar, o CBKC e a FCI tomarão obrigatoriamente ciência e terão que apurar, salvo continuem a permanecer omissos, o que por si só mais uma vez deporá contra estes dois clubes e demonstrará o total descaso da dupla CBKC-FCI para com a raça FB. Inacreditável que estes dois clubes ainda sejam seguidos, reverenciados e arrecadem tanto dinheiro destes tolos criadores de FB que nada recebem em troca destes clubes.
Afinal, o Estatuto da FCI determina no seu item Article 2 -Objectives  a criação e registo apenas de cães de raça pura (vide em http://www.fci.be/en/FCI-Statutes-39.html  ) e o correto registro de filiação.
Por favor, releia seu post e verifique quantas informações não foram de fato prestadas pela Sra. e por isto as grifei em vermelho no corpo do seu post abaixo:
Nota Final:
Christine, eu gostaria de saber quem são hoje os criadores de FB que tem coragem de conversar com o Sergio de Castro, visitar o CBKC, se é que seriam recebidos…  O Sergio me parece estar num olimpo inacessível para os fileiros. Me parece que só quem conversa com ele é o Harrison Pinho e o Alexandre Bacci. Pois bem, eu frequentava semanalmente e durante anos o BKC do “Todo Poderoso” ex-presidente Lucena na Rua Debret no Centro do Rio, me dava com alguns diretores e muito com a secretária Carmen Matte. Nossas “brigas” e desentendimentos sobre o FB sempre foram respeitosas e educadas. Tanto que quando fui trabalhar em Nova Iorque ele me deu uma carta de apresentação com a qual fui conversar sobre o Fila Brasileiro no AKC. Resultado disto que não frutificou: criei em 1977 o Fila Brasileiro Club of América, participei de jantares do AKC, conheci importantes juízes, fui à Westminster, etc… Esta tudo no meu site e na revista Animais & Veterinária do Paulo Godinho. Discuti muito com o Lucena, mas sempre mantivemos o respeito. Levei a casa dele o Christopher Habig e consegui dele a primeira carta admitindo a mestiçagem que também esta no meu site. Acho que é com dialogo que se consegue construir, realizar e perpetuar qualquer desejo e sonho. Eu penso que os criadores de hoje tem medo do Sergio Castro e que não mantem uma relação sadia e profissional com o CBKC: não agem como numa relação de cliente e fornecedor de um Cartório que vende documentação errada.
Boa sorte !!!

= DIREITO DE RESPOSTA = Por que direito de reposta?

Gostaria de esboçar o meu alívio ao expurgo de uma figura – mas que figura?  — que em nada acrescenta na raça FILA BRASILEIRO e vive denegrindo a imagem de outros criadores já que a soberba incompetência a impede de criar algo semelhante. A pessoa não se contenta com a DERROTA (que para mim é LIBERDADE, pois estar livre de pessoas – mas a que pessoas ? — desse nipe é um alento para o FILA) ainda continua ofendendo outros criadores da mesma raça, com discurso a “La Dilma – querendo estocar o vento”, se faz de vítima por conta da idade, como se o mau caráter, o ladrão, o corrupto e o sem vergonha nunca envelhecessem.

Pois bem, não lamento nada se querem saber. As mudanças feitas no plantel desta pessoa foram feitas com parte de cães oriundos de um criador – mas  qual criador ? — que sabidamente FALSIFICA PEDIGREE, pois o mesmo possui um cachorro velho que não reproduz mais, porém nascem sempre “filhos” deste cão dos mais variados tipos e cores. — Por que a Sra. não denuncia esta falsificação de pedigree ao CBKC e a FCI ? E até ao omisso e sem função CBRFB ?  — Onde está o zelo pela raça ??? – Ter zelo não seria denunciar  ? — O Aprimoramento ?? Vc adquire cães filhos de outros que não são aqueles que constam no pedigree, que planejamento essa pessoa TEM ??? Porra nenhuma !!! (estou falando isso porque TENHO PROVAS de pessoas que adquiriram esses cães com PEDIGREES FALSOS  — Então, mais uma vez, tendo a Sra.  provas de “…PEDIGREES FALSOS… ” por que não faz esta denuncia ao CBKC, a FCI e a CBRFB como o  CAFIB já fez tantas e desde 1978/79 ? — , não sou besta de falar o que não posso provar…rssss) –

