Post nº 122 – Perguntem ao Tio Chico nº 51 – Respondendo mais perguntas de Faces: TV Record e o Ranking de Cães – – Quando começou a mestiçagem? – Martin Luther King e o Fila – Pessoas covardes se utilizando de FAKES nos Facebooks para agredir… – Enviado em Data: 28-08-13

Perguntem ao Tio Chico nº 51

Respondendo mais perguntas de Faces: TV Record e o Ranking de Cães –

Quando começou a mestiçagem? – Martin Luther King e o Fila –

Pessoas covardes se utilizando de FAKES nos Facebooks para agredir…

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

170. Tio Chico, por favor, comente um post que li num Face sobre um programa da TV Record que não relacionou a Raça Fila entre as 10 raças mais preferidas pelos brasileiros. Nesse mesmo post é perguntado se as causas seriam: desconhecimento dos brasileiros da sua própria Raça, preconceito ou se falta mais divulgação da Raça por parte dos criadores?

Primeiramente comento que o CAFIB, ao contrário do CBKC, não visa quantidade e muito menos aumento de faturamento, mais sim qualidade. Logo, não é objetivo do CAFIB que o Verdadeiro Fila Brasileiro participe de ranking dos cães mais comercializados. Quanto aos motivos, penso que não seja pelos relacionados acima, mas sim pelo fato de que a maioria dos brasileiros sabe que existem muitos cachorros mestiços e atípicos que infelizmente possuem pedigree de Fila. Ou seja: que não são de fato Filas !!! Assim, preferem adquirir outras Raças que apresentem garantia de pureza racial, como todas as raças devem apresentar. Todas as Raças animais possuem animais de má qualidade, mas estes não são mestiços ou atípicos por mestiçagem. Apenas isto. Por favor poste esta minha resposta no Facebook onde voce leu este post e vamos aguardar algum novo comentário a este respeito. Grato.

171. Por favor, comente um post que li num Face perguntando: “…quando começou a mestiçagem do Fila Brasileiro? Em 1980, 1880, 1780 ou 1680. Quando deixou de ser mestiço?”.

A resposta para a primeira pergunta é facílima: esta registrada em centenas de artigos, documentos e fotos que encontram-se a disposição dos criadores verdadeiramente interessados:

– no site do CAFIB (http://www.cafibbrasil.com.br/  ), que inclusive disponibiliza os jornais O FILA com documentação de excepcional qualidade;

– no meu site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/ ) que possui ao redor de 1.000 documentos e 400 fotos e tem uma média de 7.500 visistantes / mês devidamente auditados pela Locaweb;

– no meu blog (https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/ ) que possui hoje 121 posts e desde Ago/12 recebeu até hoje quase 4.800 visitantes auditados pela World Press;

– no livro do jornalista Paulo Godinho intitulado “FB: Um Presente das Estrelas” que aliás foi patrocinado pelo CBKC, e pode ser adquirido clicando em HTTP://blogdopaulogodinho.blogspot.com;

– no livro da criadora Ines Van Damme  intitulado “El Gran Libro del FB” e pode ser adquirido clicando em http://lostresnaranjos.es/.

Ou seja, para aprender, basta estudar. E desejar abandonar o erro de criar cachorros mestiços e atípicos como se Filas Puros fossem. Permanecer no erro é tolice. Vejam cartaz abaixo na resposta nº 173…

A segunda pergunta também é muito fácil: uma corrente de criadores entende que o Fila se tornou Raça

após sua evolução natural ao chegar espontaneamente a sua tipologia atual, já encontrada antes dos anos de 1.900 no interior do Brasil e, principalmente, no início dos anos 1.900 no Sul de Minas Gerais, prioritariamente nas cidades de Carmo de Minas, Varginha, Silvestre Ferraz, Conselheiro Lafaiete, Itanhandu entre outras.

Outra corrente entende que o Fila passou a ser Raça em 1.952 quando após o trabalho desenvolvido por Adolpho Lourenço Rheingantz, Paulo Santos Cruz e Erwin Waldemar Rathsan, o Ministério da Agricultura brasileiro e o então BKC passaram a reconhecê-lo oficialmente como Raça e, alguns anos depois a FCI fez o mesmo, baseada no trabalho realizado por seu ex-presidente Antonio Barone Forzano.

Mas, cá entre nós, esta pergunta me parece muito mais uma “pegadinha” certamente redigida por algum NAM (Neo Apologista da Mestiçagem) que sem se aperceber acaba por depreciar a Raça Fila induzindo os novatos de que não existe pureza racial no Fila. Ou seja, os mesmos NAM`s que fazem com que aconteça o que foi comentado na pergunta nº 170 acima e que desprestigia o Fila perante toda a comunidade cinófila brasileira. Portanto, esta pergunta, no meu entendimento, trata-se apenas de mais uma tolice que denigre o Verdadeiro Fila.

Por favor poste esta minha resposta no Facebook onde voce leu este post e vamos aguardar algum comentário algo a este respeito. Grato.

172. Tio Chico, hoje é dia 28/08/13. Sou negro e tenho absoluta certeza de que o chamado “fila-preto” é um cachorro mestiço. Não creio que por não aceitar o “fila-preto” o CAFIB deve ser acusado de racista. Isto é uma grande burrice! Das maiores que já escutei! As Raças animais, diferentes dos seres humanos, devem ser criadas e preservadas em sua pureza racial. Caso contrário deixa de ser Raça e passam a ser um bando de mestiços, sem homogeneidade e com diversos tipos de fenótipo e de temperamento. Pois bem, há exatamente 50 anos atrás, Martin Luther King, na cidade americana de Washington, pronunciou sua magnífica frase que simboliza a luta dos negros americanos até hoje: Eu Tenho um Sonho“. Pois eu queria agradecer a todos os fundadores do CAFIB por terem tido em 1.978 o “sonho” de resgatar da extinção e preservar a Raça Cão de Fila Brasileiro PURA. Graças a voces e não ao BKC-CBKC-FCI os brasileiros podem se orgulhar de ser a nação desta Raça maravilhosa e não de um banco de mestiços. Voce não acha?

Claro que sim, amigo. Muito bem lembrado !!!

173. Me impressionou muito a sua informação constante da resposta nº 155 do “Perguntem ao Tio Chico nº 49” (vide https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2013/08/10/post-no-11-perguntem-ao-tio-chico-no-49-mais-agressoes-e-tolices-nos-faces-reuniao-entre-cafib-e-criadores-do-fila-cbkc-a-perfeicao-sempre-cobrada-do-cafib-pedido-negado/ ) de que existem pessoas covardes se utilizando de FAKES nos Facebooks para mentir, agredir, destruir e criar discórdia. Isto é, sem assumirem a responsabilidade sobre o que escrevem. Por isto criei as seguintes frases também fakes:

– “Vamos fazer uma Grande União Nacional de “filas-mestiços”. Por H. Pinto.

– “Quanta falta de seleção e com tanta ir-responsabilidade…”. Por Z. Pinto

– “Herrar e umano, ficar nu herro e burissi”. Por Caio Acéfalo

Foto Errar e Umano...

– “Vou criar um FAKE no Facebook para poder escrever o que não tenho coragem de assinar e enviar por email”. Por Caio Ardiloso.

– “Alem da mestiçassem, o problema do Fila é que tem muita gente com energia negativa, que nada constrói e só sabe criticar e caluniar”.  Por Alex Morrison.

