Post nº 45 – Tio Chico Informa nº 22 – Resultado XI Expo Republica Tcheca – enviado em 28-09-12

Tio Chico Informa nº 22

Amigos e amigas,

Segue abaixo os resultados da XI Expo Internacional do Clube Onceiro da Republica Tcheca, filiado ao CAFIB,  que foi realizada entre os dias 14 a 16 do corrente e julgada por Airton Campbell, presidente do CAFIB. O Clube Onceiro foi fundado em 2.000 por Jan Kubea e desde então trabalha no sentido de preservar o Fila Puro, principalmente no Leste Europeu.

Notas:

Algumas fotos:

Este email foi encaminhado primeiramente a FCI e ao CBKC.

Resultados da Análise e Exposicão ONCEIRO-CAFIB 2012

Osek, República Tcheca

15.-16.9.2012

Total cães inscritos:   47 ejemplares

Participaron:              37 ejemplares

Países participantes:  República Tcheca, República Eslovaca, Polonia, Lituânia

Visitantes:                   U.S.A., Portugal

Juiz:    arq.  Airton Campbell

Análise

–        participaron –                     24

–        Aprovados –                        13

–        Aprovados com restricão   4

–        Reprovados –                       7

Resultados:

Filhote Machos 3-6 meses:

  1. Charlie ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje), aprovado provisionalmente por idade, proprietario Lukáš Geissler
  2. Chavier ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje), aprovado provisionalmente por idade, proprietario Lukáš Geissler

Filhotes fêmeas 3-6 meses:

  1. Charlotta ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje), aprovada provisionalmente por idade, proprietaria Michaele Příhodová
  2. Chelsea ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje), aprovada provisionalmente por idade, proprietario Antonín Sláma

Novos – Machos 12-18 meses:

  1.  Abracadabrante Vládce dvora (Argos Anavi Rachilem x Acuarela da Jacobina), aprovado com restricao, 70 cm / 62 kg. Proprietaria Sra. Greplova.

Jovens – Machos 18 – 24 meses:

  1. Archibald od Křenovky (Alejandro Guarda Costas x Kora II Fi-It), Reprovado,

70 cm/52 kg. Proprietario Štefan Harsányi

  1. Aguas Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), aprovado com restricao, 66 cm / 48 kg, Proprietaria Rosita Laštovičková
  2. Aritézs Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), aprovado,

72 cm / 62 kg, Proprietaria Miroslava Maršíčková

  1. Bradock z Labské (Trias BR da Santa Luzía x Baghira Proskovická vyhlídka), Aprovado, 77 cm/70 kg, Proprietario Libuše Koudelová
  2. Gerard ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje), aprovado,

68 cm/48 kg, proprietario Robert Frolík

  1. Hakim ze Skalního kraje (Trias BR da Sant Luzía x Bella ze Skalního kraje), Aprovado, 72 cm/62,5 kg, proprietaria Jaroslava Richterová

Jovens – Fêmeas  18 – 24 meses:

  1. Aischa Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), Reprovada,

63 cm/50 kg, Proprietario Štefan Harsányi

  1. Alissa Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), Reprovada,

60 cm /43 kg, Proprietario Michal Zolák

  1. Andra Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), aprovada com

restricao, 61 cm / 45 kg, Proprietario Filip Dojčák

  1. Aria Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría), aprovada,

62 cm / 47 kg, Proprietario Filip Dojčák

  1. Beatrice z Labské (Trias BR da Santa Luzía x Baghira Proskovická vyhlídka), Aprovada,

67 cm/ 52 kg, Proprietaria Lucie Hamplová

  1. Gillette ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje), Reprovada,

    66 cm / 47,5 kg, Jozef Ridoško

  1. Gloria ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje), reprovada,

64 cm / 47 kg

  1. Gween ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje), aprovada com restricao,  65 cm / 42 kg, Proprietario Jozef Ridoško
  2. Honey ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Bella ze Skalního kraje), aprovada,

70 cm / 64 kg, Proprietaria Miroslava Maršíčková

Machos acima 24 meses:

  1.  Hirtos Habillo Mastifland, (Quinzinho do Acaboclado x Fiesta Mastifland), Aprovado, 67 cm / 51 kg, Proprietario Miroslav Korvel

meas acima 24 meses:

  1. Agnes Torres Legura (Torro da Maloca dos Filas do Paiaguas x Ennie Chamed Monavar), Reprovada, 66 cm/59 kg, Proprietaria Lucie Hamplová
  2. Aiwen Oguna z Kašnických vinohradů (Bradock JB da Santa Luzía x Eroni Oguna Santa Catarina), Reprovada, 64 cm/54 kg, Proprietaria Miroslava Nováková
  3. Cilka Orka Horka, sim pedigree, Aprovada, 65 cm / 49 kg, Proprietaria Petra Šimková

Exposicão

Filhotes Machos 3-6 meses:

  1. Chavier ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje),

Muito bom

  1. Charlie ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje),

Muito Bom

Filhotes Fêmeas 3 – 6 meses:

  1. Charlotta ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje),

Muito Bom

  1. Chelsea ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Darinka ze Skalního kraje),

Muito bom

Novos – Machos 12-18 meses:

  1. Abracadabrante Vládce dvora (Argos Anavi Rachilem x Acuarela da Jacobina),

Bom, temperamento Regular

Jovens – Machos 18 – 24 meses:

  1. Aritézs Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría),

Muito Bom, temperamento Muito Bom

  1. Hakim ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Bella ze Skalního kraje),

Bom, temperamento Muito Bom

  1. Aguas Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría),

Bom, temperamento Bom

  1. Gerard ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje),

Bom, temperamento Bom

  1. Bradock z Labské (Trias BR da Santa Luzía x Baghira Proskovická vyhlídka),

Regular, Temperamento Bom

Jovens – Fêmeas 18 – 24 meses:

  1. Honey ze Skalního kraje (Trias BR da Santa Luzía x Bella ze Skalního kraje),

Muito Bom, temperamento Muito Bom

  1. Aría Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría),

Muito Bom, temperamento Muito Bom

  1. Gween ze Skalního kraje (Aron Bladake x Denny ze Skalního kraje),

Bom, temperamento Bom

  1. Andra Bahía Onca (Quasar do Araguaya x Bahía La Rosalejandría),

Bom, temperamento Bom

  1. Beatrice z Labské (Trias BR da Santa Luzía x Baghira Proskovická vyhlídka),

Bom, temperamento Muito Bom

Machos acima 24 meses:

  1. Trias BR da Santa Luzía (Mancha BR da Santa Luzía x Bela ML da Santa Luzía),

Muito Bom, temperamento Muito Bom. Proprietario Jan Doležal

  1. Hirtos Habillo Mastifland, (Quinzinho do Acaboclado x Fiesta Mastifland),

Muito Bom, temperamento Bom, Proprietario Miroslav Korvel

  1. Jeff Mastiffland (Asan Sumakowa Polanka x Gilian Bohex),

Bom, temperamento Muito Bom, proprietaria Jolanta Mackiewicz

  1. Bandolero La Rosalejandría (Abaúna Anavi Rachilem),

Bom, temperamento Muito Bom, proprietario Antonín Krčma

meas acima 24 meses:

  1. Eroni Oguna Santa Catarina (Argos Anavi Rachilem x Askia Rey de Pleseno),

Muito Bom, Temperamento Muito bom, proprietario Stanislav Čepelka

  1. Bella Ze Skalního kraje (Roni Ogun de Conal Kennel x Angelika Salve Floresta),

Muito Bom, temperamento Muito Bom, proprietario Lenka Dvořáková

  1. Angie Oguna z Kašnických vinohradů (Bradock JB da Santa Luzía x Eroni Oguna Santa Catarina), Muito Bom, temperamento Muito Bom,

Proprietario Jozef Ridoško

  1. Elsa Dům života (Bradock JB da Santa Luzía x Baraa Holičky),

Muito Bom, temperamento Muito Bom, proprietario Vladimír Rajf

  1. Elizabeth ze Skalního Kraje (Heroi da Serra de Itanhandú x Bella ze Skalního kraje),

Muito Bom, temperamento Muito bom, proprietario Luboš Datinský

Outras sin ordem, según alfabeto:

– Amber Rio Grande (Diamante II da Serra de Itanhandú x Mette Sen Wiktorii),

Bom, temperamento Regular. Proprietario Jolanta Mackiewicz

– Bahía La Rosalejandría (Abaúna Anavi Rachilem),

Bom, temperamento Otimo, proprietario Filip Dojčák

– Cilka Orka Horka, Bom, temperamento Muito Bom

Proprietaria Petra Šimková

– Darinka ze Skalního kraje (Xingú II da Serra de Itanhandú x Angelika Salve Floresta), Bom, temperamento Muito bom, proprietario Lukáš Geissler

