Post nº 73 – Perguntem ao Tio Chico nº 28 – Porque não respeito os NAM`s + O sucesso do site e do blog do Tio Chico – enviado em 31/01/13

Perguntem ao Tio Chico nº 28

Porque não respeito os NAM`s + O sucesso do site e do blog do Tio Chico

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

101. Tio Chico, o que voce acha desses NAM`s (criadores que são os Neo Apologistas da Mestiçagem) que postam tolices em Facebooks mencionando o seu nome mas, apesar de terem seu email e de voce enviar para todos eles por email todos os seus artigos, documentos e argumentos; não tem a coragem de proceder da mesma forma com voce, preferindo escrever piadinhas infantis sem consistência e com medo de te dar ciência?

Não respeito os NAMs. Nem como homens, nem com criadores.

1. Como homens são covardes pois não tem coragem de me enviam diretamente para meu email suas argumentações, enquanto todos meus artigos envio diretamente para os emails de todos os NAM’s. Não defendem seus pontos de vista e muito menos respondem o que lhes é perguntado. Sempre tentam criar um assunto novo, a fim de tentarem sair pela tangente e desviarem o foco do assunto em questão. Pois, afinal, como todos nós sabemos, os NAM`s odeiam discutir o grande problema da Raça Fila que é a mestiçagem e a eterna omissão e inércia do trio BKC-CBKC-FCI, aos quais aliás se subjulgam incondicionalmente..

Não me respondem, nem mesmo quando os exponho ao ridículo das tolices escritas por eles, tais como sobre a pretensa “Carta dos Holandeses”, o erro grosseiro ou a falsidade ideológica de afirmar que a eleição no Clube Paulista do Fila foi em 1.975 e não em 1.978 como de fato ocorreu, a incrível invenção da palavra “pardalusca” na tola e pueril tentativa de validar o assim chamado “fila-preto” e tantas outras bobagens e invencionices postadas em Facebooks, num total desrespeito aos seus próprios leitores. Alem disto, a mais de dois anos aguardo suas repostas sobre as fotos de filas do tipo “salada-genética”  (vide em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/12/27/post-no-63-email-datado-de-31032010-questionando-filas-do-tipo-salada-genetica/ ) e a mais de um ano aguardo resposta a minha Consolidação das Respostas às Tolices e Mentiras dos NAMs + Melhores e Piores de 2.011” (vide no item nº 4 em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/11/10/post-no-51-consolidacao-das-respostas-as-tolices-e-mentiras-dos-nams-melhores-e-piores-de-2-011-data-9-12-1/ ). Os NAM`s simplesmente fogem de uma discussão séria e educada sobre a Raça Fila e a mestiçagem. Uma vergonha !!!

2. Não os respeito como criadores pois aceitam a mestiçagem e os filas-mestiços. Pior não tem coragem de defender os diversos tipos de cães que criam. Fogem da argumentação e da discussão educada, civilizada, franca e aberta de ideias e pensamentos. Geralmente apelam para a grosseria devido a falta de argumentos. Optam sempre por brincadeirinhas infantis, ataques pessoais e mentiras. Não abordam o assunto mestiçagem com seriedade. Não tem argumentos, nem coragem de defender os tipos de “filas” da criação que adotaram. Alem disto, como dirigentes, não têm representatividades e não são escutados e muito menos se impõe perante o CBKC. Atitude que eu, com apenas 26 anos de idade e sozinho, tomei junto ao então “Todo Poderoso” presidente do BKC e, depois do CBKC, Henrique Pereira de Lucena, quando passei a idealizar um clube que viria a ser o CAFIB, fundado por Paulo Santos Cruz, Airton Campbell, Américo Cardoso, Luiz Maciel, Roberto Maruyama entre outros.

Estes pseudo-dirigentes não lideram seus associados, não tem conhecimento técnico, aboliram o APR, estão abolindo o TT e, sendo assim, continuarão com suas criações sem controle, sem seleção e, consequentemente, criando vários tipos de “filas” sem homogeneidade. Ou seja, os chamados “fila-atarracado, fila-toy, fila-pet, mastifila, napofila, fila-preto, fila-gigante, roitt-fila, blood-fila, e até o fila-aberração”. Recentemente passaram a tentar badalar e inventar os “campeões de ocasião”… Campeão do tipo “flash”, com rápidos 15 minutos de fama…

3. Finalmente, não os repeito, pois vivem na mentira. Se enganando e enganando terceiros.

Alem disto, escrevem tolices e piadinhas bobas em Facebooks e quando são reprendidos e chamados à atenção por cafibeanos atentos e que seguem Facebook, coisa que eu não faço, suprimem as bobagens postadas, mesmo que com mais de 23 comentários!!! Ou seja, uma atitude covarde de quem não assumem suas ações !!!