– “O Fila é e deve continuar sendo mestiço, pois a população brasileira é formada por pessoas mestiças”. Por Dr. Back.

– O CAFIB é racista pois não aceita o assim chamado “fila-preto”. Por Dr. Black.

– “Quem não gosta do “fila-preto” é racista e deve ser preso com base na Lei Maria da Penha”. Por Stanislaw Ponte Preta.

– “Com referencia a uns cachorros que apareceram no programa de TV da apresentadora Eliane como sendo da Raça Fila, me parece que segundo o padrão CAFIB, seriam sumariamente Reprovados”. Por Silvio Santos.

Viu, Tio Chico, como é fácil inventar frases, criar fakes e ser um apenas um grande covardão ?

Valeu querida, muito inteligente suas  frases…

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado  primeiramente para os responsáveis pela FCI (da Bélgica) + CBKC; e para a FCI (da Espanha).

Obrigado a todos, Chico Peltier.

Anúncios

Post nº 121 – Ask Uncle Chico No. 50 – Differences between Fila bred and preserved by CAFIB and Fila-CBKC – – “…those who truly breeds, does not criticize…” – Sent Aug, 25th-2.013

Ask Uncle Chico No. 50

Differences between Fila bred and preserved by CAFIB and Fila-CBKC –

– “…those who truly breeds, does not criticize…”

My friends, in continuation with our answers…

168. Uncle Chico, I read on Facebook dialogue “Seleção com Responsabilidade” about which the differences would be between the Fila bred and preserved by CAFIB  and the CBKC-Fila. But, since unfortunately no interesting difference was posted by the participants, I wonder what, in your opinion, would be the most important differences?

Well, in my opinion:

1. CAFIB-Fila has control and selection. At CBKC-Fila, any animal is registered and bred as if it were a Pure Fila. Although not all are pure.. Proof of this: any dog picture, no matter how heterogeneous it may be, is  extolled on Facebook as being the picture of True Filas. This fact becomes totally incoherent when reading the descriptions of the various types of “filas” in item “4” below, used by breeders on Facebook of CBKC-Fila itself;

2. At CAFIB-Fila, the atypical, mix-breed, and bad quality dogs are not accepted or are excluded from our breeding stock through our rigorous and honest Analysis of Phenotype and Temperament, which has been successfully performed for 35 years. On the other hand, at CBKC-Fila, there is no selection or control. APR (Apt for Breeding), i.e., a kind of certificate of approval for breeding, has not been established and the Temperament Tests  at the shows are becoming scarce. One of the biggest problem of the CBKC-Fila is not having Filas of poor quality, but rather mix-breeders. All breeds of any species have poor quality animals if confronted with their Pattern. But they cannot have mix-breeders. Atypical dogs cannot be part of the breeding stock of any Breed.

3. CAFIB-Fila has a Standard that is respected and followed. Because the Fila Breed has gone through, from the 70’s, a terrible and systematic miscegenation that caused the existence of a greater number of mix-breeder dogs than Pure Filas in the BKC-CBKC-FCI (*) Fila stock, in CAFIB Standard (see in: http://www.cafibbrasil.com.br/cafib_padrao_raca.html ), a special item was created called “Disqualification by Miscegenation” These disqualifying faults are very useful to eliminate mix-breeders and atypical dogs from our CAFIB stock and thereby constantly improve our CAFIB breeding.

Now, CBKC-Fila pretends to ignore the existence of mix-breeding (**) and has done absolutely nothing for the past 40 years in terms of breeding improvement.

(*) See in the INTRODUCTION of my site in English (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/1-eng2.html  ) in sub item

BKC I” the amount of records and revenue growth of BKC then with the registration of any dog as if it were a Pure Fila;

(**) Although Henrique Pereira de Lucena, former president of the BKC and later of CBKC; Chris Habig, former vice president of the FCI, and several breeders, journalists and judges of Filas of BKC-CBKB-FCI itself recognizing and attesting to the existence of mix-breeding!!!

So, I recommend reading the outstanding article written by Dr. Paulo Santos Cruz, Breeding Master of CAFIB, dated December, 1978, and published in the newspaper “O FILA No. 1” and titled “How to distinguish a Pure File from a Mix-breed“, by clicking on (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8_30/materia.html ) where you will learn about the disqualifying characteristics that were impregnated into the Fila Breed by mix-breeding.

4. There is homogeneity in the breeding of CAFIB-Fila, while at CBKC-Fila we find the diversity of types, which unfortunately are accepted and even prized. They are the so-called “stocky fila, toy fila, pet fila, mastiffila, neapolitanfila, black fila, giant fila, roitt-fila, bloodhounfila, black and tan fila and even the freak-fila”, and further as I scornfully named them decades ago: “filamarques and genetic salad fila”… That is, every breeder had his “preference” in violation of the Pattern;

5. CAFIB Fila, prioritizing homogeneity and respecting our Fila Breed Standard, does not accept in its stock, the samples of the new Brazilian dog breed entitled “Mastin Brasileiro” (pls see in English clicking in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia_eng.html ), nor does it accept mix-breeders and atypical dogs. However, CBKC-Fila does.

6. At CAFIB Fila, we do not accept the black color, since all the samples found in this color invariably present striking characteristics found in the Great Dane and Neapolitan Mastiff, which were used widely in mix-breeding by the mix-breeders with the tacit acceptance of BKC-FCI and, later CBKC-FCI so that mix-breeders could come up with the so-called “black-fila”. On the other hand, CBKC-Fila does.

Note: the next “Ask Uncle Chico” will bring the Analysis of 4 or 5 CAFIB judges on the phenotype of a black dog that has been mistakenly presented and praised on Facebook as if it were Fila.

7. At CAFIB-Fila, Temperament is exemplarily summarized in a single word: ojeriza” (i.e., in English = enormous aversion). This perfect definition was created in 1950 by our dear Paulo Santos Cruz, the “Father of the Fila Breed,” and is recognized around the world by any Fila enthusiast as a synonym to the temperament of the Pure Fila. This natural and unique characteristic, only found in the Fila Breed, should therefore be preserved. Still, in the Standard of the CBKC-Fila in Portuguese this fundamental characteristic has been “adapted” to simply “aversion“. But this was not enough!!! The unacceptable change is yet to come: FCI – with consent or not (*) of CBKC, of the Fila CBKC Council, of SPFB, of other Fila clubs that happen to be connected to CBKC and by breeders of CBKC Fila in Brazil and mainly abroad – has completely changed this definition in the translation of the Fila Standard into English by “aloofness and indifference towards strangers” and into Spanish Standard by “mistrust towards strangers”. And the breeders of CBKC Fila in Brazil and abroad have never bothered to vehemently complain about this “serious mistake” on the part of  FCI. As the CAFIB founder Airton Campbell says “the animal that has feelings of indifference and mistrust is not a Fila; it is a CAT.” (**)

(*) Despite my repeated inquiries, neither of the above mentioned people have ever made clear to me whether or not they were involved with this erroneous translation.

(**) Pls see in English article about FCI translations with enormous mistakes by clicking https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2013/03/14/post-no-77-uncle-chico-newsletter-29-about-the-temperament-of-fila-brasileiro-ii-the-fila-standard-translated-by-fci-of-belgium-versus-fila-cbkc-standard-sent-mar-14th-2-013/ .