– Denny ze Skalního kraje (Xingú II da Serra de Itanhandú x Angelika Salve Floresta), Bom, temperamento Bom, proprietaria Šárka Dvořáková

– Ebaraa Dům života (Bradock JB da Santa Luzía x Baraa Holičky),

Bom, temperamento Muito bom, Proprietario Jozef Ridoško

Melhor Macho: Aritézs Bahía Onca

Melhor Fêmea:  Honey ze Skalního kraje

Melhor absoluto:             Honey ze Skalního kraje

Melhor cabeça: 1. Eroni Oguna Santa Catarina

  1. Aritézs Bahía Onca
  2. Hirtos Habillo Mastifland

Melhor temperamento:

  1. Honey ze Skalního kraje
  2. Arie Bahía Onca
  3. Darinka ze Skalního kraje

Nota especial: OTIMO en temperamento:  Bahía La Rosalejandría

Abs, Chico Peltier.

Anúncios

Post nº 44 – Tio Chico Informa nº 21 – O Futebol e o Fila – enviado 28-09-12

Tio Chico Informa nº 21

Amigos,

Ontem x Hoje: o que o futebol pode nos ensinar com relação a criação honesta e correta do Fila Brasileiro ?

1. Anos atrás, a maioria dos torcedores, jogadores e comentaristas de futebol aplaudiram o gol de mão feito por Maradona contra a seleção da Inglaterra na Copa do Mundo de 1.986 no México.

2. Hoje a maioria dos torcedores, jogadores e comentaristas de futebol preferem aplaudir o jogador Miroslav Klose que confessou ao juiz ter feito um gol com a mão no jogo do Lazio contra o Nápoles no último dia 26, dando um excelente e reconhecido exemplo de como proceder de forma honesta e correta.

3. Anos atrás muitos criadores e clubes aplaudiram, seguiram e compactuaram com a mestiçagem realizada contra a Raça Fila, onde foram utilizados cães das Raças Mastiff Inglês, Mastin Napolitano e Dogue Alemão (Great Dane ou Dinamarquês). As consequências maléficas desta mestiçagem perduram até hoje já que alguns criadores preferem criar os assim chamados “fila-atarracado”, “fila-toy”, “fila-pet”, “filamarquês”, “fila-preto”, “mastiff-fila”, “napo-fila” e o “fila-aberração” como se Filas puros fossem.

4. Hoje, entretanto, a grande maioria dos criadores repudia esta mestiçagem e suas consequências que quase levaram o verdadeiro Fila a extinção. Muitos procuram limpar do seu plantel este sangue estranho à Raça Fila. Poucos ainda defendem os filas-mestiços.  Mas muitos, conscientes ou não, ainda os criam. E, assim, perpetuam a mestiçagem.

5. Conclusão:

Acredito que estamos mudando para um mundo melhor, mais íntegro, honesto e correto.

Por isso peço que voce pense sobre este correto exemplo vindo do futebol e sobre este mundo melhor.

Peço que voce mude sua criação também para um “mundo melhor”. Não ajude a perpetuar a mestiçagem !!!

Por favor leia, estude e passe a criar verdadeiros Filas, comungando com a Filosofa de Criação do CAFIB.

Obs: este email foi enviado primeiramente para a FCI e CBKC.

Abraços e boa sorte na sua criação, Chico Peltier.

Post nº 43 – Tio Chico Informa nº 20 – Comentando post no Face — enviado 17-09-12

Tio Chico Informa nº 20

Amigos / as,

Vejam abaixo mais um ANTI-argumento de uma pessoa que acredito encontrar-se perdido e sem orientação em sua criação e que foi postado no Facebook do Edison Souza (https://www.facebook.com/groups/fileiros/). Mas talvez esta pessoa prefira continuar a criar mestiços, aos quais ama mais do que a Raça Fila.

Vejam que, às vezes, a vida pode realmente ser “contraditória”, como alega abaixo esta pessoa, mas felizmente, a maior parte das vezes a vida e os fatos NÃO são contraditórios. E a realidade é que a mestiçagem na Raça Fila não é “contraditória”… Ao contrário é muito simples, evidente e reconhecida e comentada publicamente até em diversas postagens nos Facebooks.