Pena que os criadores de Filas Típicos do CBKC-FCI não se unam e chamem para si a responsabilidade de criarem apenas o Fila Puro, separando-os dos cães da Raça Mastin Brasileiro (vide em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ) !!! E se impondo frente ao CBKC-FCI como recentemente fizeram os Pastoreiros.

102. Tio Chico, se não me falha a memória seu blog (https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/ ) que é a continuação natural do seu site (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/ ) foi lançado em 23/08/12. Certo? Quantas visitas auditadas ele obteve nos 4 primeiros meses de disponibilização?

Sim, meu blog é a continuação natural do meu site, que continua sendo uma “Biblioteca de Referencia” e estudo para a Raça Fila. Amigos do exterior comentam comigo que não conhecem no mundo um site sobre apenas uma Raça canina com tanta documentação e informação. É verdade: são mais de 1.000 documentos e mais de 400 fotos disponibilizados para aqueles que desejam conhecer a Verdadeira Historia da Raça Fila, a saga do CAFIB, a mestiçagem e seus danosos efeitos que afligem até hoje a criação do Fila, principalmente do Fila-CBKC. O primeiro documento data de 1.942 e foi escrito por João Laraya para a revista da Editora Caça e Pesca (http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/3-Documentos-ate-1974/3-1.jpg ).  É inimaginável que alguém que diz criar e gostar da Raça Fila não se interesse em ler centenas de documentos como estes.

Alem disto temos o blog com mais de 70 posts. Sim, meu blog foi lançado em 23/08/12 e até o dia 28/01/13 (5 meses) foi auditado pelo WordPress um total de 1.704 visitas, ou seja, ao redor de 341 visitas/mês. Hoje pela manha já estava com 1.752 visitas. Por outro lado, em dezembro passado meu site, cuja média auditada pela Locaweb é de 5.500 visitas/mês, bateu o recorde de 5.828 visitas.

Certamente estas duas ferramentas com este numero impressionante de visitas, tem esclarecido diversos criadores a respeito do CAFIB e da mestiçagem na Raça Fila. Graças a Deus desisti de criar filas-mestiços com pedigree, acabei com meu canil em 1.976, rompi com o então BKC e, desde então, me especializei em escrever sobre a Raça Fila, divulgando-a para todo o mundo, contando a Saga do CAFIB e alertando sobre os males da mestiçagem.

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos, Chico Peltier.

 

 

 

Anúncios

Post nº 72 – Perguntem ao Tio Chico nº 27 – Fila Puro é CAFIB – enviado em 30-01-13

Perguntem ao Tio Chico nº 27

Fila Puro é CAFIB

100: Tio Chico, eu não vou perguntar. Eu vou afirmar: parabéns e obrigado por divulgar a 37 anos o Fila Puro, o CAFIB, a mestiçagem, os mestiços, os NAM`s (= criadores que são os Neo Apologistas da Mestiçagem) e os clubes-cartórios que não cuidam da Raça Fila e estão mais atentos ao seu próprio faturamento…  Mais parabéns ainda para o CAFIB, seus fundadores, dirigentes e criadores, que com seu trabalho de controle e seleção, viajando em caravanas do Nordeste ao Sul do Brasil, conseguiram resgatar o Verdadeiro Fila Puro da extinção e formar um plantel abundante em exemplares homogêneos, típicos e com temperamento. Meu recado é: Fila Puro é CAFIB !!!

Amigo, obrigado pelos elogios. Principalmente ao CAFIB. É verdade: nosso time é formado por dedicados especialistas em Fila. Voce esta certo: Fila Puro é CAFIB. Sendo assim, como um presente a todos por ser esta a pergunta de nº 100, veja logo abaixo a prova de suas afirmações: dois excelentes exemplos do Fila-CAFIB: Kauana III do Amparo e Zenon do Itanhandu, ambos com RO do CAFIB.

Kauana do Amparo 2Kauana do Amparo 1Zenon do Itanhandu 3Zenon do Itanhandu 2

 

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos, Chico Peltier.

 

Post # 71 – Ask Uncle Chico # 27 – Pure Fila is CAFIB – sent Jan, 30 – 2.013

Ask Uncle Chico # 27   

Pure Fila is CAFIB

100: Uncle Chico, I will not ask. I’ll say: congratulations and thank you for promoting the last 37 years the Pure Breed Fila, CAFIB, miscegenation, the mestizos, NAM `s (Neo Apologists of the Miscegenation breeders) and registries clubs that do not take care of Fila Breed and are more attentive to their own billing … More congratulations also to CAFIB, its founders, directors, executives and breeders who work with their control and selection, traveling in caravans from Northeast to South of Brazil, managed to rescue the True Pure Fila from extinction and form an abundance of homogeneous, typical and temperamental specimens. This is my message: Pure Fila is CAFIB !!!
My friend, thank you for the compliments. Especially to CAFIB. Our team consists of dedicated specialists on Fila. You’re right: Pure Fila is CAFIB. So, as a gift to everyone because this is the question # 100, see below the proof of its assertions — two excellent specimens of Fila-CAFIB: Kauana III do Amparo and Zenon do Itanhandu, both with CAFIB RO.