8. At CAFIB-Fila for 35 years we have had a united and cohesive team, with the same focus and purpose: rescue the Pure Fila from extinction and preserve the way we inherited it from Mother Nature. Now, at CBKC-Fila, where we find so many types of dogs, such as those mentioned in item “4″ above, hence there can be no common goal to be pursued, much less dreamed of since dozens of different types of different dogs are bred.

9. CAFIB Fila prioritizes technical and deep knowledge of the Fila Breed, as well as its History (“because without the past there can be no present, and much less a future”), the establishment of our own specialized judges who, through their judgments and teaching, help carry out and put into practice the CAFIB Breeding Philosophy; the harmony among our members, the leadership of our managers acquired throughout years of successful involvement in rescuing the Fila Breed and the renovation of our breeders. At CBKC-Fila, unfortunately, I do not think that it is possible to find anything  that has been mentioned in this topic.

10. For 35 years, CAFIB-Fila has been completely free from the shackles and dependencies on the BKC-CBKC-FCI system that takes away the freedom of action from its affiliated clubs and breeders. After being duly authorized by the Brazilian Ministry of Agriculture shortly after the founding of CAFIB, we started to issue our own pedigrees and maintain our Genealogical Control (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/13.html ), which is worthy of faith, contrary to what we understand from the registrations of Filas at the CBKC. Each year, CAFIB holds about 10 Expos in Brazil and 4 abroad, keeps our Ranking and has completely computerized our Office. We have not depended on any Notary-Club…, or their managers, for 35 years. We are the ones who know all about Filas, not the BKC-CBKC FCI system.

11. At CAFIB Fila, its founders, rather than contenting themselves by purchasing mix-breeders in the cities of São Paulo and Rio de Janeiro, soon after its foundation preferred to visit the interior of Brazil several times importing lineages of Pure Fila. Particularly from the cities of southern Minas Gerais and originated from old breeds and farmers such as João Costa, Zé Gomes, Zezeca and Pedrinho (Junqueira) do Engenho, which despite being Pure Filas and extremely typical, were solemnly forgotten by BKC-FCI that did not accept them, because they had no pedigree. And this, despite BKC making it no way easy for these farmers from Minas Gerais who lived in the interior and away from the Kennels to register their Filas. To the contrary, in the dustbin of the needs, BKC ended the Initial Registration (see http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/5.html), even though the Fila was the only National Breed. Neither was BKC willing to get this work done, because its leaders were restricted to wearing starched suits and ties working bureaucratically in their air-conditioned offices on Debret Street, No. 23, in downtown Rio de Janeiro City, In other words, CAFIB set out to rescue the Pure Fila in its natural and original habitat.

CBKC Fila preferred to settle for dogs of dubious registrations, originated from the Brasilia Symposium that sought to legalize mix-breeders, many of them derived from the former Clube Paulista do Fila Brasileiro, whose picture of its most important president can be viewed by clicking on (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1843.jpg, where he poses with his favorite Breed, the English Mastiff. Or even at KCP’s office on http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8-21-A.jpg . Or in the “Estado de São Paulo Newspaper” on  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/9-Documentos-ate-1979/9-24.jpg . No further comments…

12. At CAFIB-Fila, Fila is regarded with objective and solution, while at CBKC-Fila, this Breed is regarded as synonymous with confusion and trouble. At CBKC the Fila is systematically debunked and shall never be recognized as a homogeneous breed, even because its samples are not (see item “4” above) and so, they shall never be recognized and distinguished as they should be by the breeders of other Breeds administered by Notary CBKC-FCI.

My friend, besides these 12 items, I could go on listing several differences between the CAFIB-Fila and the CBKC-Fila, which the participants of Facebook were not capable to do, but I’d rather stop here in a polite and constructive way. Only those who do not realize, perceive and accept the facts narrated above are those who do not wish to do so or are extremely stubborn. If someone disagrees from the crystal clear statements I have made above, please send an email directly to me in a polite and constructive manner with their ARGUMENTS – as I have drafted my own above – and I will be delighted to talk about these differences

However, allow me to make some final considerations:

I. Too bad the serious and honest breeders of Typical Filas of CBKC-FCI do not get together and draw upon themselves the responsibility to breed only the Typical Filas at CBKC, separating them from the dogs of the Mastin Brasileiro Breed (see in English clicking in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia_eng.html from the mix-breeders and atypical dogs!!! And imposing themselves before CBKC-FCI from which they receive nothing.

II. Too bad the new breeders of the CBKC-Fila, the NAM’s (Neo Apologists of Miscegenation) and their followers do not really know the extremely pure Breed of Brazilian Fila Dog and its True History (*) and so, to my mind, be content with atypical and mix-breeder dogs and, thus, shall never truly be breeders of the Fila Breed.

(*) To know this History, of which I am very proud, I suggest you read my site http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/), my blog https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/) and I think it is essential to read the excellent book by journalist Paulo Godinho titled “FB: A Gift from the Stars ” which incidentally was sponsored by CBKC. To get it simply click on http://blogdopaulogodinho.blogspot.com/.

III. I doubt that my response article will be posted in full on Facebook’s “Seleção com Responsabilidade” where this question was posted. I’m sorry, but I also doubt that this article of mine will be answered and commented upon in a polite, constructive way and with ARGUMENTS. Who knows? Maybe some breeder or leader of the CBKC-Fila could point to me at least one delusion in the statements I have made above. Incidentally, this is another difference between CAFIB-Fila and CBKC- Fila: we defend with clear and consistent arguments the Philosophy in CAFIB Breeding, in which we believe and which we practice. After all, how to breed an animal breed without a common goal and with several types out of control?

IV.  Even so, in addition to sending this article to 570 emails in Brazil, I’ll have it translated into English and sent to 270 more e-mails that I have abroad, because it is important that those interested in the Fila Breed be aware of the countless and huge differences existing between the Fila bred at CAFIB and the Filas, mix-breeders and atypical dogs bred at CBKC-Fila with Fila pedigrees. Remembering, as I always do, that I will send this article first to FCI in the person of its president Rafael de Santiago, his vice-president Gerard Jipping, to the FCI translator Raymond Triquet and to CBKC in the person of its president Sergio Castro and advisor Ricardo Simões. 

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Best regards to all, Chico Peltier.

 

Post nº 120 – Perguntem ao Tio Chico nº 50 – Diferenças entre o Fila-CAFIB e o Fila-CBKC — “…quem cria de verdade, não critica…” – Enviado em 25-08-13

Perguntem ao Tio Chico nº 50

Diferenças entre o Fila criado e preservado pelo CAFIB e o Fila-CBKC — “…quem cria de verdade, não critica…”

 

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

168. Tio Chico, li no Face “Seleção com Responsabilidade” diálogo sobre quais seriam as diferenças entre o Fila criado e preservado pelo CAFIB e o Fila-CBKC. Mas, como infelizmente nenhuma diferença interessante foi postada pelos participantes, pergunto quais seriam em sua opinião as diferenças mais importantes?