Exemplo:

Apesar de excelentes e caríssimos advogados, bons argumentos criados com inteligência e muitos e muitos recursos financeiros, todo o Brasil sabe que houve o Mensalão que teve como “banqueiro” o Marcos Valério. Entretanto a maioria dos Juízes do STF – mesmo tendo sido escolhidos pelo Lula e pelo PT — não estão achando a “realidade complexa” nem a vida “contraditória” como alega o nosso amigo abaixo…  Afinal, basta ter um pouco de boa vontade, percepção e imparcialidade. Se bem que conhecer a Verdadeira Historia do Fila ajuda muito…

Graças a Deus e aos brasileiros honestos, o Brasil esta entrando num novo tempo, onde as evidencias e as provas testemunhais passam a ter maior peso e valor. E não apenas as provas que se encontra dentro dos autos do processo.

A mestiçagem na Raça Fila é exatamente isto:

1. As evidencias:

Assim como em todas as Raças, sempre encontramos no passado da Raça Fila, isto é, antes da década de 70, ótimos exemplares assim como Filas regulares e até ruins. Mas todos eram da Raça Fila!!! Entretanto, ao contrário das demais Raças, no Fila ocorreu o aparecimento somente depois de meados da década de 1.970, justamente quando se iniciou a mestiçagem sistemática na Raça Fila, cães mestiços dos tipos “mastiff-fila”, “napo-fila” e “filamarquês” ou “fila-preto”. Anos mais tarde começaram a aparecer os tipos chamados de “fila-atarracado”, “fila-basset”, “fila-pet”, “fila-gigante”, “Blood-fila”, “fila-black and tan”, etc… até o terrível “fila-aberração”. Estes tipos, que eu prefiro chamar de Variedades, nada mais são do que fruto e consequência da mesma mestiçagem sem controle, ou seja, de mestiços cruzando indiscriminadamente com outros mestiços e cujas Variedades se evidenciaram e fixaram com o passar dos anos. Mas não são Verdadeiros Filas. São portanto mestiços com pedigree de Fila.

2. As provas testemunhais:

Vide em meu artigo http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_114/materia.html , entre outros, o nome daqueles que já deram seu depoimento confirmando a existência da mestiçagem na Raça Fila – e, obviamente, as suas nefastas consequências que prejudicam a Verdadeira Raça Fila até hoje: os fundadores, diretores e criadores do CAFIB: Paulo Santos Cruz, Airton Campbell, Luiz Maciel, Américo Cardoso, Fernando Zanetti, Sebastião Monteiro (in memorian), José Souto Maior Borges, Jonas Tadeu Iacovantuono, Caico Amaral, Antônio Silva Lima, Tênisson Cavalcante, Cintia e Gerson Junqueira de Barros, Ligia Morris, Joaquim Liberato Barroso, Pedro Borotti, Ivan Roussef, Luciano Gavião, Fernando Martins Lopes e João Nunes; criadores e fundadores do UNIFILA, entre outros:  Marcus Flávio Vilasboas Moreira e Antônio Carlos Linhares Borges; Eugenio Lucena (ex-presi do BKC e CBKC); Chris Habig (ex-vice-presi da FCI); Paulo Godinho (jornalista e juiz do CBKC); Antônio Carvalho Mendes (ex-jornalista); Enio Monte e Procópio do Valle (ex-criadores do BKC e CBKC); Jaime Perez, Jan Kubesa, Ines Van Damme, Elio Quiros, Linda Maggio e Aliberti Aniello (criadores do CAFIB no exterior) e até Roberto Sene e Harrison Pinho (criadores e ex-dirigentes da SPFB e ex-Conselheiros do CBKC); Edison Souza e dezenas de criadores que livremente postam seus pensamentos nos diversos Facebooks de Fila. Todas estas pessoas reconhecem a mestiçagem, cujos frutos indesejáveis prejudicam a nossa criação do Verdadeiro Fila até hoje.

3. Concluindo:

Existem pessoas que preferem se agarrar desesperadamente a qualquer anti-argumento, por mais falso e insustentável que seja. De forma consciente ou não, a fim de justificar os mestiços de Fila com pedigree. Apesar do Fila-CBKC possuir bons criadores e Filas-Típicos. Logo, por que insistir nos cães mestiços evidenciados no item 1 acima? Por que não organizar logo a Raça Mastin Brasileiro (vide

http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html ) e ser feliz para sempre? Como ocorreu com a Raça Akita que, também devido à mestiçagem, foi com dedicação e respeito dividida em duas Raças (Akita Japonês e Akita Americano) pela FCI? Esta divisão seria apenas o reconhecimento e a solução para o que já existe na prática há muito tempo na Raça Fila. E todos sabem disto !!!