Essa criatura  – mas  a que s criatura ? — tem a CARA DE PAU lustrada com ÓLEO DE PEROBA quando diz que seu julgamento nunca foi tendencioso… a Exposição de Jacareí que o diga, onde foi um evento para amigos, uma bela troca de troféus e favores, um circo, onde os palhaços foram aqueles que expuseram seus cães de forma ingênua, chegando ao nível de um árbitro abordar uma expositora – mas que expositora ? — FORA DAS PISTAS dizendo que ela – mas ela quem, ? — poderia ir embora pois não daria nada para o cão que ela expunha. ISSO É ÉTICO ? É HONESTO ? NÃO !! É UMA VERGONHA !!! O Fila TIPICO, seria um fila fino, narigudo, bicudo, pernalta, desnutrido, dorso reto, sem rima labial, leve, colar e manchas brancas no focinho e outras partes do corpo, inserção de orelhas alta, ou um cinza desbotado que agora chamam de araçá e registram como dourado ??? Ahhhhhhh tá ! Aham… e continuam perdendo tempo em falar dos meus. PQP. A inveja é um grande caralho de Asa.

É o que eu sempre digo: fruta podre cai sozinha, pois é… caiu – mas que “…fruta podre…”  caiu  ? quem é esta “…fruta podre…” ?!! Jogou alto, se arriscou, se auto intitulou a dona da Raça e se fudeu ! Pra começar, é extremamente antiético, grosseiro e um tanto VULGAR um árbitro da CBKC falar mal publicamente de outro criador da mesma raça… Isso não é lutar pela raça… isso é BURRICE. Aquele que precisa falar mal de outro para se promover, assina o atestado de incapacidade em 3 vias. E quando essa pessoa diz que os filas exagerados são meramente comerciais, está cometendo outra INSANIDADE BEM DIGNA DA INCOMPETENCIA QUE A ASSOLA, pois filas mais pesados dão mais trabalho, são maiores, requerem mais atenção, justamente por serem mais fortes, e são lindos de ver e quem adquire não se arrepende. Meus cães possuem temperamento espetacular o que hoje em dia até na vertente que ela – mas ela quem ? — defende estão conseguindo acabar, partindo do principio que o padrão da raça esta sendo alterado e achincalhado por um estrangeiro – mas que estrangeiro ? — .

VERGONHA EM DOBRO !!!!!! ABSURDO E RIDÍCULO. SIMPLES ASSIM !! Com relação ao dito que Criadores de Cães pesados – o que na sua opinião  trata-se de um cão pesado ?? — não são criadores de verdade, quanta idiotice, não tem o que falar… fala merda. O que denomina um CRIADOR DE VERDADE não é somente o tipo que se cria e SIM A FORMA COMO SE TRATA. Indispensável falar do meu manejo, pois quem conhece o meu canil, sabe o quanto zelo pelos meus cães,

LOGO, VC – mas voce quem ? — FALAR QUE CÃES PESADOS SÃO COMERCIAIS, EU TE DIGO QUE, na teoria, COMERCIAL É A PUTA QUE TE PARIU e na prática, VC FAZ O QUE COM OS SEUS FILHOTES ? ENFIA NO CÚ ??? Ah Vende né ? Pq vc – voce quem ? — tb é comerciante, lógico que vc vende pelo valor compatível com a qualidade que possui, ou seja, bem baratinho. Aqui eu trabalho muito para que meus clientes fiquem satisfeitos com meus cães e graças a Deus não posso reclamar, vendo meus cães muito bem e para pessoas do bem que na maioria das vezes tenho contato sempre. Procuro selecionar ao máximo os futuros donos, NÃO VENDO PARA QUALQUER UM e falo com orgulho que CRIO ESTE TIPO PORQUE GOSTO, PORQUE FILA BRASILEIRO É UM MOLOOOOOSSOOOOOO, TEM QUE TER ESTRUTURA E TEMPERAMENTO. JÁ VAI TARDE. TCHAU QUERIDA .

Desde já encarecidamente peço e agradeço a Sra. Christiane Villier Ulmo por fazer imediatamente esta denuncia.

Atenciosamente, Francisco Peltier.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI + CBKC.

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI + CBKC

 

Post n° 459 – Tio Chico Informa nº 176 – Posicionamento da ex-juíza Marisa Kanap x CBKC + A. Blumen + A. Bacci – Conclusões do Tio Chico – Data: /7/02/2016

Tio Chico Informa nº 176

Posicionamento da ex-juíza Marisa Kanap x CBKC + A. Blumen + A. Bacci

Conclusões do Tio Chico

Meus queridos amigos e amigas do Fila Brasileiro (FB), 

  1. Segue abaixo post publicado ontem no facebook da ex-juíza do CBKC e criadora de FB, Sra. Marisa Kanap:

Vide em https://www.facebook.com/MarisaKanap?fref=ts

1

Marisa Kanap

10 h ·

DERROTA OU LIBERDADE ?