Bem, em minha opinião:

1. O Fila-CAFIB tem controle e seleção. No Fila-CBKC qualquer animal é registrado e criado como se Fila Puro fosse. Apesar de nem todos o serem. Prova disto: qualquer foto de cães por mais heterogêneo que seja é aplaudida nos Facebooks como sendo de Verdadeiros Filas. Este fato torna-se totalmente incoerente ao se ler as denominações dos diversos tipos de “filas” no item “4” abaixo, usadas nos Facebooks por criadores do próprio Fila-CBKC;

2. No Fila-CAFIB os cães mestiços, atípicos e de má qualidade não são aceitos ou são excluídos do nosso plantel por meio de nossa rigorosa e honesta Analise de Fenótipo e Temperamento que é realizada com sucesso há 35 anos. Já no Fila-CBKC não existe nenhuma seleção e controle. O APR não foi instaurado e os TT`s estão rareando. Um dos maiores problema do Fila-CBKC não é ter Filas de má qualidade, mas sim mestiços. Todas as raças de qualquer espécie têm animais de má qualidade se confrontados com seu Padrão. Mas não podem ter mestiços. Cães atípicos não podem fazer parte do plantel de nenhuma Raça;

3. O Fila-CAFIB tem um Padrão que é respeitado e seguido. Por ter a Raça Fila sofrido a partir da década de 1.970 uma terrível e sistemática miscigenação que causou a existência de um maior número de cães mestiços do que de Filas Puros no plantel do Fila-BKC-CBKC-FCI (*), no Padrão do CAFIB (vide em http://www.cafibbrasil.com.br/cafib_padrao_raca.html ) foi criado um item especial denominado “Desqualificações por Miscigenação”. Estas faltas desclassificatórias são muito úteis para se eliminar os cães mestiços e atípicos de nosso plantel e, assim, aprimorar constantemente nossa criação.

Já o Fila-CBKC finge desconhecer a existência da mestiçagem (**) e absolutamente nada fez nos últimos 40 anos em termos de aprimoramento racial.

(*) Vide na INTRODUÇÃO do meu site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/1.html ) no sub item “BKC I” a quantidade de registros e o aumento do faturamento do então BKC com o registro de qualquer cachorro como se fosse Fila Puro;

(**) Apesar de Henrique Pereira de Lucena, ex-presidente do BKC e depois da CBKC; Chrs Habig, ex-vice presidente da FCI, e diveros criadores e juizes de Fila do proprio BKC-CBKB-FCI reconhecerem e atestarem a existencia da mestiçagem !!!

Assim, recomendo a leitura do excepcional artigo escrito por Dr. Paulo Santos Cruz, Mestre de Criação do CAFIB, datado de Dezembro-1.978 e publicado no Jornal “O FILA nº1” e  intitulado “Como distinguir um Fila Puro de um Mestiço” clicando em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8_30/materia.html , onde voces poderão aprender sobre as características desqualificantes que foram impregnadas na Raça Fila pela mestiçagem.

4. Na criação do Fila-CAFIB existe homogeneidade, enquanto que no Fila-CBKC encontramos a diversidade de tipos que infelizmente são aceitos e até premiados. São os chamados fila-atarracado, fila-toy, fila-pet, mastifila, napofila, fila-preto, fila-gigante, roitt-fila, blood-fila, fila-black and tan e até o fila-aberração” e, ainda, como eu os apelidei pejorativamente décadas atrás: “filamarques e fila-salada-genética”… Ou seja, cada criador possuía a sua “preferência” em desrespeito ao Padrão;

5.  O Fila-CAFIB, priorizando a homogeneidade e respeitando nosso Padrão da Raça Fila, não aceita em seu plantel os exemplares da nova Raça canina brasileira intitulada “Mastin Brasileiro” (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ), nem aceita cães mestiços e atípicos. Já o Fila-CBKC aceita;

6.  No Fila-CAFIB não aceitamos a coloração preta, já que todos os exemplares encontrados nesta cor apresentam invariavelmente características marcantes encontradas nas Raças Dinamarquês (Great Dane ou Dogue Alemão) e Mastin Napolitano que foram utilizadas largamente na mestiçagem pelos miscigenadores com a aceitação tácita do BKC-FCI e, depois do CBKC-FCI para que os mestiçadores inventassem o chamado “fila-preto”. Já o Fila-CBKC aceita.

Nota: o próximo “Perguntem” do Tio Chico trará a Análise de 4 ou 5 juízes do CAFIB sobre o fenótipo de um cão preto que vem sendo equivocadamente apresentado e aplaudido nos Facebooks como se Fila fosse;

7.  No Fila-CAFIB o Temperamento é resumido exemplarmente numa única palavra: “ojeriza”. Esta perfeita definição foi criada em 1.950 pelo nosso querido Paulo Santos Cruz, o “Pai da Raça Fila”, e é reconhecida em todo mundo por qualquer fileiro como sinônimo do temperamento do Fila Puro. Esta característica natural e única, somente encontrada na Raça Fila, deve ser portanto preservada. Mesmo assim, no Padrão do Fila-CBKC em português esta fundamental característica foi “adaptada” para “aversão”. Mas isto não foi o bastante !!! A mudança inaceitável esta por vir: a FCI — com o consentimento ou não (*) do CBKC, do Conselho do Fila, da SPFB, de outros clubes de Fila que por acaso existam ligados ao CBKC e por criadores do Fila-CBKC no Brasil e principalmente no exterior, — modificou totalmente esta definição na tradução para a versão do Padrão do Fila em inglês por “indiferença” e para o espanhol por “desconfiança”. E jamais os criadores do Fila-CBKC no Brasil e no exterior se importaram em reclamar com vigor esta “falta grave” da FCI. Como diz Airton Campbell “o animal que tem indiferença e desconfiança não é Fila, é GATO.

(*) apesar de minhas insistentes perguntas, nenhum dos mencionados me esclareceram se tiveram ou não envolvimento com esta equivocada tradução;

8. No Fila-CAFIB encontramos há 35 anos um time unido e coeso, com o mesmo foco e objetivo: resgatar da extinção e preserva o Fila Puro tal qual herdamos da Mãe Natureza. Já no Fila-CBKC onde encontramos tantos tipos caninos como os mencionados no item  “4” acima, consequentemente  não pode haver objetivo comum a ser perseguido e muito menos sonhado já que são criados dezenas de tipos de cachorros distintos;

9.  O Fila-CAFIB, prioriza o conhecimento técnico e profundo da Raça Fila, assim como de sua História (“pois sem passado não podemos ter presente e muito menos futuro”); a formação de nossos próprios juízes especializados que por meio de seus julgamentos e ensinamentos ajudam a executar e por em prática a Filosofia de Criação do CAFIB; a harmonia entre os nossos associados, a liderança dos nossos dirigentes adquirida por anos de envolvimento com sucesso no resgate da Raça Fila e a renovação de nossos criadores. Já no Fila CBKC penso que, infelizmente, nada do mencionado neste tópico é possível encontrar.

10. O Fila-CAFIB, há 35 anos é totalmente livre das amarras e dependências com o sistema BKC-CBKC-FCI que tira a liberdade de ação de seus clubes e criadores afiliados. Devidamente autorizados que fomos pelo Ministério da Agricultura logo após a fundação do CAFIB, passamos a emitir nossos próprios pedigrees e manter nosso Controle Genealógico (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/13.html ). O qual é digno de fé, ao contrario do que entendemos dos registros do Fila-CBKC. O CAFIB realiza por ano ao redor de 10 Expos no Brasil e 4 no exterior, mantém nosso Ranking e tem nossa secretaria totalmente informatizada. Há 35 anos não dependemos de nenhum Clube-cartório, nem de seus dirigentes. De Fila entendemos nós, não o sistema BKC-CBKC-FCI.