Nota – como eu escrevo há muito tempo, repito: eu fico quieto no meu canto, leio um absurdo como este postado abaixo e o comento.

Ou seja, comento sempre artigos e absurdos escritos ou postados antes de minhas repostas e comentários… Apenas isto.

Afinal, somos livres para expressar com educação, lógica, fatos e argumentos nossos pensamentos sem censura.

Vejam abaixo o desenho que recebi e foi postado do Facebook do Edison:

Por favor, reflitam a respeito.

Abração, Chico.

Post nº 42 – Perguntem ao Tio Chico nº 16 – Por que parar de contar a Verdadeira História do Fila? – Enviado em 8-09-12

Perguntem ao Tio Chico nº 16

Amigos, continuando com nossas respostas:

64. Tio Chico, desejo adquirir um Fila para guarda. Tenho visitado alguns sites. Principalmente o do CAFIB, o seu, do UNIFILA e até o da SPFB.  Por que a SPFB, que entendo ser um clube estadual, teve seu nome traduzido para o inglês erradamente como “Brazilian Fila Society”? Por que pretende fingir que é uma associação nacional?

Não sei. Só tomei conhecimento disto após ler seu email. Sugiro que voce pergunte aos diretores da SPFB.

65. Email recebido de um conhecido criador do “Fila-CBKC”: Estou cansado de ter que ler tantos artigos sobre acontecimentos passados na historia do Fila e que não me interessam. Por que voce não para de contar suas Histórias sobre Fila e de apresentar tantos documentos como, por exemplo, sobre a importância para a Raça Fila do Chris Habig? Isto não adianta nada, pois o Fila-CBKC é composto de criadores novos que não estão interessados na História do Fila. Alguns nem sabem quem foi Paulo Santos Cruz. Eles só estão interessados em criar cães do tipo que gostam e conquistar prêmios. Não se preocupam com o verdadeiro fenótipo e temperamento do Fila Puro.

Ao contrário. Eu entendo que seja muito importante preservar a Verdadeira História do Fila. Devemos dar a devida atenção às nossas memórias. Esta é a melhor maneira de não se repetir os erros do passado. E a mestiçagem no Fila é o maior erro, assim como o de se registrar cães mestiços como se Filas Puros fossem. Inclusive este ato doloso é frontalmente contra o Regulamento da FCI que nos seu “Statutes of FCI, 1. General Provisions, Articles 2 – Objectives, itens 1 e 2” que permite apenas a criação, registro e exposição de cães de raça pura.

Justamente por muitos destes novos criadores não terem conhecido a Verdadeira História do Fila e terem começado a criar após o início da década de 80, me preocupo em torná-la disponível no meu site e blog. Penso que meu papel seja o de comentar e trazer para os dias de hoje este passado, que é alias muito recente. Quem tiver interesse que leia, estude, discuta e de forma honesta chegue as suas conclusões. Contra ou a favor. Mas que forme sua opinião sem pensar ou proteger os cães que se encontram dentro dos seus canis. Quem não desejar ler, que não leia e continue na ignorância.

Em minha opinião o CAFIB estava sendo muito passivo até alguns anos atrás, pois não difundia as suas ideias de resgatar da extinção, preservar e criar o Fila Puro. Penso que o CAFIB poderia ter continuado a dar uma grande e ampla ciência do seu trabalho, mesmo após o nosso jornal O FILA, editado por Luiz Antonio Maciel, que é sem duvida uma verdadeira enciclopédia de conhecimento a respeito do Fila e dos mestiços com pedigree de Fila. Quando retornei em 2.008/9 e comecei a visitar sites na web achei simplesmente incrível a quantidade de sites elogiando e promovendo mestiços, de todas as cores e até o assim chamado o “fila-preto”. Além disto, a teoria do Procópio do Valle, da qual discordo inteiramente com dezenas de argumentos e provas, encontrava-se disponibilizada em diversos idiomas e em vários sites. Encontrei ainda postadas em diversos sites várias teses e artigos a favor da mestiçagem. E continuam nestes sites até hoje. Basta pesquisar no Google em Fila Brasileiro e mais 15 nomes corelatos.

Então eu pergunto: por que aqueles que defendem os mestiços, a mestiçagem e até o “fila-preto” podem manter e publicar seus pensamentos e fotos na web e até usar hoje a forte ferramenta que  é o Facebook e o Tio Chico não pode?