Venho em publico declarar que não faço mais parte do quadro de arbitros da
cbkc….pelos motivos citados abaixo.
Eu gostaria de fazer um agradecimento especial aos queridos colegas,
arbitros da cbkc…ANDREA BLUMEN e ALEXANDRE BACCI, por unirem forças em prol da RAÇA FILA BRASILEIRO, me excluindo do quadro de Árbitros da cbkc.
A Sra ANDREA BLUMEN, por ter conseguido provar com minhas próprias fotos tiradas de meu perfil e meu grupo que o encontro realizado na Argentina, era uma exposição de clube dissidente….se assim fosse outros arbitros brasileiros inclusive Alexandre Bacci teriam sido excluidos tambem, pois foram julgar nesse mesmo clube antes de mim.
A mesma contou com o testemunho de um grande criador argentino , que vive sozinho no mundo fileiro, por sua falta de educação e carater, repudiado por todos os criadores argentinos pelo tipo de fila que inventou pra si proprio.. Enrique Serfas .criador que vive a ofender todos os brasileiros e seus filas nos grupos que participa, já tendo sido excluido de varios grupos de filas..
O SR ALEXANDRE BACCI que ultimamante tem sido conhecido por todos pelas confusões e polemicas que se envolve nos grupos de filas.
Este mesmo arbitro, que nem sócio do kennel do RS é , dito por ele proprio em audios de grupo…NAO tem canil registrado em seu nome, mas conseguiu ser arbitro pelos seus valores apenas.
Este mesmo arbitro, que ultimamante se diz seguidor dos regulamentos da cbkc. ao mesmo tempo diz que Matchs de raças são muito mais importantes que especializadas julgadas por juizes homologados pois são julgados por criadores da raça.
Este mesmo arbitro que causa polemicas em grupos abertos toda vez que alguem convida um arbitro all rounder pra julgar uma especialzada homologada , dizendo que estes nao entendem da raça e nada somam aos criadores. CADE O RESPEITO AOS COLEGAS ARBITROS ?
O mesmo teve coragem de ligar a minha casa fazendo ameaças aos gritos, pra que eu excluisse de meu grupo um post feito por mim sobre doenças geneticas da raça, alegando que eu estava destruindo o nome de seu canil, pois tive cães de sua linha no passado….neste post eu nao citei linha de sangue de nenhum canil…Apenas uma ajuda a saude do plantel de filas.
A ira destes senhores contra minha pessoa se deve as mudanças que fiz em meu plantel nos ultimos 5 anos,,,Decidi por filas mais tipicos e com menos problemas geneticos que me fizeram sofrer demais….e por estes sou chamada de dissidente.
O que não é verdade pois tenho quase 40 anos de cinofilia, e se assim fosse, teria mudado faz muito tempo.Pra mim não existe CLUBES, existem FILAS…tipicos e atipicos existem em todos os cantos.
Como todos sabem sou uma pessoa de quase 60 anos de idade, e penso com minha propria cabeça….faço o que eu quero com meu plantel e com a minha vida….Nunca precisei puxar o saco ou agradar alguém pra chegar onde cheguei….ESTOU AQUI COM MINHAS PRÓPRIAS PERNAS.
Meus julgamentos nunca foram politicos , por amizade ou por pressões.
Posso ter errado pois sou humana, mas quem me conhece sabe que sempre fui seria e correta no que faço.
Graças a Deus tenho ainda muitos amigos, e milhares de novos seguidores que gostam da raça e não querem começar errado…
Sempre fui aberta não negando minha ajuda e meus conhecimentos a quem quer que seja, pois o criador do futuro depende de nós do presente.
Meu padrao sempre foi o 225 , e é por ele que ajudo a todos enxergar o que é um fila tipico.Hoje muito poucos se deixam levar por um fila exagerado
e atipico, do tipo mais comercial…Pois criadores que procuram tipos rentáveis nunca vão ser criadores de verdade.serão apenas vendedores temporarios ate que seu produto caia da moda.
Tenho a certeza que fui excluida do Conselho da Raça, por insistir no cumprimento do padrão e na tipicidade do fila, e por colocar as ideias abertas aos criadores pra compartilhar opiniões…Nunca fiz nada as escondidas…Mas fico feliz que algum resultado ficou…Vejo hoje muitos criadores, no caminho certo, com mudanças excelentes em planteis do Brasil todo…Excuida agora também do quadro de árbitros da cbkc, onde sempre respeitei os regulamentos, vou continuar apenas criando e batalhando pela tipicidade da raça, Minha luta não foi em vão, pois em toda batalha alguém tem que morrer pra que outros sobrevivam…
Voces conseguiram tirar meus cargos….mas o meu caráter , o meu conhecimento, a minha luta por um fila tipico….ninguém me tira.
Boa sorte a todos que estão lutando pela tipicidade como tenho notado, o caminho é cheio de espinhos, mas nunca desistam, pois nem sempre o que prevalece é o correto e a verdade…
E nunca digam a famosa frase….CRIO ESTE TIPO PORQUE GOSTO…Criadores de verdade não podem gostar…Apenas seguem o PADRÃO.
POR ISSO MEU LEMA É ….SOU BRASILEIRA E NÃO DESISTO NUNCA.