11. No Fila-CAFIB seus fundadores, ao invés de se satisfazerem comprando mestiços nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, preferiram logo após sua fundação visitar por diversas vezes o interior do Brasil importando linhas de Filas Puros. Principalmente de cidades do Sul de Minas Gerais e oriundos das antigas criações de  João Costa, Zé Gomes, Zezeca e Pedrinho (Junqueira) do Engenho, que apesar de serem Filas Puros e extremamente típicos, eram solenemente esquecidos pelo BKC-FCI que não os aceitava, pois não tinham pedigree. E isto, apesar do BKC não dar nenhuma facilidade para que estes fazendeiros mineiros que residiam no interior e longe dos Kenneis registrassem seus Filas. Ao contrário, na contramão das necessidades, o BKC encerrou o Registro Inicial (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/5.html ), mesmo sendo o Fila a única Raça nacional. Tampouco o BKC se dispunha a este trabalho, pois seus dirigentes se restringiam a ficarem engomados de terno e gravata trabalhando burocraticamente no ar-condicionado de suas salas na Rua Debret, nº 23, no Centro do Rio. Ou seja, o CAFIB foi resgatar o Fila Puro em seu habitat natural e original.

Já o Fila-CBKC preferiu se contentar com cães de registros duvidosos, advindos do Simpósio de Brasilia que procurou legalizar os mestiços, muitos deles oriundos do antigo Clube Paulista do Fila Brasileiro, cuja foto do seu mais importante presidente pode ser vista clicando em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1843.jpg , onde ele posa com sua Raça preferida: Mastiff Inglês. Ou ainda no oficio do KCP em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8-21-A.jpg . Sem mais comentários…;

12. No Fila-CAFIB o Fila é visto como objetivo e solução, enquanto que no Fila-CBKC esta Raça é vista como sinônimo de confusão e problema. No CBKC o Fila é sistematicamente desprestigiado e jamais será reconhecido como Raça homogênea, até porque seus exemplares não o são (vide item “4” acima) e, assim, jamais serão reconhecidos e prestigiados como deveriam ser pelos criadores de outras Raças administradas pelo cartório CBKC-FCI.

 

Meu amigo, alem deste 12 itens, poderia continuar elencando inúmeras diferenças entre o Fila-CAFIB e o Fila-CBKC, que os participantes deste Facebook não foram capazes de fazê-lo, mas prefiro ir parando por aqui de forma educada e construtiva. Só não realiza, percebe e aceita os fatos acima narrados quem não quer ou é extremamente teimoso. Se alguém discordar das cristalinas afirmações que fiz acima, por favor, mande um email diretamente para mim de forma educada e construtiva com seus ARGUMENTOS – como redigi os meus acima – que terei enorme prazer em conversar a respeito destas diferenças.

Entretanto, me permita algumas considerações finais:

I. Pena que os criadores sérios e honestos de Filas Típicos do CBKC-FCI não se unam e chamem para si a responsabilidade de criarem apenas o Fila Típico no CBKC, separando-os dos cães da Raça Mastin Brasileiro (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html  ), dos mestiços e dos cães atípicos !!! E se impondo frente ao CBKC-FCI dos quais nada recebem.

II. Pena que os novos criadores do Fila-CBKC, os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem) e seus seguidores não conheçam de fato a puríssima Raça Cão de Fila Brasileiro e sua Verdadeira História (*) e assim, ao meu ver, se satisfaçam com cachorros atípicos e mestiços e, desta forma, jamais serão de fato criadores da Raça Fila.

(*) Para conhecer esta Historia da qual muito me orgulho, sugiro a leitura do meu site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/  ), do meu blog ( https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/ ) e penso ser imprescindível a leitura do excelente livro do jornalista Paulo Godinho intitulado “FB: Um Presente das Estrelas” que aliás foi patrocinado pelo CBKC. Para adquiri-lo basta clicar em HTTP://blogdopaulogodinho.blogspot.com

III. Duvido que este meu artigo-resposta seja postado na integra no Facebook “Seleção com Responsabilidade” onde esta questão foi postada. Sinto muito, mas também duvido que este meu artigo seja respondido e comentado de forma educada, construtiva e com ARGUMENTOS. Quem sabe algum criador ou dirigente do Fila-CBKC seria capaz de me apontar pelo menos um erro nas afirmações que fiz acima. Alias, esta é outra diferença entre o Fila-CAFIB e o Fila-CBKC: nós defendemos com argumentos claros e coerentes a Filosofia de Criação do CAFIB na qual acreditamos e praticamos. Afinal, como criar uma Raça animal sem um objetivo comum e com diversos tipos sem controle?

IV.  Mesmo assim, alem de enviar este texto para 570 emails no Brasil,  vou traduzir este artigo para o inglês e o enviarei para mais 270 emails que possuo do exterior pois é importante que os interessados na Raça Fila conheçam as inúmeras e enormes diferenças existentes entre o Fila criado no CAFIB e os Filas, os cães mestiços e atípicos criados no Fila-CBKC com pedigree de Fila. Lembrando que, como sempre faço, enviarei este texto primeiramente para a FCI na pessoa de seu presidente Rafael de Santiago, seu vice Gerard Jipping, para o tradutor Raymond Triquet e para o CBKC na pessoa de seu presidente Sergio Castro e do conselheiro Ricardo Simões. 

169. Tio Chico, voce concorda com a seguinte afirmação que li num Face: “…quem cria de verdade não critica , pois sabe o sacrifício que é criar e acertar tudo”?

Com todo o respeito que este post merece, não concordo.

Apesar de entender perfeitamente que criar uma Raça animal com Padrão e com Registros (pedigrees) seja uma atividade muito difícil. Mas é difícil, assim como milhares de outras atividades que os seres humanos escolheram para livremente desempenhar. Logo, não entendo o ato de se criar animais como um favor ou um sacrifício. Isto para mim é apenas falta de argumentação e tentativa de supervalorizar uma atividade normal. Por outro lado, penso que se alguém deseja criar e preservar com seriedade e honestidade uma Raça animal deveria fazê-lo com respeito e determinação. Aceitando críticas que fazem parte de todo o trabalho desempenhado pelo Homem. Criar de forma errada, sem se pretender alcançar ao longo do tempo e de forma séria um tipo canino pré-determinado e com a homogeneidade constante do Padrão trata-se de um terrível erro. E persistir no erro é tolice.

Quem cria desta forma pensa que cria mas, para mim, não passa de um  possuidor de cães. Não se trata, portanto, de um CRIADOR de fato. Ou seja, alguém que ajuda a construir uma Raça e contribui para deixar um legado para os criadores futuros. Este cidadão, em minha opinião, não passa de um possuidor de cachorros.

Na criação séria encontra-se implícito a seleção e o controle dos padreadores e da prole. O CAFIB procede assim, selecionando, controlando e excluindo do seu plantel os cães mestiços e atípicos. Basta ler na resposta nº 168 acima as diferenças fragrantes existentes entre as criações do Fila CAFIB e do CBKC. Os criadores do Fila-CBKC não tem seleção, não tem controle, não tem sequer APR e os TT`s estão rareando.

Criar sem ter um tipo e homogeneidade para mim não é criar. É apenas ser proprietário de cachorros.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado  primeiramente para os responsáveis pela FCI (da Bélgica) + CBKC; e para a FCI (da Espanha).

Obrigado a todos, Chico Peltier.