Por que os artigos anti-CAFIB e contra o Dr. Paulo Santos Cruz podem continuar postados e difundidos por dezenas de web sites entre os criadores do Fila-CBKC e os artigos do Tio Chico contando a Verdadeira História do Fila não podem? Qual é a lógica e nexo deste seu pedido.

Por que os administradores de tantos Facebooks censuram e excluem os criadores que defendem o Fila Puro e o CAFIB? Nunca vi um único membro do CAFIB pedindo para os defensores do Procópio tirar os artigos do “Pai do Fila Preto” da web… Nunca vi um único membro do CAFIB pedindo para tirar fotos de mestiços com pedigree de Fila da web…Por que eu sou obrigado a ler na web tantas tolices, erros e mentiras sobre o Fila e devo ficar calado? Por que eu não posso responder? Por que desejam me censurar? Por que tanto medo das minhas verdades? Pois eu te desafio a ler a Consolidação destas mentiras e bobagens em  http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/30_114/materia.html e, depois, discordar de mim

com provas, argumentos e nexo. Saiba que até hoje ninguém fez isto. Lembre-se ainda que eu apenas respondo e comento textos publicados e postados antes dos meus.

Por favor, saiba que eu sempre fui, desde antes da criação do CAFIB, um dos grandes divulgadores do Fila Puro, da mestiçagem e, depois da fundação do CAFIB, de nossa Filosofia de Criação. Apenas retomei este meu trabalho com meu site (2.009) e blog (2.012). Apenas isto. Todo mundo é livre para defender e debater suas ideias de maneira séria, mas com argumentos, nexo e sem mentiras. A web esta repleta de artigos a favor da mestiçagem. Voce mesmo acaba de fazer suas sugestões para mim. Inclusive a da pergunta nº 66 abaixo. Se voce não se interessa pela História do Fila, ok. Tudo bem. Mas muitos gostam e me agradecem. E assim como o Fila esta sendo resgatado da extinção, alguns criadores estão sendo resgatados da ignorância. Alguns estão até se associando ao CAFIB.

66. Email recebido deste mesmo criador do Fila-CBKC acima: Por que voce ao invés de escrever sobre a Verdadeira História do Fila, voce não passa a incentivar os criadores do CAFIB a convencer criadores do Fila-CBKC a se transferirem para o CAFIB? Já pensou voce chegar ao fim deste ano e ver que criadores do CAFIB conseguiram transferir para o CAFIB um grande número de criadores do Fila-CBKC. Por que o CAFIB não institui este objetivo como uma meta a ser alcançada, como ocorreu recentemente com 5 criadores nossos que se associaram ao CAFIB?

Interessante como voce continua temendo tanto meus artigos… Não entendemos um CAFIB como um clube com o objetivo de tirar sócios do CBKC. Penso que estas transferências devem acontecer naturalmente. Quem estudar, participar e se convencer que o CAFIB e a sua Filosofia de Criação é o melhor caminho a seguir para se criar o Cão de Fila Brasileiro, que venha para o CAFIB, comungue com nossas ideias e siga o nosso trabalho de seleção e controle que fazemos com sucesso a quase 35 anos. Até porque é o único clube que seleciona e controla a Raça Fila que registra. Lembre-se que ha 9 meses (dez/11) o APR foi instituído pelo CBKC e 45 dias depois foi revogado sem nenhuma explicação, causando a renuncia do Roberto Sene do Conselho que, segundo ele mesmo me informou, não se deixou “manipular”. Logo, cabe aqui uma pergunta: será que os conselheiros que lá permaneceram se deixam manipular?

Agradeço sua ideia, mas para mim me parece muito profissional, como se o CAFIB fosse uma empresa, com metas a serem alcançadas. O CAFIB é muito “light” para ter um ideal de captura de sócios como o proposto acima por voce. Repare que a diretoria do CAFIB não se envolve em polêmica, não se preocupa em provar nada. Apenas fazer seu trabalho: proteger o Fila Puro.

67. Voce notou que nos Facebooks muito se palpitou sobre o seu email apresentando o depoimento do Presidente do UNIFILA, Marcus Flávio Vilasboas Moreira (https://filabrasileirochicopeltierblog.wordpress.com/2012/08/30/post-36-tio-chico-informa-no-17-unifila-e-o-fila-preto-enviado-300812/) sobre a inexistência do “fila-preto”, mas nenhum criador do Fila-CBKC realmente teve coragem de desmenti-lo ou comentar em profundidade estas declarações do Marcus Flávio?