 Kauana do Amparo 1 Kauana do Amparo 2 Zenon do Itanhandu 2 Zenon do Itanhandu 3

Note: as I have always done with all emails sent in the past, this was also directed primarily to those responsible for FCI and the CBKC.

Thanks, Chico Peltier.

 

Post nº 70 – Perguntem ao Tio Chico nº 26 – A Nova Proposta de Sócio do CAFIB – Enviado em 24/01/13

Perguntem ao Tio Chico nº 26

A Nova Proposta de Sócio do CAFIB

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

99. Tio Chico, me disseram que a “Nova Proposta de Sócio” do CAFIB para o ano de 2.013 esta bem mais restritiva e rigorosa. É isto mesmo? Será que voce poderia me enviar um modelo, pois desejo me filiar ao CAFIB novamente neste ano de 2.013? Mais uma pergunta: é verdade que a Análise de Fenótipo e Temperamento do CAFIB também vai ficar mais rigorosa?

a) Proposta: sim, alguns criadores que não comungam e não praticam de fato a Filosofia de Criação do CAFIB se associavam apenas com fins comerciais ou superficiais. Existiam alguns que tinham até seus cães Aprovados com sérias “Restrições” e estas informações não eram repassadas para os demais criadores e compradores. Quando voce quiser realmente saber se um criador é sócio do CAFIB basta pedir que ele mostre a Proposta de Sócio aprovada pelo CAFIB e reconfirme entrando em contato conosco. Vide proposta mais abaixo.

b) Análise: sim, a nossa Análise de Fenótipo e Temperamento também esta mais rigorosa. Veja no site do CAFIB clicando em  http://www.cafibbrasil.com.br/cafib-brasil-noticias.php Não mais serão aprovados os cães com qualificações REGULAR e BOM, pois o CAFIB já dispõe de um plantel muito bom tanto em qualidade quanto em quantidade, depois de mais de 6.000 análises. Somente os Filas MUITO e OTIMO serão aprovados.

Segue abaixo proposta:

PROPOSTA DE SÓCIO PARA O CAFIB

Eu, ______________________________________________, CPF nº ____________, residente na Rua ______________________________________________, na cidade de ____________________ no Estado de  _______________________, telefone celular nº (   ) _____________,telefone fixo nº ( ) ­­­­­­___________________, email____________________ ___________________, proprietário do Canil _________________________________ venho por meio desta solicitar minha inclusão no quadro de sócios do CAFIB (Clube de Aprimoramento do Fila Brasileiro), para o ano de 2.013, desde já informando que conheço e aceito as diretrizes e os Regulamentos do CAFIB conforme disponibilizado no site do CAFIB, me comprometendo ainda a:

1. Reconhecer que o CAFIB foi fundado em 1.978 com o único objetivo de resgatar da extinção e preservar o verdadeiro Cão de Fila Brasileiro, tendo em vista que o Fila sofreu a partir da primeira metade da década de 1.970 uma sistemática mestiçagem sem nenhum tipo de controle com cães predominantemente das Raças Mastiff Inglês, Mastin Napolitano e Dogue Alemão (Great Dane);

2. Me empenhar no sentido de aprimorar e selecionar a minha criação e a criação nacional do verdadeiro Cão de Fila Brasileiro, levando meus Filas para serem submetidos às Análises de Fenótipo e Temperamento;

3. Acasalar meus Filas somente com o verdadeiro Cão de Fila Brasileiro e, sempre que possível, somente com cães Aprovados pelo CAFIB em suas Análises de Fenótipo e Temperamento;

4. Reconhecer que a mestiçagem e o cruzamento do Fila com cães de outras Raças ou com cães que não possuem a tipicidade do verdadeiro Fila trás consequências maléficas e que põe em risco a sobrevivência do Verdadeiro Fila;

5. Manter o verdadeiro temperamento do Fila Brasileiro, que se caracteriza pela ojeriza a estranhos;

6. Reconhecer que o chamado “fila-preto” não existe conforme o Padrão CAFIB, apesar de existirem mestiços de todas as cores;

7. Entender que as Análises são mais importantes do que as Exposições e, ganhá-las, é apenas uma consequência, não devendo ser um fim em si mesmo;

8. A aceitar a recomendação do CAFIB de não vender filhotes de minha propriedade para criadores que reconhecidamente não comungam com os itens acima descritos;

9. Que o CAFIB dispõe de até 120 dias para analisar esta proposta e que, a qualquer momento, minha condição de sócio pode ser cassada se eu não seguir o acima exposto.