 

  1. Dentre muitas dezenas de postagens de apoio a esta ex-juíza do CBKC, selecionei a do criador de FB, Sr. Leo Lima:


Léo Lima
 Senhora Marisa Kanap recebo com muita felicidade essa notícia. O que para a senhora nesse momento parece ser ruim, na verdade foi a melhor coisa que lhe aconteceu. Pois agora vc não faz mais parte e nem pode mas ser comparada a uma turma que tem pessoas como essas que vc citou acima . Juízes que acham que o tipo correto é aquele carregado que foi construído com o uso de outras raças . O fato de vc ter sido expulsa do quadro de árbitros da cbkc pelo simples fato de vc querer que a raça tivesse cada vez mais filas com tipicidade de fila, só mostra a todos que a cbkc não tá nem aí para raça nenhuma, pois não são só os criadores de fila brasileiro que reclamam dos desmandos e da falta de vergonha na cara da cbkc. Mas saiba que a cbkc tá virando piada no meio das raça fila e que muitos criadores já começaram a mudança visando um plantel mais típico. E com certeza esse fato ocorrido com vc é mais um tiro no pé da coitada da cbkc. Quero que saiba que estou do seu lado, agora sim estou. Pois não vejo vantagem em ficar em um grupo que tenhamos que bajular outras pessoas colocando a frente da raça a vaidade é os interesses pessoais. Seja bem vinda a turma das pessoas que se preocupam realmente com a raça e que vivem o mundo real, e não o mundo do lindo e do parabéns.

 

  1. Conclusão do Tio Chico:

Há quase 40 anos o CBKC+FCI, acumpliciado de pretensos líderes, que não contam com o indispensável respaldo e apoio da esmagadora maioria dos criadores de FB destes dois clubes, ainda insistem em comandar a criação do FILA  ATÍPICO nestes clubes-cartórios que visam o lucro e jamais o aprimoramento da Raça Pura Fila Brasileiro.

Alias, um destes pretensos líderes, Sr. Alexandre Bacci, afirma reiterada vezes que o Cão de Fila Brasileiro não se constitui numa raça, mas sim apenas num grupo de cachorros mestiços. Isto é: num punhado de vira-latas !!! Como uma pessoa que tem e divulga um pensamento tão absurdo e equivocado como este, que se constitui na maior incongruência e incoerência já pronunciada no FB, tem poderes para afastar a ex-juíza Sra. Marisa Kanap ?

Meus amigos, é óbvio que este Sr. Bacci é que deveria há muito tempo ter sido expulso do cartório CBKC-FCI !!!

Ao contrário, e concordando com o Sr. Leo Lima, creio que a Sra. Marisa Kanap deveria estar hoje muito feliz e comemorando ter saído de um grupo de pessoas que preferem veladamente o FILA ATIPICO, fingindo que criam e amam o Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro.

Na minha opinião a dupla-cartório CBKC-FCI vai continuar faturando com o registro de qualquer cachorro grande e cabeçudo como se fosse Fila Brasileiro Puro. E o criador que desejar e se acovardar que continue obediente e resignadamente seguindo estes falsos lideres.

 

  1. Mas a história se repete…

Em 1979, quando o então BKC se viu encurralado pelo CAFIB, também cassou o direito de julgar dos fundadores do CAFIB, do Dr. Paulo e transformou o Tio Chico em “persona non grata”… Vejam abaixo e em

http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9_12/materia.html

2

3

4

5

Ou seja, sem argumentos, sem conhecimento técnico e histórico, sem um programa para a criação e o aprimoramento do FB, preferindo na realidade criar e, principalmente registar, os FILAS ATIPICOS o CBKC-FCI e seus pretensos líderes só tem uma solução: expulsar e perseguir juízes e todos os criadores que desejam criar o VERDADEIRO CÃO DE FILA BRASILEIRO PURO.

MEU DEUS, quando será que os criadores sérios e honestos de FB Puro do CBKC-FCI irão se rebelar e romper com estes falsos líderes e com estes clubes ? Meus amigos, eu fiz isto com apenas 20 poucos anos. E voces, quando finalmente vão tomar coragem de criar da forma certa e honesta o nosso FB PURO ?

Abraços, Chico Peltier.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI + CBKC

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI + CBKC