Post nº 119 – Perguntem ao Tio Chico nº 49 – Mais Agressões e Tolices nos Faces – Reunião entre CAFIB e criadores do Fila-CBKC… – A Perfeição Sempre Cobrada do CAFIB – Pedido Negado… – A AFT da SPFB – Mais uma “União Nacional” proposta no Fila… – Enviado em 10-08-13

Perguntem ao Tio Chico nº 49

Mais Agressões e Tolices nos Faces – Reunião entre CAFIB e criadores do Fila-CBKC… – A Perfeição Sempre Cobrada do CAFIB – Pedido Negado… – A AFT da SPFB – Mais uma “União Nacional” proposta no Fila…

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

155. Sr. Peltier, voltaram a ser postadas em Facebooks agressões contra o CAFIB e sua pessoa. Me impressiona a total falta de argumentação dos NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem). Como eles não têm coragem nem argumentos para discutir sobre a mestiçagem, os “filas-mestiços” com pedigree, os “filas-pretos”, a inexistência do APR, a cada vez maior ausência do TT em Expos no Brasil e principalmente no exterior, a tradução do Padrão do Fila errada feita pela FCI,  e os imensos erros cometidos por seus clubes apelam para a grosseria. Isto não constrói absolutamente nada, não é mesmo?

É verdade. Como eles não tem como defender de forma educada e coerente seus pontos de vista, apelam para a grosseria. Mas, como já escrevi diversas vezes, não levo esta tolices e grosserias para o lado pessoal. Quando meus amigos me enviam estas postagens, as ignoro imediatamente. Como voce disse é pura falta de argumentação. Alem do mais considero-as como imaturidade e desespero… E covardia também, visto que muitos se escondem por trás de nomes falsos… Mais falsos do que os cachorros que criam…

156. Tio Chico, voce esta certo: ao contrário do que muitos criadores pensam, a presença e quantidade dos “filas mestiços” ainda existentes, colocam em grande risco a criação do Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro PURO, conforme comprovam as dezenas de fotos de mestiços com pedigree de Fila e de Mastins Brasileiros (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ) que o Senhor tem postado constantemente em seu blog. Por favor, continue divulgando o Fila Puro, o CAFIB, os “filas-mestiços” e os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem).

Isto mesmo. Sem dúvida, continuarei a divulga-los.

157. Sr. Chico, li num Face que alguns criadores de Fila do CBKC estão propondo uma conversa com criadores do CAFIB. Fiquei atônito! Esta conversa será sobre Fila-Puros ou sobre mestiços com pedigree de Fila? Alem desta duvida tenho outra: quem representa o Fila-CBKC? Pergunto isto, pois todos nós sabemos que qualquer criador que compõe a Velha Guarda do CAFIB esta apto para representar e explicar a Filosofia de Criação do CAFIB, já que temos um pensamento homogêneo e Regras claras que são efetivamente cumpridas. Mas quem tem autoridade para representar o Fila-CBKC se este clube não tem uma criação e pensamento homogêneo?  Quem representará os diversos “tipos” de “filas” existentes no Fila-CBKC?

Querido amigo de tantos anos, prefiro nem comentar…

158. Porque o CAFIB tem que ser sempre perfeito e não pode cometer nenhuma falha por menor que seja; enquanto que o trio BKC-CBKC-FCI pode registrar mestiços de Fila há 40 anos, pode traduzir com erros grosseiros o Padrão do Fila-CBKC para o inglês e para o espanhol e podem desrespeitar seu próprio Estatuto que só permite a criação, exposição e cotrole de cães de Raças Puras? Isto para citar apenas três “faltas graves” destes clubes!

Pois é, bem lembrado… Por que esta turma não vai reclamar estes e outros assuntos no CBKC-FCI, não é mesmo?

159. Tio Chico, mais duas grandes tolices postadas no Facebook: a primeira afirma que existe “fila” na coloração “black and tan”. A segunda, que o Fila do CAFIB é mais homogêneo por que só tem “amarelo”. O pior é que esta pessoa se considera e é considerada “criadora” ou juíza… Que tal o nível?

Sem comentários…

160. Por que no Fila encontramos umas pessoas negativas, sempre de mal com a vida, que odeiam a todos e até a si mesmas, que não são proativas, que não conseguem construir absolutamente nada, que gostam de usar os amigos e que acabam brigando com diversos criadores de todos os clubes?

É verdade. Mas tem muita gente assim em todos os segmentos da sociedade. Portanto nos cabe “selecionar” melhor os nossos relacionamentos.

161. Tio Chico, meu Deus: quanta falta de “seleção com tanta ir-responsabilidade…rsrsr. Não é mesmo?

Pois é… Como digo desde antes da fundação do CAFIB: esta turma de pretensos criadores de Filas, gosta mesmo é de seus cães, não da Raça Fila… Isto sem falar nas postagens feitas por “fakes” que navegam covardemente pelos Facebooks e tem medo de mostrar a verdadeira cara…

162. É verdade que voce recebeu mais um pedido para parar de divulgar o Fila, o CAFIB e parar de comentar sobre os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem), a mestiçagem, os “filas-mestiços” e o Fila-CBKC?

É verdade. Alias simpatizo muito com o dirigente que me fez este pedido. Mas pela enésima vez fui obrigado a negar este pedido, pois:

– por que devo parar com meus artigos se inúmeros criadores do Fila-CBKC e da SPFB podem se expressar livremente?

– por que podem ser escritas tantas tolices, mentiras e agressões nos Facebooks e sites e o Tio Chico tem que ficar calado?

– por que o Tio Chico tem que ser censurado e não pode reagir SEMPRE DE FORMA FIRME, MAS EDUCADA E COM MUITOS ARGUMENTOS ?

– por que o Tio Chico não pode discordar de tantas afirmações vazias, superficiais, erradas, mentirosas e sem argumentos?

É preciso que se entenda de uma vez por todas: é impossível defender e divulgar o Fila Puro e o CAFIB sem comentar também a mestiçagem, os “filas-mestiços”, os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem), bem como não mencionar seus clubes.

Assim, respondi a este dirigente que não adianta insistir. Infelizmente não tenho como atende-lo.

163. Chico, acabo de ler o capitulo do livro do Godinho intitulado de “No Tempo das Mestiçagens” Parabéns ! Sua participação na História do Fila é espetacular. Com tão pouca idade voce percebeu que a mestiçagem acabaria com a Raça Fila. Voce criou cães por tão pouco tempo, mas teve a capacidade de antever o terrível problema ocasionado pela mestiçagem e denunciou os mestiçadores e o BKC-CBKC-FCI. Alem disto foi um dos responsáveis por trazer de volta à cinofilia o Dr. Paulo Santos Cruz (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/4-Documentos-de-1975-e-1976/4-17.jpg ) e foi um dos idealizadores do CAFIB. Enquanto isto, com um atraso de quase 40 anos, tem gente que até hoje ainda não acordou para estas verdades. Parabéns e muito obrigado.

De nada, eu faria tudo de novo…

164. Chico, excelente sua argumentação sobre o Caso Thor.  Mas bastaria dizer que para o CAFIB os pedigrees do CBKC-FCI da Raça Fila não tem nenhum valor, pois não são dignos de fé. Esqueça este assunto que jamais me aTHORmentou  rsrsrs.

Parabéns, esta sua frase é mesmo excelente…

165. Tio Chico, eu já escutei muito de alguns criadores do Fila-CBKC que como eu nunca criei, eu só falava besteira. Mas e eles que criam ha anos, e só criam besteira? Falar o que né? rsrsr

Ha muito tempo alguém não me fazia rir tanto como voce. Adorei sua frase: inteligente e objetiva. É isto mesmo, e “como criam besteira”, não é mesmo?

Sem dúvida esta é uma das melhores frases do ano. Parabéns !!!