________ / ___ de __________ de 2.013

______________________________

Resultado da Análise desta proposta pelo CAFIB: _________________________________

                                                                                                                                         DEFERIDO ou INDEFERIDO.

CONCLUSÃO: enquanto o CAFIB se torna ainda mais rigoroso, o CBKC e os clubes a ele filiados, a exceção do UNIFILA, que é um Clube parceiro do CAFIB e recentemente por meio do seu Presidente, Marcus Flávio Vilasboas Moreira, negou a existências de Filas Puros de cor preta no plantel do Unifila (vide “Tio Chico Informa nº17” em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/08/30/post-36-tio-chico-informa-no-17-unifila-e-o-fila-preto-enviado-300812/ ) se tornam cada fez menos exigentes e mais complacentes, já que continuam sem nenhum tipo de seleção e controle, sem APR (Apto para a Reprodução), sem Teste de Temperamento, sem juízes especializados e, pior, sem liderança e representatividade capaz de serem ouvidos pelo CBKC e mostrarem as reais necessidades do Fila-CBKC. Faz mais de um ano que Roberto Sene se demitiu do Conselho fictício do Fila-CBKC e absolutamente nada mudou !!! Pena que os criadores sérios e de Filas típicos do CBKC continuem sem se manifestar, sem se organizar no sentido de resgatar o Fila CBKC e eliminar deste plantel os filas-mestiços.

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos,

Chico Peltier.

Post nº 69 – Tio Chico Informa nº 28 – Comentários de Fernando Zanetti sobre o DNA na Raça Fila – enviado em 19-01-13

Tio Chico Informa nº 28

Comentários de Fernando Zanetti sobre o DNA na Raça Fila.

Amigos e amigas,

Recentemente Fernado Zanetti e eu trocamos interessantes emails com um criador latino americano. Um dos pontos principais desta conversa eletrônica foi a respeito do DNA. Mas que DNA?  O DNA sério e honesto que resolve, pois traça o Perfil Genético da Raça Fila e é o pretendido pelo CAFIB; ou o DNA “papai com mamãe” que apenas constata ou não, se o cão “A” é filho dos cães “B” e “C”, como o apresentador Ratinho fazia com participantes em seu programa de TV na Rede SBT e que não seria capaz de acrescentar nada, de não selecionar nada e de não controlar nada em termos de Fila Brasileiro?

Com recebi excelentes e esclarecedores comentários do Fernando Zanetti, divido-os na íntegra com voces. Bom proveito:

“O DNA é uma ferramenta. E como toda ferramenta pode ser bem ou mal utilizada pelo homem. A titulo de exemplo narrarei rapidamente fato concreto que ocorre hoje na Raça Mangalarga Marchador, onde este tipo de DNA (“papai com mamãe”) tem sido utilizado nesta Raça como requisito obrigatório. Criadores,  a título de melhoria racial (vejam só: a mesma desculpa dado pelos primeiros mestiçadores da Raça Fila na década de 70 ) utilizaram reprodutores da Raça Mangalarga Paulista e registravam os filhos como se Mangalarga Marchador fossem, apresentando o teste de DNA comprobatório e obrigatório dos animais.  Os criadores de Mangalarga Paulista  fizeram uma denuncia desta prática à Promotoria Publica e hoje a Raça Marchador encontra-se sob intervenção e SOB TERMO DE AJUSTE  DE CONDUTA  ate que se decidam o que fazer com os MESTIÇOS. Isto prova que o DNA não é milagreiro e que o mau uso por pessoas inescrupulosas desta excelente ferramenta chamada DNA na prática pode ser bem diferente daquela que os cientistas e veterinários previam em seus laboratórios. Sendo assim, afirmo ter absoluta certeza que criadores de filas-mestiços pretendem usar este DNA “papai com mamãe” para tentar validarem seus filas-mestiços.

Em segundo lugar temos que ter em mente que, com a ajuda do DNA, sem dúvida, conseguiremos  não somente analisar toda a linha genética formadora das Raças caninas  como também  doenças geneticamente transmissíveis  e mais uma infinidade incalculável de benefícios. Entretanto, até o momento, pelo que temos conhecimento, nenhuma Raça canina possui seu sequencial genético estudado. Sendo que a Raça Boxer serviu de estudos  para determinar apenas o sequencial genético canino. Desta forma de nada adiantaria o CAFIB patrocinar qualquer Universidade neste sentido, uma vez que não teríamos como comparar com as demais Raças, pela única e exclusiva razão  de que NENHUMA RAÇA CANINA  tem seus  alelos genéticos constatados.