Claro. Infelizmente voce esta correto. É comum criadores de mestiços se esquivarem de assuntos sérios ligados à mestiçagem. Preferem o que eu chamo de “assuntos paralelos”. Ficam sempre tecendo comentários pela tangente e sempre fugindo do assunto em foco. Também gostam muito de se auto elogiarem e se “curtirem”. Assim como aos seus mestiços… Mas por favor, lembre-se que existem muitos criadores sérios de Filas Típicos no CBKC. Entretanto, infelizmente, uma Raça não se constrói com estas superficialidades postadas em Facebooks. Se constrói com muito conhecimento, trabalho teórico e prático, dedicação e com uma rígida e clara Filosofia de Criação difundida, aceita e praticada pelos sócios.  Não basta apenas criar, como alguns apregoam de forma ingênua e até infantil, relatando seu árduo trabalho dentro do canil, cuidando dos cães, das ninhadas e até da limpeza dentro do canil. Tem que se ter uma orientação, um foco e um objetivo pré-determinado. Ou seja, uma Filosofia de Criação com um rígido sistema de seleção e controle. É claro, repito, que existem bons criadores e Filas Típicos no CBKC. Mas não vejo nenhuma orientação, liderança e representatividade deles junto ao cartório chamado CBKC. Infelizmente, acredito que muitos dos participantes que na web defendem tanto os filas-mestiços não são criadores, mas sim COLECIONADORES de cães molossos de diversas Variedades e tipos. Alias esta frase e constatação não é minha, mas sim de um conhecido criador de Fila-CBKC.

—–

Post nº 41 – “Carro-Mestiço”… – enviado 5-09-12

Amigos,

Vejam abaixo o engraçado email que recebi de um criador do CAFIB:

De: XXX
Enviada em: segunda-feira, 27 de agosto de 2012 23:24
Para: fbcp2009@uol.com.br
Assunto: “carro-mestiço”…

Tio Chico,

Veja que engraçado: assim como existe “fila-mestiço” também  existe “carro-mestiço”.

Mistura de Volkswagen com Rolls Royce… (kkkkk)

Só que ninguem se engana, nem enganam ninguem…

Vide em: http://www.google.com.br/search?q=volkswagen+rolls+royce&hl=pt-BR&prmd=imvns&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=1So8UJnnHKre6wHt84GIBg&ved=0CCEQsAQ&biw=1024&bih=482

Saudações, XXX.

 

Post # 40 – “Mixed Bred” vehicle… – sent Sep,5th-2012

Dear friends,

I just received this following email from a CAFIB breeder who loves a joke:

De: XXX
Enviada em: segunda-feira, 27 de agosto de 2012 23:24
Para: fbcp2009@uol.com.br
Assunto: “mixed bred” vehicle…

Dear Chico

Look, very funny: just as the mixed-bred fila, the “mixed bred” vehicle exists.

I.e.: mix-breeding Volkswagen with Rolls Royce … (lol)

Except that nobody is fooling themselves or anyone else.

Just click:  http://www.google.com.br/search?q=volkswagen+rolls+royce&hl=pt-BR&prmd=imvns&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=1So8UJnnHKre6wHt84GIBg&ved=0CCEQsAQ&biw=1024&bih=482

Note: this email was sent to FCI + CBKC.

Rgds, XXX.

Post # 39 – Uncle Chico Newsletter # 19 – An Important Point of View by João Nunes – Sent Sep.3rd-2012

Uncle Chico Newsletter # 19

An Important Point of View, By João Nunes.

Translated by Ligia Morris, from her blog “Fila 411 USA”

Note from Ligia Morris: I came across this article written by Joao Nunes from Alufam Kennel on his page on Facebook. I identified so much with it, that I thought it deserved international exposure and recognition, most importantly, for its clarity and reason. I hope it will resonate with like minded Fila breeders and enthusiasts!

Dear friends,
Once again, I wish to express a personal observation:
To me there has always been what I call the Classic CBKC Breeder, i.e., individuals that breed, select, and compete in CBKC Shows with dogs having very different characteristics from the Fila Brasileiro bred according to the Paulo Santos Cruz (PSC) Standard for the Fila published in O Fila year I, Issue 8 – July of 1979. So far as there is no mistreatment of animals, that’s perfectly all right with me! They live their lives and I live mine in a friendly and civilized coexistence. But lately, happening parallel to the increasing acceptance and dissemination of PSC standard; mainly in Brazil and abroad, I have very frequently been starting to identify a group of breeders that I have come to call Breeders of Hybrids. They argue their position in a very unscientific manner. Here are some of the examples:

1) “It’s just a dispute between clubs”.