166. Sr. Peltier, como funciona a AFT da SPFB, cujo nome foi copiado do CAFIB? Esta ferramenta Aprova e Reprova cães como no CAFIB ou não?

Não sei. Sugiro perguntar ao presidente da SPFB, Roberto Sena Sene. Se a SPFB desejar divulgar este esclarecimento, meu blog esta a disposição.

167. Tio Chico, o que voce acha do fato de um criador do Fila-CBKC propor uma Grande União Nacional na Raça Fila?

Gostaria muito que isto fosse possível. É um grande sonho que acalento há décadas. Mas não acredito em uma milagrosa “união nacional” num clube que tem vários tipos de cães e onde impera a falta de homogeneidade. Tanto de fenótipo quanto de pensamento. Ora, se não conseguiram chegar a um tipo de único de cachorro, como chegar a um pensamento único? Recomendo lerem o meu artigo intitulado “FB: Hora de União” publicado em Fev/78 no nº 31 da Revista Animais & Veterinária, escrito 35 anos atrás e antes da fundação do CAFIB ( vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/8-Documentos-de-1978/8_3/materia.html ). Nos, que tínhamos como objetivo resgatar o Fila da extinção e preserva-lo tal qual herdamos da Mãe Natureza, nos unimos e meses depois fundamos o CAFIB. Mas ninguém em sã consciência vai se unir em torno de mais de 10 tipos diferentes de “filas-mestiços” que continuam sendo criados e registrados sem nenhum tipo de controle e sem seleção.

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado  primeiramente para os responsáveis pela FCI (da Bélgica) + CBKC; e para a FCI (da Espanha). 

Obrigado a todos, Chico Peltier.

Post nº 118 – Tio Chico Informa nº 46 – Canil Cara Branca: um exemplo a ser seguido — Nunca é tarde para recomeçar da forma correta !!! — Um exemplo prático, correto E ATUAL a ser seguido !!! – Enviado em 6-08-13

Tio Chico Informa nº 46

Canil Cara Branca: um exemplo a ser seguido — Nunca é tarde para recomeçar da forma correta !!!  — Um exemplo prático, correto E ATUAL a ser seguido !!!

Meus amigos e amigas,

Alguns criadores quando fundaram o CAFIB e muitos outros que passaram a fazer parte do nosso Clube e, ainda, criadores do BKC e CBKC que se transferiram para o CAFIB possuíam em seus canis “filas-mestiços”. Todos nós excluímos da reprodução estes cães mestiços !!!

Eu mesmo encerrei minha criação em 1.977, antes mesmo da fundação do CAFIB, pois eu só possuía uma fêmea Fila Pura.

Vide minha Fila Pura em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1849.jpg ;

Vide minha Fila Pura em  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1848.jpg ;

Vide meu mestiço, 50% Mastin Napolitano (cinza) e mais uma foto de minha Fila Pura em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1847.jpg ;

Vide minha Fila Pura Melhor da Raça do BKC (1.976) em  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1845.jpg ;

Vide ninhada do Canil CAFIBRA premiada no BKC em 1.976, 50% Mastin Napolitano em: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1844.jpg ;

Vide mestiço Arariboia, 50% de Mastin Napolitano e avô da ninhada acima: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/189.jpg .

Pois bem, meus amigos, é justamente por isto que costumamos dizer: “Nunca é tarde para recomeçar!”; “É tolice persistir no erro”; “O pior criador é aquele que acha que cria Fila Puro mas que cria fila-mestiço com pedigree”, ou ainda, perguntamos: “A quem voce deseja enganar? Sua familia, seus amigos, voce mesmo?”

Estas frases e muitas outras fazem parte do meu artigo “Tio Chico Informa nº 6”, datado de 9/12/11 e intitulado “Melhores e Piores de 2.011”.

Sugiro ainda neste artigo que voces leiam principalmente os itens 3 e 4 aonde desmascaro falsas teses e comento tolices e bobagens várias vezes publicadas na internet e em Facebooks pelos NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem). Sugiro muito esta leitura clicando em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/11/10/post-no-51-consolidacao-das-respostas-as-tolices-e-mentiras-dos-nams-melhores-e-piores-de-2-011-data-9-12-1/ .

Por isto muitos criadores defendem abertamente a homologação pelo CBKC da Raça Mastin Brasileiro, a qual já tem uma razoável homogeneidade decorrente de 40 anos de miscigenação da Raça Fila com cães das Raças Mastiff Inglês, Mastin Napolitano e Dinamarquês (Greta Dane ou Dogue Alemão) na cor preta. (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ). Pelo que fui informado a SOBRACI já reconhece esta Nova Raça.

Portanto, como o Tio Chico age de forma PROATIVA e PRODUTIVA e não fica como outras pessoas apenas criticando e tentando recriminar o que de MAIS CORRETO EXISTE NA RAÇA FILA, QUE É O CAFIB; sem absolutamente NADA CONSTRUIR DE ÚTIL, sem nada propor de concreto e sempre de mal com a vida, segue abaixo um excelente, prático e atual exemplo a ser seguido: Canil Cara Branca de Flávio Mancilha. Flávio há pouco mais de um ano atrás saiu do CBKC-SPFB, renunciou à diretoria da SPFB, abandonou seus títulos, descartou seus “filas-mestiços” e atípicos e se transferiu para o CAFIB. Flávio com coragem, determinação e, principalmente,  amando mais a Raça Fila do que os seus primeiros cães mestiços de fila e atípicos, recomeçou sua criação adquirindo Filas Típicos. Vejam e comprovem o que afirmo por meio das fotos um pouco mais abaixo.

Alias, como muito bem redigiu Fernando Zanetti no “Tio Chico Informa nº 42”, sobre a criação de Flavio Mancilha: “…tem evoluído de forma excepcional já que tem estudado a Filosofia de Criação do CAFIB e a vem praticando, visto que se desfez de cães de sua propriedade que eram notadamente ATIPICOS, muito deles  consagrados  com o TITULO DE  GRANDE CAMPEÃO pelo CBKCe se associou ao CAFIB.

Ou seja, meus amigos, concluindo:

A – Por que alguns criadores e dirigentes do Fila-CBKC podem comprar Filas do CAFIB, melhorar com estes exemplares suas criações – lembrando que o Tio Chico não sabe de que forma os registros de ninhadas frutos de padreadores do CAFIB recebem pedigree do CBKC – e o nosso querido Flávio Mancilha não pode RECOMEÇAR TOTALMENTE SUA CRIAÇÃO COM FILAS MUITO MAIS TÍPICOS E SEM CAMBALACHOS ??? Isto é, sem desrespeitar as regras de registro???

B – Infelizmente, ao contrário do que muitos criadores pensam, a presença dos “filas mestiços” ainda colocam sim em grande risco a criação do Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro PURO conforme comprovam inequivocamente o item nº 1 das fotos abaixo e, justamente por isto, o Tio Chico é obrigado a continuar o seu trabalho de divulgar o Fila Puro, o CAFIB, os “filas-mestiços” e os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem)!!!