Doenças  genéticas, sexagem e paternidade são exames de baixa profundidade nas analises de DNA e encontram-se disponíveis em muitos laboratórios e se tornaram corriqueiros e de baixo custo, porem de nada adiantam para a diferenciação racial.

Seria  uma ferramenta  importantissima  para constatar  os mestiços que são portadores de pedigree de Fila. E é justaente disto que os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagens como o Tio Chico os costumou chamar) TEM  PAVOR !  Porem não a única. Ate mesmo a eficiência de 100%  de certeza de resultados desta ferramenta tem sido contestados  por geneticistas da Universidade de Cornell, nos EUA. Talvez  não seja do conhecimento dos criadores do Fila-CBKC, mas o CAFIB  possui 3 diretores que são médicos veterinários, tem como fundadores e membros, criadores de cavalos e gado de Raça onde o uso do  DNA encontra-se muito mais adiantado e desta ferramenta se utilizam em suas criações. Sendo certo que o CAFIB mantém contato com os principais pesquisadores  das áreas de pesquisa genética e reprodução animal das mais importantes Universidade Brasileiras.

A teoria de que não existe pureza racial genética, encontra barreiras enormes embasadas nas pesquisas  efetuadas  em universidades americanas e inglesas. A afirmação de que um animal com 15/16  avos, para avalizar um puro por cruza,  pode ser admitida quando pretendemos apenas morfologia e mesmo assim sempre será um PURO POR CRUZA  e para tanto sempre teremos a necessidade de um PURO. Entretanto o que buscamos  no Fila  Brasileiro  não se trata apenas de morfologia, mas sim também de caráter e temperamento que estão ligados em seu intimo e que comprovadamente não se fixam em tão poucas gerações. Veja que 15/16 avos dá margem para uma portabilidade, daí ….

Ate mesmo as Raças construídas pelo homem, como o Pastor Alemão e o Dobermann, onde  15/16  deu a elas o status de Raça, não nos permite afirmar que este mesmo percentual possa ser utilizado para uma Raça como Fila que foi formada  pelo caldeamento natural de diversas Raças.

Como podemos então constatar, parece ser fácil, mas não é. Muitos criadores  com a intenção de falso ou errado “melhoramento”  e com o pensamento de “ser fácil”, quase exterminaram a Raça Fila nas décadas de 70 e 80, quando sistematicamente  miscigenaram o Fila com cães TEORICAMENTE participantes de sua FORMAÇÃO, tais como  Mastin Ingles, Mastin Napolitano e Great Cane (dogue alemão) e seus descendentes, sem se importar com aquela Raça que foi formada naturalmente pela Mãe Natureza. Ainda bem que o CAFIB há 35 anos conseguiu resgatar da extinção o Verdadeiro Fila !!! E eu me orgulho muito de fazer parte desta história !!!

Penso que a responsabilidade do cartório BKC-CBKC-FCI na triste situação em que se encontra o Fila-CBKC seja enorme, ainda mais agora que a Justiça Brasileira passou a aceitar a “Tese do Domínio do Fato” após o julgamento de Mensalão, (alias como levantou corretamente esta tese o Tio Chico na pergunta nº 94 do “Perguntem ao Tio Chico nº 25”, vejam clicando em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2013/01/13/post-no-67-perguntem-ao-tio-chico-no-25-o-cbkc-fci-e-a-tese-juridica-do-dominio-do-fato-fotos-de-filas-do-tipo-salada-genetica-e-atipicos-premiados/ ), mas entendendo que a culpa bem maior seja dos criadores do Fila-CBKC que realizaram a mestiçagem e dos criadores de hoje que ainda a mantém em seus canis e, principalmente, dos seus clubes especializados. Estes clubes tem o dever de manter a Raça íntegra e autêntica, alem de típica. Mas, o que fazem para proteger o Verdadeiro Fila? Nada, pois muitos criadores do Fila-CBKC sequer conhecem o Verdadeiro Fila e outros comodamente preferiram terminar com o APR, com o Teste de Temperamento e permanecem ignorando os filas-mestiços?

Como podem ver, o DNA não é fator preponderante ou indispensável para um trabalho em prol da Raça Fila. Bastaria  clubes especializados, que possuam dirigentes com liderança e que realmente conheçam o Verdadeiro Fila, se dedicarem seriamente, eliminando sem politicagem e amizade cães de fenótipos atípicos e sem temperamento da reprodução. Porem, para tal, haveria necessidade de criadores com conhecimento técnico profundo  e muito entendimento sobre a Raça Fila, para serem capazes de afastar dos julgamentos pseudo juízes de clubes-cartórios que desconhecem regras básicas de cinofilia, criação, morfologia, anatomia canina e, principalmente, a Verdadeira História do Fila Brasileiro e sua mestiçagem.