Wrong, breeding is done on scientific criteria and therefore needs standards and benchmarks. You might not even be a fee contributing member of a club, but you will need a standard to guide your breeding. Now, in any human institution, there will always exist troubled individuals be, who want to use a social group as a release for their personal hang-ups. Well, for those we may reserve our compassion.

2) “I just like a good Fila.”
That might be acceptable if you just want to have a dog for your home. But a breeder who is guided by scientific criteria should know that it is not a matter of “personal liking”, one must have a scientific explanation for their choice. For example: Two plus two will

always be four, like it or not.

Lessons of the 70’s being repeated in 2012

3) “the Fila is a mixed breed anyway”
Wrong. The Fila is a collection of individuals whose somatic characteristics are genetically determined and thus inherently transmitted between them. Therefore, the Fila Brasileiro cannot be mixed, either it is a purebred dog or it is a crossbred dog. When new genes are introduced, whether it be from one of the archetypal breeds that formed the current breed, this new dog will not be a Fila, but rather, a compound of Fila genes and genes of breed X. This is “Uncle Chico’s” reasoning when he proposes the adoption new breed qualifications, that is, the breed created by Fila genes and the genes of breed X. That would be the Mastin Brasileiro as proposed in http://www.filabrasileirochicopeltier.com.br/novos/pergunte_chico_3/materia.html  .

4) “There are good Filas in both groups.”
Wrong, there may be good dogs in both groups, however, the Fila Brasileiro is the one that brings in its genetic baggage, characteristics of the breed that will be passed on to their offspring. “The choice of a Breeding Technique and Adoption of Selective Criteria are crucial for the development of a Breeding Program” (O Fila – Year I, vol.3, 02/1979).

5) “There are also atypical dogs in CAFIB. I do not see anything being done for the breed by either CAFIB or CBKC “
Misusing the word “atypical” is very convenient for the breeder who wishes to remain without taking a formed position, and enjoying the benefits of participating in both groups because, in being so, the dog that is not accepted in one group can be accepted in another on the grounds that this divergence in acceptance would be only a “dispute among clubs.” The word “atypical”, when used in the sense of anatomical or physiological characteristics uncommon to breed, as in females who get c-sections or animals with little bone mass, always occur in any breeding program; the breeder only needs to reassess its breeding program pairings. However, the atypical in the context of signs of crossbreeding is what the CAFIB has been eliminating from the gene pool, for over thirty years, with the analysis and the progeny tests. Given these findings, I cannot agree with the statement: “The CAFIB does nothing for the breed, also.”

6) “Many of CAFIB dog’s ancestors were not CAFIB and then what?”
That is why the analysis are done! (O Fila-year III, vol. 30, 1981 07/08/09).

7) “I think it’s too much radicalism coming from both groups”
The serious breeder (which does not necessarily mean the successful breeder) must have a scientific reasoning, i.e., based on scientific evidence and findings of fact. Therefore, expressions such as “radical”, “lack of democracy” and “prejudice toward the black color”, do not fit in this discussion. Those issues are very important, but for discussions on human relations!

8) “I know what a Fila is because I breed for many years
Indeed, managing a kennel and dealing with dogs on a daily basis is certainly an experience that will contribute a lot! However, when you identify the true and original Fila, according to the PSC standard (O Fila – year 1, #8 – 07/1979), you are just as inexperienced as me and many others because you spent years using another evaluation criteria in your breeding program.

I could cite several other interesting thoughts that have been said to me, however, notice that the ultimate goal is to always justify that Hybrid Breeder may take advantage of the criteria used by the CAFIB Fila breeders and of Classic CBKC dog breeders. This attitude destroys any scientific criterion of selection on both sides.

Incidentally, I send my regards to the Classic CBKC breeders that have taken a stand in favor of the differences and made their choice to continue on breeding their type of dog, and also, to my friends in CAFIB, selfless partners in favor of true Fila who teach and help me, so much.

Joao Nunes is the Breeder and owner of Alufam Kennel (Alufam kennel), located in Bahia, Brazil – the name of the kennel comes from the African language and religious culture so influential in Brazil and more specifically in Bahia. It denotes Godly protection and direction. Alufam Kennel has been breeding according to the Paulo Santos Cruz/Cafib Standard.