 1. CRIAÇÃO DO FLAVIO ANTES DE SE ASSOCIAR AO CAFIB:

Titulos paredeTitulos flâmulas parede

Titulo parede 2Mestiço 1

Mestiço 2Mestiço 5

Mestiço 4Mestiço 3

 2. CRIAÇÃO DO FLAVIO DEPOIS DE SE ASSOCIAR AO CAFIB:

ThorDorica

ZagaiaCafib ataque

ThorCafib 10

 3. ALÉM DISTO, PARA DIVULGAR O VERDADEIRO FILA E O CAFIB, NOSSO INCANSÁVEL E PERSISTENTE FLAVIO MANCILHA ACABA DE CRIAR MAIS UM FACEBOOK:

Grupo Face

Sendo assim, pelo seu desprendimento aos seus antigos cães e pela sua perseverança em criar o Verdadeiro Fila nossos parabéns ao Flavio Mancilha.

 Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI (da Bélgica) + CBKC; e para a FCI (da Espanha

Abs, Chico Peltier.

 

Post nº 117 – Uncle Chico Newsletter # 46 – Cara Branca Kennel: an example to be followed – Never is too late to restart!!! A practical, correct AND CURRENT example to be follow !!! – Sent Aug-5th-13

Uncle Chico Newsletter # 46 

Cara Branca Kennel: an example to be followed – Never is too late to restart!!!

A practical, correct AND CURRENT example to be follow !!! –

My friends,

Some breeders when they founded CAFIB and many others that have become CAFIB members and also breeders from BKC and CBKC who transferred to CAFIB had in their kennels “mix-breeders-filas” (mestizos). All of us excluded these mix-breeders dogs from the breeding reproduction !!!
I even ended my breeding / kennel in 1.977, even before the foundation of the CAFIB, because I only had a Pure female Fila.
See my Pure Fila at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1849.jpg ;

See my Pure Fila at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1848.jpg ;
See my mix-breed fila, 50% Mastin Napolitano (gray color) plus a photo of my Pure Fila at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1847.jpg ;
See my Pure Fila wining a Best BKC Show (1.976) at http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1845.jpg ;
See a litter from my Cafibra Kennel awarded at BKC Show in 1.976, 50%  Mastin Napolitano: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/1844.jpg ;
See Arariboia a mix-breed fila, 50% Mastin Napolitano and grandfather of the above litter: http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fotos/189.jpg .

Well, my friends, is precisely why we always say: “It is never too late to restart!”; “It is foolish to persist in error”; “The worst breeder is the one who thinks breeds the Pure Fila but breeds a mix-breed-fila with Fila pedigree”, or we even ask: “Who you want to cheat? Your family, your friends, you yourself?”

These phrases and many others are part of my article “Ask Uncle Chico #. 6″, dated Dec, 9th-2.011 and titled “Best and Worst of 2011”. I further propose in this article — that you will read mainly in items 3 and 4 — where my demolition of false theses and foolishness comments and nonsense several times published on the internet and Facebooks by the famous NAM `s (Neo Apologists of Miscegenation). I strongly suggest you reading this article in English by clicking https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/11/10/post-52-uncle-chico-newsletter-no-6-the-great-consolidation-of-truth-best-and-worst-of-2011-sent-dez-9th-2-011/ .

For this reason many breeders openly advocate the approval by CBKC of the New Breed called Mastin Brasileiro, which already has a reasonable homogeneity resulting from 40 years of mix-breeding the Fila with dogs from the followings Breeds: English Mastiff, Neapolitan Mastiff and Great Danish (also called German Dog) in black color. See such proposal also in English by clicking http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia_eng.html . By the way I was informed that SOBRACI already recognizes this New Brazilian Breed.

So, like Uncle Chico acts always in a PROACTIVE and PRODUCTIVE way, i.e., not like other people just criticizing and trying to blame what the MOST CORRECT EXISTS IN THE FILA BREED, THAT IS CAFIB. Unlike others breeds who absolutely NOTHING OF USEFUL built and without proposing anything concrete, below is an excellent, practical and current example to be followed: Cara Branca Kennel owned Mr. Flávio Mancilha. Flávio just over a year ago left the CBKC-SPFB, resigned from the SPFB board, abandoned his titles, disbanded his “mix-breeders-filas” and atypical dogs and moved to CAFIB. Flávio with courage, determination and, above all, loving more the True and Real Pure Fila Brasileiro than their first “mestizos” and atypical dogs, began acquiring for his kennel Typical Filas. See and prove what I say through the photos a little further down.
By the way​​, as well wrote Fernando Zanetti in “Ask Uncle Chico # 42” about Mr. Flavio Mancilha: “… has evolved exceptional as it has studied the CAFIB Breeding Philosophy and has been practicing since divested dogs of his property that were markedly atypical, many of them with Grand Champion titles holders and joined CAFIB.

That is, my friends, concluding:
A – Why do some CBKC-Fila breeders and leaders can buy CAFIB Filas in order to improve their breeding — remembering that Uncle Chico does not know how they records such litters from CAFIB parents at the CBKC – and our dear Mr. Flavio Mancilha can not ENTIRELY RESTART HIS FILA BREEDING  WITH CAFIB DOGS AND WITHOUT committing any slide ??? This is, without breaching the Rules of registration ???
B – Unfortunately, contrary to what many breeders think, the presence of “filas mestizos” still place a enormous risk for the True and Real Fila Brasileiro breeding as evidenced unequivocally item # 1 of the photos below. For this very reason, the Uncle Chico is bound to continue his work to publicize the Pure Fila, CAFIB, the “filas-mestizos” and the NAM `s (Neo Apologists of Miscegenation) !!!

1. MR. FLAVIO MANCILHA BREEDING BEFORE BECOMING A CAFIB MEMBER:

Titulos paredeTitulos flâmulas parede

Titulo parede 2Mestiço 1

Mestiço 2Mestiço 5

Mestiço 4Mestiço 3

2. MR. FLAVIO MANCILHA BREEDING AFTER BECOMING A CAFIB MEMBER:

ThorDorica

ZagaiaCafib ataque

ThorCafib 10

3. FURTHER TO DISCLOSE THE TRUE CAFIB FILA OUR RELENTLESS AND PERSISTENT MR. FLAVIO MANCILHA JUST RELEASE A NEW FILA FACEBOOK:

 Grupo Face

Thus, by his detachment to his old atypical and “mestizos”dogs and for their perseverance in breeding the True and Real Fila Brasileiro my congratulations to Mr. Flavio Mancilha.

 Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Best regards, Chico Peltier.

Post nº 116 – Tio Chico Informa nº 45 – Desculpem a minha falha… – Enviado em 3/08/13

Tio Chico Informa nº 45

Desculpem a minha falha…

Meus amigos e amigas,

1. Desculpem a minha falha ao divulgar equivocadamente o resultado da Melhor Fêmea da Expo da Expo. de Governador Valadares, MG.

De fato a melhor colocada foi Cuba Fila Roots RO (Registro de Origem) do CAFIB nº 3.790. Vejam este ótima exemplar do CAFIB abaixo:

                     Cuba Fila Roots – RO do CAFIB nº 3790

Cuba Fila Roots - Jul-13

 

Cuba Fila Roots - Ataque - Jul-13

2. Não deixem de ver clicando em http://www.youtube.com/watch?v=2y6J32wuWz4 o excelente vídeo produzido pelo Thiago Rodrigues Gonçalves, do CAFIB-Brasilia, que esta organizando a próxima Expo do CAFIB nesta cidade no próximo dia 18/08/13. Mais informações pelos teles (61) 8122-2925 e (61) 8463-4741 ou pelo  www.filaroots.com.br

 Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also sent primarily to those responsible for FCI (from Belgium) + CBKC; and also to FCI (from Spain)

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI (da Bélgica) + CBKC; e para a FCI (da Espanha

Abs, Chico Peltier.