Estes clubes-cartórios acabaram por não se interessar na criação propriamente dita do Fila, privilegiando  a aferição de grandes lucros por meio da emissão burocrática de pedigrees e venda de pequenos serviços, onde os pedigrees emitidos pelo CAFIB são aceitos e reconhecidos  sem restrição, visto a nossa idoneidade e dedicação voltada para a Raça Fila Brasileiro. A FCI ( da Bélgica e não a da Espanha)  perdeu muito sua dominância e se mostrou não como uma mantenedora racial,  mas sim como um cartório destinado  apenas a auferir LUCROS  seja ele de onde vier. Assim meus amigos, basta apresentar um pedigree  CAFIB  que eles arrumaram uma boa maneira de reconhecer, tal qual fazem outros clubes cartórios pelo mundo afora.  Entretanto, NENHUM destes cartórios tem seu pedigree de Fila RECONHECIDO pelo CAFIB, da mesma forma que nossos associados não compram o chamado Fila-CBKC, nem participam de seus eventos e exposições… Pena que os criadores sérios de Filas Típicos do CBKC não se unam, se organizem e liderem um resgate do Fila dentro da dupla CBKC-FCI.

Seria muito bom poder contar hoje com a ferramenta do DNA que o CAFIB almeja (perfil e sequencial genético), mas o fato é que nos sentimos muito confortáveis  distinguindo os Filas Tipicos dos Atipicos  por meio de nossa Análise de Fenótipo e Temperamento (vide:  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fila_brasileiro-cachorro.html ) onde  já analisamos mais de 6.000 cães e formamos nosso plantel de Filas Puros, homogêneos e típicos.

O objetivo do CAFIB é exclusivamente a Raça Fila. Prezamos, respeitamos e praticamos nossa Filosofia de Criação. Com responsabilidade, respeito e veracidade documental. Justamente por isto, estamos completando 35 anos de existência com enorme sucesso e, até onde vai nosso conhecimento, somos o único clube canino do mundo que sobreviveu independente e a revelia de mega clubes tais como FCI (da Bélgica), The Kennel e AKC.

Graças a Deus e ao nosso trabalho !!!

Aproveito  para convidar a todos  os amantes das qualidades do Fila Brasileiro, a nos conhecer, a verem in loco nossa famosa Análise de Fenótipo e Temperamento  e nossa Exposição. No próximo dia 7 de Abril venha nos visitar em Amparo-SP, onde estaremos abrindo o nosso calendário 2.013 com uma enorme exposição do CAFIB. Mais detalhes em breve.

Abs, Fernando Zanetti”

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este email também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos, principalmente ao Fernando por este texto tão esclarecedor que não encontramos em outros clubes que dizem criar Fila.

Chico Peltier.

 

 

Post nº 68 – Perguntem ao Tio Chico nº 25 – DNA “papai com mamãe” x DNA Perfil Genético – enviado em 17/01/13

Perguntem ao Tio Chico nº 25

DNA “papai com mamãe” x DNA Perfil Genético

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas…

98. Tio Chico, soube que alguns criadores estão tentando inventar um DNA fajuto para tentarem validar os “filas-mestiços” que possuem. Voce escutou alguma coisa sobre mais este crime que desejam perpetrar contra a Raça Fila?

Sim, mas não sei se procede.

Em minha opinião devemos ter sempre em mente que existem alguns NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem) que, desesperados, tentam de tudo para validar sua criação de mestiços. No Fila-CBKC, por exemplo, recentemente soubemos que criadores sem pré-requisitos básicos educacionais exigidos pelo CBKC, pretendiam inventar artifícios para se transformarem a força em juízes de Fila deste clube…

O que tenho escudado neste inicio de ano é que alguns criadores falam com muita pompa e orgulho de um “novo e revolucionário”… (rsrsrs) DNA que resolverá a mestiçagem na Raça Fila. Mas que, na verdade, trata-se do velho, tradicional e requentado DNA do conhecido apresentador de TV Ratinho do SBT: “A” é ou não é filho de “B” com “C”. Apenas isto, ou seja, o chamado DNA “papai com mamãe” que não seleciona nem controla absolutamente nada em termos de Padrão Genético. Este DNA “capenga” jamais resgatará o Verdadeiro Fila !!!. Este DNA “milagreiro” seria apenas para dizer se um determinado cão com pedigree de Fila chamado “A” seria ou não filho de “B”+”C”. INDEPENDENTE de “A” e “B” serem

filas-mestiços ou não !!! Ora, este DNA “mequetrefe”, inventado certamente pelos NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem), não serve para nada em termos de controle e pureza genética !!! Esta pseudo utilização de DNA “papai com mamãe” ajudaria apenas para validar mestiços e enganar compradores. E se continuar criando de fato a Raça Mastin Brasileiro (vide http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ).

Mas pode escrever: não acredito neste DNA pois, mesmo sendo inócuo, os NAM`s arrumarão sempre uma maneira de manipulá-lo e de desvirtua-lo em proveito próprio.  Exatamente isto esta ocorrendo hoje no Mangalarga Machador e Fernando Zanetti comentará em breve. O DNA “papai com mamãe” serve aos criadores de mestiços e a perpetuação dos tiposfila-atarracado, fila-toy, fila-pet, mastifila, napofila, fila-preto, fila-gigante, roitt-fila, blood-fila, e até o fila-aberração”. O DNA do Perfil Genético do Fila pretendido pelo CAFIB serve à Raça Fila…

Independente de qualquer DNA que inventem os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem)  continuarão a defender teses de que o Fila Puro não existe, que todas as Raças são mestiças, que mestiços não são mestiços, mas sim cães atípicos ou ruins, que o que importa é funcionalidade… e outras tantas tolices. E sabe por que? Porque esta turma nunca viveu com um Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro… É como aquele pseudo joalheiro que nunca lapidou um brilhante e apenas trabalhou com vidro.  Ele infelizmente só conhece bijuteria… (rsrsrs).

Enquanto que o CAFIB, com a seriedade de sempre, busca levantar os verdadeiros Padrões e Perfis Genéticos da Raça Fila. Logo, receio muito que criadores que continuam desejando criar na verdade filas-mestiços como se Filas Puros fossem, venham a usar este artifício de um DNA “milagreiro”, já que assim manterão suas criações de filas-mestiços e permanecerão como realmente pretendem durante os próximos dez anos. Isto é, numa confort zone”, BRINCANDO de criar Filas, se enganando e enganando terceiros… (rsrsrs). Assim, depois de despejarem no mundo centenas de filas-mestiços, abandonam suas criações e vão criar passarinho ou colecionar selo. Já vi isto antes. Enquanto que o CAFIB continuará sempre persistente, resgatando e preservando o Fila Puro e corrigindo estes enormes erros. Os NAM`s passam, o Fila e o CAFIB não… O problema é que enquanto proliferam seus mestiços, fazem enorme mal a Raça Fila…

Finalizando:

1. Nosso amigo, diretor e ex-presidente Fernando Zanetti em breve terminará mais um trabalho sobre o DNA que será disponibilizado para todos.

2. O que o CAFIB pensa sobre DNA encontra-se claramente disponibilizado em http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_88/materia.html  e também na resposta nº1 do meu “Perguntem ao Tio Chico nº 1” http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/materia_75_port.html.

3. Quanto ao CAFIB, continua sendo um clube coerente e transparente; que cumpre suas normas, que pune associados e exemplares que não atendam estes regulamentos ou que não saibam se comportar civilizadamente num recinto de exposição; com liderança, foco, união, amizade e obstinação; que este ano realizará 15 expos no Brasil e no Exterior; que acaba de tornar mais rigorosa a renovação e entrada de novos sócios base 2.013; que acaba de transformar nossa Análise de Fenótipo e Temperamento ainda mais rigorosa, pois o CAFIB já dispõe de um plantel de Filas puros, típicos, homogêneos e com temperamento característico da Raça Fila em número suficiente, não necessitando mais de aprovar nestas Analises os cães até então qualificados como “Regulares” e “Bons”. O CAFIB foi fundado em 1.978 e, sendo assim, este ano completa 35 anos de trabalho ininterrupto, tendo resgatado da extinção e preservado o Verdadeiro Cão de Fila Brasileiro, tal qual herdamos da Mãe Natureza.

4. Alias, para os NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem) que não conhecem história cinófila mas, como todos ignorantes, acham que sabem tudo ou não tem a menor vergonha de inventar: o CBKC foi criado como herdeiro (???… rsrsrs) do BKC um ano depois em 1.979… Logo, até no quesito antiguidade perde para o CAFIB…  Imagine no quesito “Criação de Fila Puro”… (rsrsrs)

Concluindo: esta turma de NAM`s (Neo Apologistas da Mestiçagem) podem enganar muitos trouxas, mas não a turma do CAFIB… (rsrsrs).

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos, Chico Peltier.

 

 

Post nº 67 – Perguntem ao Tio Chico nº 25 – O CBKC-FCI e a tese jurídica do “domínio do fato” – Fotos de Filas do tipo “Salada Genética” e atípicos premiados – Enviado em 12-01-12

Perguntem ao Tio Chico nº 25 

O CBKC-FCI e a tese jurídica do “domínio do fato” e

Fotos de Filas do tipo “Salada Genética” e atípicos premiados

 

Meus amigos e amigas, continuando com as nossas respostas.. 

94. Tio Chico, em tempos de Mensalão, pergunto se voce não entenderia que o trio-cartório BKC-CBKC-FCI não teria tido, e ainda tem, o “domínio do fato” nos registros do Fila-CBKC, tese tão utilizada para condenar os réus do Mensalão?

Em minha opinião, sim. O Brasil evoluiu muito juridicamente falando desde a conclusão do Mensalão.

95. Tio Chico, voce poderia me reenviar o link onde posso encontrar e ler o seu email datado de 31/03/2010, enviado para o presidente da FCI, Hans Muller, para o presidente do CBKC, Sergio Castro e centenas de criadores, com fotos de cães que voce mesmo definiu como “Salada-Genética”?

Claro. Veja já com as fotos clicando no post nº 63 do meu blog em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/12/27/post-no-63-email-datado-de-31032010-questionando-filas-do-tipo-salada-genetica/ . Mas se voce preferir, o link no meu site é http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/fila-brasileiro-rj-fotos.html . O texto encontra-se em português e em inglês.

96. Tio Chico, voce poderia me reenviar o link onde posso encontrar e ler o seu email datado de 20/05/2.010, enviado para o presidente da FCI, Hans Muller); do CBKC, Sergio Castro e centenas de criadores, com fotos de cães com pedigree de Fila da CBKC e/ou FCI premiados mas que não apresentam a tipicidade dos autênticos exemplares da Raça Fila, que voce enviou diversas vezes para a FCI, inclusive em 29/03/2010?

Claro. Veja já com as fotos, clicando no post nº 64 do meu blog em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/12/27/post-no-64-email-de-200510-enviado-para-o-sr-hans-muller-sobre-fotos-de-caes/ . Mas se voce preferir, o link no meu site é http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/2008ate/Page6.html . O texto também esta em português e em inglês.

97. Tio Chico, Andre Castro e Harrison Pinho responderam a pergunta nº 91 do “Perguntem ao Tio Chico nº 23” datado de 21/12/12 a respeito dos posts que eles colocaram em Facebooks (vide https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/08/17/post-no-30-perguntem-ao-tio-chico-no-15-criadores-do-cbkc-frequentando-expos-do-cafib-enviado-em-80812-2/  e https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/12/18/post-60-tio-chico-informa-no-25-comentando-mais-algumas-opinioes-postadas-no-facebook-enviado-em-data-15-12-12/ ) e voce destes discordou e os contra-argumentou?

Não, que eu saiba até agora nada responderam. Alem disto eles tem meu email e nada me enviaram. Mas relembro que não sei se foram mesmo eles que postaram estes comentários dos quais discordei. E repito: para mim quem assinou estes posts é irrelevante. Vamos aguardar mais um pouco. Quem sabe eles ainda não voltaram das festas do final de ano…(rsrsrs)…

Mas, veja bem: o fato de criadores do Fila-CBKC não responderem aos meus argumentos não me surpreende. Afinal, que argumentos estes senhores poderiam ter para tentar negarem a mestiçagem que de fato ocorreu na Raça Fila e cujos efeitos maléficos atingem a criação do Fila-CBKC e perduram até hoje? E que eles fingem que não desejam perpetuar ???

Eu já estou acostumado com a falta de contra-argumentação dos criadores de Filas e “filas-mestiços” do CBKC-FCI, assim como de seus presidentes, Sergio Castro e Hans Muller. Quando voce tiver um tempinho de sobra clique em https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/11/10/post-no-51-consolidacao-das-respostas-as-tolices-e-mentiras-dos-nams-melhores-e-piores-de-2-011-data-9-12-1/ e http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_114/materia.html e leia o item 4 do “Tio Chico Informa nº 6”. Lá voce poderá ver que há mais de um ano também aguardo dos NAMs (Neo Apologistas da Mestiçagem) entre muitas e muitas outras perguntas:

a) uma explicação para o que vem a ser a palavra “pardalusca” já que esta palavra segundo dois amigos meus que são membros da Academia Brasileira de Letras não existe e foi matreiramente inventada para tentar avalizar os mestiços chamados de “fila-preto”;

b) cópia da assim chamada “Carta dos Holandeses”, se é que existe, na qual o “Pai do Fila Preto”, Procópio do Vale baseou-se para criar sua teoria da qual discordei com ele em vida por ser insustentável.

c) que reconheçam o erro na data da eleição do Clube Paulista do Fila, hoje SPFB, que foi em 1.978 e não em 1.975.

Tomara que eu esteja errado, mas creio que jamais os NAMs comentarão estas minhas observações.

Nota: como sempre fiz com todos os emails que enviei no passado, este email também foi encaminhado primeiramente para os responsáveis pela FCI e pelo CBKC.

Obrigado a todos, Chico Peltier.